Vídeo polémico de apoio a Pedro Marques aquece eleições europeias

António Cotrim / Lusa

O ex-ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques

A Comissária Europeia Corina Cretu, socialista romena, está no centro de uma polémica por causa de um vídeo de apoio a Pedro Marques, o candidato do PS português às eleições europeias que se avizinham. Tudo porque terá usado meios da Comissão Europeia para gravar o vídeo.

O vídeo em causa foi publicado por Pedro Marques no seu perfil do Facebook e nele Corina Cretu surge a elogiar o cabeça-de-lista do PS às europeias. O problema é que a gravação terá sido feita com recurso às instalações e aos meios da Comissão Europeia (CE), segundo apurou a SIC.

A confirmar-se este cenário, estamos perante uma violação do Código de Conduta dos membros da CE que permite aos comissários participarem na campanha eleitoral, sem cessarem funções, mas que determina que “não podem usar os recursos humanos ou materiais da Comissão durante esse período”.

O Código refere ainda que os comissários “devem informar o presidente da sua intenção”, cabendo a este decidir “se a participação em causa é compatível com o desempenho das funções de membro da Comissão”, como sublinha a SIC.

A comissária europeia para a Política Regional, que supervisiona os fundos europeus, já veio dizer que não vê nada de errado no vídeo. E Pedro Marques refere à SIC que Corina Cretu sempre esteve ciente de que o vídeo seria para ser utilizado na campanha socialista.

Também a Comissão Europeia não encontra ilegalidades no processo, referindo que se trata de um vídeo institucional.

Na gravação, Corina Cretu não poupa elogios a Pedro Marques, salientando que foi devido ao seu “trabalho e de toda a sua equipa que foram concretizados muitos projectos concretos em Portugal” que “contribuíram para a recuperação económica e social” do país.

A socialista romena diz ainda que o ex-ministro do Planeamento “é um dos melhores embaixadores do projecto europeu e um óptimo negociador“.

Corina Cretu também destaca que testemunhou “o sucesso de Portugal na implementação da política de coesão”, algo que considera se dever muito ao papel de Pedro Marques, e nota que “Portugal é um dos países de topo em termos de implementação de fundos”.

Palavras que surgem numa altura em que Pedro Marques é criticado pela oposição ao PS pela má aplicação dos fundos comunitários no período em que foi ministro do Planeamento.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Este Pedro tem azar é incompetente e ainda por cima não tem carisma é um desastre completo, o Kosta tem que o Pôr a receber lições de qualquer coisa porque pior não pode ser.

  2. Conduta? Só se for a da monárquica que eles estão a adoptar e possivelmente a romena já pertencerá à família de algum deles, o boquinhas anda desconfiado que a coisa poder-lhe-há correr mal apesar do padrinho andar por aí todos os dias numa berraria a afirmar que ele é o melhor.

RESPONDER

Novo primeiro-ministro belga nomeado após 16 meses de crise política

O atual ministro das Finanças da Bélgica, Alexander de Croo, toma posse esta quinta-feira como primeiro-ministro, depois de ter sido na quarta-feira formalmente nomeado para o cargo, pondo fim a uma longa maratona de 16 …

Cortes de água, luz, gás e telecomunicações regressam esta quinta-feira

A partir desta quinta-feira, regressam os cortes de água, eletricidade, gás natural e telecomunicações para todos os consumidores em situação de desemprego, com uma quebra de rendimentos de, pelo menos, 20% ou que estejam infetados …

Moderna contradiz Trump. Não haverá vacina até às eleições

O diretor-executivo da farmacêutica Moderna Therapeutics, que está a desenvolver uma das mais avançadas vacinas para a covid-19, disse que esta não estará pronta até às eleições presidenciais dos Estados Unidos. Em declarações ao jornal Financial …

Brigadas dos lares arrancam com menos profissionais do que o previsto

As Brigadas de intervenção Rápida para os lares atingidos por surtos de covid-19 arrancam esta quinta-feira - mas há menos enfermeiros e cuidadores do que o previsto. Em declarações à Renascença, o presidente do Instituto da …

PS segue PSD e propõe voto antecipado para eleitores em confinamento

O Partido Socialista (PS) decidiu juntar-se ao Partido Social Democrata (PSD) na ideia de alargar o direito de voto antecipado aos eleitores que estejam em confinamento à data das próximas eleições presidenciais. De acordo com o …

Santos Silva assume "contactos" para reforço dos EUA da base das Lajes (e desdramatiza eventual crise política)

Augusto Santos Silva, ministro dos Negócios Estrangeiros, disse, em entrevista ao Público e à Renascença, que há "contactos" com os Estados Unidos para reforço norte-americano da base das Lajes e desdramatizou a aprovação do Orçamento …

3.800 euros por mês. Genebra aprova o primeiro salário mínimo (e é o mais alto do mundo)

Os habitantes de Genebra, na Suíça, aprovaram, este domingo, a proposta de um salário mínimo de 23 francos suíços por hora (equivalente a cerca de 21,30 euros) para todos os que trabalham na cidade. De acordo …

No day after do debate caótico, Biden pede regras rígidas e Trump queixa-se do moderador

O debate caótico entre Donald Trump e Joe Biden motivou críticas generalizadas que suscitam dúvidas sobre se será de manter os outros dois debates ou se, mantendo-os, será necessário alterar as regras. Um dia após a …

OE2021. Pontas soltas, alguns avanços e uma certeza: se houver entendimento, há acordo por escrito

Se houver entendimento em algumas matérias com o Bloco de Esquerda e o PCP, haverá um "compromisso escrito", adiantou Duarte Cordeiro, secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares. Em entrevista ao podcast Política com Palavra, do PS, …

Covid-19. Hospitais da região de Lisboa pedem camas uns aos outros

Os hospitais da região de Lisboa e Vale do Tejo continuam a bater à porta uns dos outros a pedir camas para internar doentes com covid-19. Segundo a edição desta quinta-feira do jornal Público, os …