Dirigentes e uma menor agredidos em Alvalade. Juve Leo “nunca mais” vai mandar no Sporting

Mário Cruz / Lusa

O presidente do Sporting, Frederico Varandas

O presidente do Sporting criticou a claque Juve Leo e garante que esta “nunca mais” terá privilégios nem mandará no emblema de Alvalade enquanto estiver à frente do Conselho Diretivo dos leões.

Frederico Varandas, que falava aos jornalistas na zona mista do Estádio José Alvalade, após o triunfo frente ao Portimonense (2-1), insurgiu-se contra as agressões ao vogal Miguel Afonso e às ofensas à sua filha de 16 anos e ao vice-presidente Filipe Osório de Castro.

O episódio terá acontecido depois do triunfo do Sporting diante do Benfica (2-0), em jogo da 17.ª jornada da fase regular do Nacional de futsal.

“Dois elementos do Conselho Diretivo e a filha de um deles sofreram uma emboscada de cerca de seis elementos cobardes. Pontapearam um vogal do Conselho Diretivo e um segurança e cuspiram na cara de uma miúda de 16 anos. Isto é o que se tem vindo a passar há mais de dez anos. Episódios como este levaram a que um presidente se demitisse. Curiosamente, os presidentes e os treinadores vão mudando e quem está à frente desta claque mantém-se”, começou por dizer Varandas.

Numa declaração sem direito a perguntas por parte da imprensa, o presidente, sem nunca pronunciar o nome da Juve Leo, relembrou que as críticas à atual direção vêm já da terceira jornada da I Liga.

“Saímos de Portimão no primeiro lugar e fui ofendido. O que mudou foram os privilégios que estes senhores não têm e que com esta Direção nunca mais voltam a ter. Se julgam que por cobardemente amedrontar, esta Direção vai recuar? É fácil recuar. Temos famílias e podemos questionar-nos se vale a pena, mas estamos aqui porque amamos este clube”.

“Este clube não é deles, é dos sócios. Vai chegar o momento em que não pode só ser esta Direção a bater-se. O que está em causa não é um resultado desportivo, está em causa a soberania do Sporting. Estes senhores julgam que mandam no Sporting, mas não mandam e nunca mais irão mandar“, concluiu.

“Cobardes e lamentáveis”

Antes destas declarações, o clube leonino emitiu um comunicado, no qual vem “repudiar mais um episódio de violência ocorrido nas instalações de Alvalade”, rotulando estes acontecimentos de “cobardes e lamentáveis”.

Na mesma nota, o Sporting relembra que atualmente decorre o “julgamento de Alcochete” e que, numa altura em que tenta ultrapassar os momentos extremamente violentos desse episódio, foi hoje “mais uma vez, atacado”.

“Perante as agressões, a violência, as ameaças e os insultos o Sporting não irá ceder. Isto não é o Sporting. Tomaremos as medidas necessárias e defenderemos os sócios, as famílias e todos aqueles que, sob o signo do Leão, vivem e apoiam sempre o seu clube, com os valores que fazem parte do ADN do Sporting Clube de Portugal”, conclui.

3000 adeptos pedem demissão de Varandas

Antes do encontro com o Portimonense, cerca de três mil adeptos manifestaram-se em frente ao Pavilhão Multiusos do Sporting onde exigiram a demissão do atual Conselho Diretivo, querendo a realização de novas eleições no mais curto prazo.

A concentração iniciou-se cerca das 16h00 e os adeptos, que se assumiram como tal e não como membros de claques, empunharam cartazes onde se podia ler “Varandas, I love you out of Sporting” [Varandas, gosto de ti fora do Sporting] e “Demissão, rua já! O Sporting tem de ser nosso outra vez”.

Para os adeptos que compareceram na concentração é claro que a demissão de Varandas tem de ter efeitos imediatos, de forma a que sejam convocadas eleições para a presidência do Sporting o mais rapidamente possível.

No entanto, apesar da forte oposição manifestada contra a direção, alguns adeptos sportinguistas também expressaram desagrado contra a pressão que está a ser colocada nos dirigentes do clube.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Pós-Brexit. Imigrantes do Reino Unido vão ter de falar inglês e ter qualificações

O Reino Unido apresentou detalhes sobre as novas regras para a imigração pós-Brexit, que vão dificultar o acesso dos cidadãos da União Europeia (UE) e impor requisitos, como falar inglês, qualificações e um salário mínimo …

Ações de Isabel dos Santos na Galp, NOS, Efacec e EuroBic escapam a ordem judicial

As ações de Isabel dos Santos em empresas como Galp, NOS, Efacec e EuroBic não estão abrangidas na ordem judicial relativa ao arresto das suas contas bancárias. O arresto das contas bancárias de Isabel dos Santos …

Covid-19. Presidente chinês diz que há “progresso visível”, mas número de mortos ultrapassa os 2.000

O Presidente da China defendeu esta quarta-feira que as medidas aplicadas pelas autoridades chinesas para travar a propagação do novo coronavírus, estão a alcançar um "progresso visível", num "momento crucial" da crise que paralisou o …

Tomás Correia foi pessoalmente ao Banco de Portugal buscar a nova condenação

Esta segunda-feira, Tomás Correia foi pessoalmente ao Banco de Portugal buscar a nova condenação de que foi alvo, por violação das regras de controlo e branqueamento de capitais. A notícia é avançada esta quarta-feira pelo Público, …

Alunos do ensino profissional vão poder entrar no ensino superior sem exames nacionais

Os estudantes que terminem um curso profissional ou artístico terão melhores condições de acesso ao ensino superior já no próximo ano. O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, anunciou esta quarta-feira que os …

Trump indulta ex-governador que tentou "vender" lugar de Obama no Senado

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, indultou na terça-feira o ex-governador de Illinois Rod Blagojevich, preso por corrupção após ser considerado culpado de tentar "vender" o lugar de Barack Obama no Senado, depois …

"Toca a reunir" no PS para aprovar eutanásia (e 6 médicos admitem que já a praticaram)

O PS está a mobilizar os seus deputados no sentido de garantir que, desta feita, a eutanásia passará no Parlamento. Tudo indica que venha a ser aprovada numa altura em que os médicos estão divididos …

CP está a escapar à multas por falhas nos serviços

A CP - Comboios de Portugal está a escapar às multas por falhas nos serviços, como atrasos e supressões de comboios, porque ainda não entrou em vigor o contrato de serviço público assinado com o …

Alegadas agressões a Taarabt valem processos a Marega e Pepe

A Comissão de Disciplina da FPF abriu processos disciplinares a Moussa Marega e Pepe devido a alegadas agressões sobre Taarabt, no jogo com o Benfica. Os jogadores do FC Porto Moussa Marega e Pepe vão ser …

Costa arrasa proposta "forreta" de orçamento europeu

A proposta de quadro financeiro plurianual para 2021-2027 do presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, vai morrer na praia. António Costa diz que os líderes europeus não devem ceder à pressão dos quatro países “forretas”. "Esta …