Fecho da urgência pediátrica à noite no Garcia de Orta é “hipótese ainda em estudo”

Hipersyl / Wikimedia

Hospital Garcia de Orta

A Comissão de Utentes do Seixal disse esta sexta-feira que a urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta, em Almada, vai passar a encerrar todas as noites, a partir de 18 de novembro, por seis meses.

A agência Lusa contactou a administração do Hospital Garcia de Orta, que não confirmou o encerramento e preferiu não prestar declarações.

Contudo, João Lourenço, da Comissão de Utentes de Saúde do Concelho do Seixal, afirmou depois de uma reunião com a administração do Garcia de Orta que “a partir de dia 18 passa a encerrar todas as noites dos sete dias da semana”.

Este serviço encerrou por diversas vezes durante a noite em outubro por falta de especialistas, levando o hospital a implementar um modelo de encerramento no período noturno aos fins de semana, até 18 de novembro.

No entanto, segundo o utente, a urgência pediátrica vai passar a estar aberta durante o dia, também ao fim de semana, mas fecha todas as noites, a partir das 21:00 até às 08:30 do dia seguinte, “pelo menos durante o prazo de seis meses”.

Estas informações foram transmitidas pela administração, segundo José Lourenço, que considerou a medida “preocupante”. “Vai aumentar a angústia que os utentes têm tido nestes últimos tempos, pela expectativa de, numa situação de emergência, terem que ir para Lisboa com os condicionalismos que existem na Ponte 25 de Abril”, explicou.

Já a comissão de utentes, vai fazer “um pedido de reunião urgente” à ministra da Saúde, Marta Temido. Além disso, tem já em vista uma ação de protesto para dia 18 de novembro, quando se iniciará o suposto encerramento noturno, equacionando “uma vigília dentro do hospital”, caso seja autorizada.

A falta de pediatras no Garcia de Orta já afeta o hospital há mais de um ano, quando saíram 13 profissionais e, segundo o Sindicato dos Médicos da Zona Sul, nem o lançamento de concursos foi suficiente para colmatar a carência porque “ninguém concorreu”.

Atualmente, trabalham 28 médicos no serviço de pediatria, dos quais sete fazem urgência e apenas quatro podem fazer noites porque têm menos do que 55 anos.

Em 26 de outubro, o presidente do Hospital Garcia de Orta informou que a urgência pediátrica deve normalizar “daqui a seis meses”, depois do lançamento de um novo concurso e do preenchimento das três vagas por contratação direta, autorizadas pelo Ministério da Saúde.

O Hospital Garcia de Orta serve os concelhos de Almada e Seixal, no distrito de Setúbal.

“Hipótese ainda em estudo”

A ministra da Saúde, Marta Temido, disse esta sexta-feira, ao final da tarde, que o encerramento todas as noites da urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta, em Almada, “é uma hipótese que está ainda em estudo“.

“Essa é uma possibilidade, mas é uma possibilidade que ainda está em estudo e que será sempre articulada com o alargamento de outro tipo de respostas. É uma hipótese que está ainda em estudo”, frisou Marta Temido.

A ministra da Saúde, que falava aos jornalistas à margem de uma sessão sobre aleitamento materno que decorreu em Vila Nova de Gaia, garantiu que “está a ser articulada” pelo conselho de administração do Hospital Garcia de Orta, pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo e por outros hospitais da região “a melhor solução para o funcionamento da pediatria de várias urgências da Área Metropolitana de Lisboa”.

As declarações de Marta Temido surgem horas depois da Comissão de Utentes do Seixal ter afirmado que a urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta vai passar a encerrar todas as noites, a partir de 18 de novembro, por seis meses.

A agência Lusa contactou a administração do Hospital Garcia de Orta, que não confirmou o encerramento, afirmando apenas que continua a trabalhar para “ultrapassar” a falta de pediatras na unidade.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. “Se a Vida não tem preço, nós comportamo-nos sempre como se alguma coisa ultrapassasse, em valor, a vida humana…..Mas o quê ?”… (Frase de Antoine de Saint- Exupéry). Está realmente um caos o nosso SNS!.. A legitimidade de Médicos Especialistas quererem ser bem pagos, colide com a vocação e a alargada Deontologia. A corrida ao lucro de certos desses Profissionais e a falta de resposta Politica, torna-se o objectivo principal para suas vidas ao detrimento da realidade Social !

  2. é para isso que servem os hospitais em portugal, para estarem encerrados, para quando o encerramento do desgoverno e do estado tuga?

RESPONDER

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …

Cristas faz o mea culpa e abandona o congresso. Corrida à sucessão faz-se a cinco

O 28.º congresso nacional do CDS arrancou este no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro com o discurso da líder demissionária Assunção Cristas, que fez uma espécie de mea culpa e agradeceu aos centristas …

Sérgio Conceição sai do FC Porto no fim da época

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, deixará o comando dos dragões no final da temporada. A derrota em casa com o Braga terá ditado a saída do técnico azul e branco. O técnico do FC …

Joacine quer mais direitos para deputados sem partido. "Está a antecipar" o futuro

A deputada Joacine Katar Moreira, do partido Livre, defendeu esta sexta-feira o alargamento dos direitos regimentais dos deputados não inscritos em partidos. A deputada única do Livre assumiu esta posição no final de uma reunião do …