Primeiro tratamento com vírus geneticamente modificado salva jovem às portas da morte

Pela primeira vez no mundo, um vírus geneticamente modificado foi usado como tratamento para salvar a vida de uma jovem. A britânica contraiu uma infeção resistente a antibióticos após um transplante de pulmões.

Aos 17 anos de idade, Isabelle Holdaway foi a primeira paciente a ser tratada com um vírus geneticamente modificado e não podia ter corrido de melhor maneira. A jovem conseguiu recuperar de uma infeção resistente a antibióticos que contraiu após um transplante de pulmões.

Depois de passar nove meses no hospital de Great Ormond Street, em Londres, a jovem regressou a casa para receber cuidados paliativos. Contudo, Isabelle conseguiu recuperar depois do seu médico juntar forças com um laboratório americano para desenvolver uma terapia experimental.

“É uma ciência médica incrível. Foi um milagre“, disse a mãe de Isabelle, que foi a primeira a sugerir o tratamento aos médicos após ter lido sobre o assunto na internet.

Os cientistas por detrás deste avanço científico dizem que estes vírus geneticamente alterados capazes de matar as bactérias — conhecidos como fagos — têm o potencial de serem usados como um tratamento alternativo para combater a resistência aos antibióticos cada vez mais comum.

Isabelle foi submetida a um transplante de pulmões, uma vez que sofre de fibrose cística, uma doença genética que, segundo o The Guardian, resulta em infeções frequentes que entopem os pulmões com muco. No verão de 2017, os seus pulmões estavam apenas com um terço do seu desempenho normal. Os médicos decidiram então que fazer um transplante de pulmões era a melhor opção.

Depois do transplante, Isabelle contraiu uma infeção semelhante à tuberculose e que poderia ser fatal. “Ela perdeu muito peso. Estava literalmente um esqueleto“, disse a mãe. “Não havia nada que pudessem fazer para deixá-la confortável. Foi horrível”, acrescentou.

O tratamento recorre a fagos, que infetam as células bacterianas e matam-nas. “A ideia é usá-los como antibióticos — como algo que poderíamos usar para matar as bactérias que causam infeções”, disse Graham Hatfull, o cientista americano que colaborou com o hospital britânico.

Em junho do ano passado, Isabelle tomou um cocktail de fagos e, passadas seis semanas, um exame ao fígado revelou que a infeção tinha essencialmente desaparecido. “Nunca achamos que chegaríamos a um ponto que se usasse esses fagos terapeuticamente. É um resultado brilhante”, disse Hatfull.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Faca feita de fezes entre os vencedores deste ano dos prémios Ig Nobel

Uma faca feita com fezes congeladas e um jacaré a arrotar são alguns dos vencedores dos prémis Ig Nobel, que distinguem as invenções mais incomuns. Os prémios Ig Nobel – uma paródia dos prémios atribuídos pelas …

O hemisfério norte teve o verão mais quente de que há registo (e isso é um sinal de alerta para a Terra)

O hemisfério teve em 2020 o verão mais quente de que há registo. No geral, o Planeta Terra teve três dos meses mais quentes, e o mês de agosto foi o segundo mais quente que …

Há uma nova explicação para o naufrágio do Titanic: Uma fantástica Aurora Boreal

Todos conhecemos a história do Titanic. Também todos sabemos que o seu naufrágio aconteceu após o grande navio ter embatido num iceberg. Contudo, um investigador americano põe novas hipóteses em cima da mesa. E se …

Famalicão 1-5 Benfica | "Águia" faminta com nota artística

Após a desilusão de Salónica, que ditou um adeus precoce dos milhões da fase de grupos da Liga dos Campeões, o Benfica goleou na noite desta sexta-feira o Famalicão por 5-1, numa espécie de redenção. Neste …

O anonimato de Banksy teve um custo. Perdeu os direitos sobre uma das suas obras mais icónicas

O famoso artista de rua britânico Banksy perdeu uma longa batalha judicial pelos direitos autorais da obra "The Flower Thrower", contra a Full Colour Black, empresa que produz postais de felicitações. Banksy, o misterioso artista que, …

Reino Unido e Espanha aumentam restrições. Itália e Alemanha com quase dois mil casos

Madrid restringe movimentos de 850 mil pessoas, Itália regista um aumento dos casos de infeção nas últimas 24 horas, britânicos enfrentam novas restrições no país e Alemanha com dois mil novos casos de covid-19. A região …

Trump novamente acusado de assédio sexual. "Enfiou a língua na minha garganta", disse Amy Doris

O Presidente dos EUA, Donald Trump, foi acusado esta quinta-feira de agressão sexual por uma ex-modelo, num episódio que alegadamente terá ocorrido num torneio de ténis, em 1997. A ex-modelo Amy Dorris relatou ao jornal britânico …

Ventura pondera suspender mandato para se dedicar à campanha presidencial

O presidente do Chega afirmou hoje que o seu partido "está a analisar" no plano jurídico a questão da suspensão temporária do seu mandato de deputado para se dedicar às campanhas dos Açores e presidenciais. Em …

Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recupera, avisa neurologista

Um neurologista ouvido num documentário da RMC Sport diz que o ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recuperará. Já passaram quase sete anos desde que Michael Schumacher sofreu um acidente …

Processos com acórdãos a meias entre Rangel e Galante estão em risco

Durante dez anos, centenas de acórdãos do Tribunal da Relação de Lisboa foram feitos a meias entre Rui Rangel e Fátima Galante. Agora, esses processos estão em risco. A Procuradoria-Geral da República anunciou esta sexta-feira a …