48 Taças de um país onde nem joga? Só o Vaduz

(dr) FC Vaduz

Vaduz celebra conquista da Taça do Liechtenstein

Recordista mundial aumentou o seu registo nesta terça-feira. A Taça do Liechtenstein envolve 16 equipas – mas somente 7 clubes.

Na terça-feira passada, a maioria dos adeptos europeus de futebol estaria centrado em Espanha, onde o Villarreal parecia encaminhado para uma reviravolta histórica, na meia-final da Liga dos Campeões.

O Villarreal-Liverpool, que ao intervalo registava uma vitória espanhola por 2-0, terminou com uma derrota espanhola por 2-3. Nada de novo: em quatro jogos das meias-finais da Liga dos Campeões, três foram “de loucos”.

Mas, na mesma noite, estava a decorrer uma final de uma Taça nacional. Pouco mediática, é certo, mas interessante a nível estatístico. Por vários motivos.

A final da Taça do Liechtenstein (o leitor consegue escrever o nome deste país à primeira tentativa?) envolveu, desta vez, o Vaduz e o USV Eschen/Mauren. O Vaduz ganhou por 3-1.

Um vencedor esperado. Desde 1997 o Vaduz conquistou esta competição quase sempre; só falhou em 2012, perdendo na final precisamente contra o Eschen. E, ao todo, já venceu a Taça 48 vezes – é um recorde mundial no futebol, superando as 44 Taças do Linfield (Irlanda do Norte) e as 40 do Celtic (Escócia).

A Taça do Liechtenstein conta com 16 equipas. Mas com apenas 7 clubes. É que nove das formações participantes são a equipa B, ou mesmo a equipa C, do clube.

Nesta época o Vaduz esteve duplamente presente nos quartos-de-final: a equipa principal ganhou (por 12-0), a equipa B perdeu contra o Ruggell.

Taça do Liechtenstein, campeonato da Suíça

Em relação ao campeonato, o Vaduz está na luta pela subida à primeira divisão nacional da Suíça.

Sim, da Suíça. O Vaduz disputa a Taça do Liechtenstein mas joga no campeonato da Suíça – agora na segunda divisão, porque desceu na época passada.

Não, não há campeonato de futebol no Liechtenstein. Mas já houve, entre 1934 e 1937.

O Vaduz foi campeão nacional na última edição do campeonato que teve mais do que uma equipa, em 1936. No ano seguinte o Triesen foi campeão nacional pela terceira vez, sem precisar de jogar.

Como? O Triesen foi o único clube inscrito nessa última edição do campeonato do Liechtenstein. E foi campeão. Sem muitas dificuldades, calculamos.

O campeonato nunca mais foi disputado mas, meses após o final da II Guerra Mundial, foi dado o pontapé de saída na Taça do Liechtenstein, que ainda existe.

Em 2022, por ter vencido a Taça do Liechtenstein, o Vaduz, que joga na Liga Suíça, vai representar o Liechtenstein na próxima Liga Conferência da UEFA.

  Nuno Teixeira da Silva, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.