Vaticano manifesta “vergonha e dor” pelos casos de abuso sexual nos EUA

Mazur / Catholic Church England and Wales

Foram identificados mais de mil menores abusados

O Vaticano manifestou-se nesta quinta-feira reagindo com “vergonha e dor” à investigação dos abusos sexuais praticados por mais de 300 padres na Pensilvânia, e assegurou que o papa está do lado das vítimas.

“As vítimas devem saber que o papa está do seu lado. Aqueles que sofreram são a sua prioridade, e a Igreja quer ouvi-los para erradicar este trágico horror que destrói a vida dos inocentes”, declarou a Santa Sé num comunicado.

Um relatório do Grande Júri da Pensilvânia, publicado na terça-feira, 14 de agosto, revelou abusos sexuais praticados por mais de 300 “padres predadores” e o seu encobrimento pela Igreja Católica neste estado, onde pelo menos mil meninos e meninas foram vítimas destes atos desde os anos 50.

Não é a primeira vez que um júri popular publica um relatório a revelar escândalos de pedofilia dentro da Igreja católica americana, mas nunca tantos casos haviam sido revelados.

Padres violentaram meninos e meninas, e os homens da Igreja que eram os seus responsáveis não fizeram nada. Durante décadas”, escreveram os membros do júri no relatório.

O Vaticano reagiu afirmando levar “muito a sério” o relatório e assegurou que “duas palavras podem expressar o que se sente diante destes crimes horríveis: vergonha e dor”.

“Os abusos descritos no relatório são criminosos e moralmente reprováveis. Estes atos traíram a confiança e roubaram das vítimas a sua dignidade e a sua fé”, diz o comunicado.

A Santa Sé lembra, no entanto, que a maior parte dos casos mencionados é anterior ao começo dos anos 2000, quando a revelação de vários escândalos levou a Igreja americana e realizar “reformas”.

Acredita-se que o relatório seja o mais abrangente até hoje publicado no que toca a abusos cometidos dentro da Igreja americana desde o ano de 2002, quando o jornal The Boston Globe expôs pela primeira vez sacerdotes pedófilos em Massachusetts.

A investigação realizada pelo Grande Júri em quase todas as dioceses da Pensilvânia (exceto duas) levou dois anos e resultou em dezenas de testemunhos e 500 mil páginas de registos, contendo “alegações fidedignas contra mais de 300 padres predadores”.

Mais de mil menores vítimas destes abusos foram identificados, mas o “número real” estaria na casa “dos milhares”, estimou o Grande Júri.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas mediram o período de tempo mais curto de sempre

Uma equipa de físicos e metrologista da Universidade Goethe de Frankfurt, na Alemanha, anunciou que conseguiu medir o menor período de tempo já determinado - são 247 zeptosegundos, segundo os cientistas. O processo físico cuja …

Viagens expresso no Sistema Solar. Nave espacial pode chegar a Titã em apenas 2 anos

Uma equipa de cientistas está a trabalhar num propulsor de nave espacial que, segundo eles, poderia alcançar a misteriosa lua de Saturno, Titã, em menos da metade do tempo que o satélite Cassini demoraria. Apesar de …

Depois do "selo Brexit", os correios da Áustria emitem o "selo corona" impresso em papel higiénico

O serviço postal da Áustria uniu dois pontos da pandemia do novo coronavírus ao criar um selo impresso em papel higiénico que, segundo os correios, as pessoas também podem, a qualquer momento, usar para ajudar …

A Moog celebra os 100 anos do Theremin com um novo instrumento: o Claravox Centennial

Este ano marca o 100º aniversário do Theremin - um dos primeiros instrumentos musicais completamente eletrónicos, controlado sem qualquer contacto físico pelo músico. Para celebrar vai ser lançado o Claravox Centennial. Foi em 1920 que Leon Theremin, …

Depósito inexplorado na Sibéria tem uma das maiores reservas de ouro do mundo

O maior produtor de ouro da Rússia, PJSC Polyus, anunciou esta semana que o seu depósito inexplorado em Sukhoi Log, na região siberiana de Irkutsk, possui uma das maiores reservas mundiais deste metal preciosos. De …

Os novos iPhones não trazem carregador. Apple poupa muito nos custos, mas não no ambiente

A Apple decidiu vender os seus novos iPhones sem carregador ou auscultadores, alegando que a alteração tem em conta o ambiente, uma vez que serão utilizados menos produtos na embalagem dos telemóveis, mas os especialistas …

Caça ao tesouro secular. Lendária ilha pode esconder Santo Graal, manuscritos de Shakespeare e jóias reais

Perto da Nova Escócia, no Canadá, há uma lendária ilha com misteriosos túneis e estranho artefactos. Há quem acredite que esconde o Santo Graal, os manuscritos de Shakespeare e um tesouro de um capitão. Porém, …

Aprender "baleiês" pode evitar choque de navios com o animal

Uma equipa de cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, tem uma nova ideia para salvar as baleias-azuis em migração das colisões com navios. Durante a época de migração das baleias-azuis, os animais enfrentam sérios …

Afinal, os carros elétricos não são a melhor resposta para combater as alterações climáticas

Os carros elétricos, surgem como alternativas mais sustentáveis aos veículos a gasolina ou gasóleo, podem não ser a melhor forma de combater as alterações climáticas no âmbito dos transportes, de acordo com um novo estudo. …

Seria Jesus um mágico? Há arte romana que parece sugerir que sim

Em alguma arte antiga, Jesus é retratado a fazer milagres com algo na mão que parece ser uma varinha. Investigadores sugerem que se trata de um cajado, que era usado como símbolo de poder. Segundo a …