Universitários trocam diversão pelo voluntariado

d.r. candeia.org

A Candeia conta atualmente com cerca de 50 voluntários ativos

A Candeia conta atualmente com cerca de 50 voluntários ativos

Bernardo Brochado, Etianete Lopes e David Rocha são três jovens universitários que, durante as férias de verão, reduzem as possibilidades de trabalhar para o bronze e optam pelo trabalho voluntário em três associações de solidariedade social de Lisboa.

“É mesmo uma experiência de vida que nos prepara para a realidade de outra forma”, descreve Bernardo Brochado a propósito da sua experiência na Candeia, associação que trabalha com crianças institucionalizadas e onde é voluntário.

Estudante de Economia na Universidade Católica Portuguesa, Bernardo Brochado integrou a associação por incentivo de um amigo: “Ele convidou-me para fazer um campo à experiência, disse “eu acho que tu tens perfil para fazer isto”. Fiz o campo, gostei imenso e ainda cá estou, passados quatro anos”, recorda.

A Candeia, que realizou a sua primeira atividade em 1991, conta atualmente com cerca de 50 voluntários ativos que trabalham em ações realizadas ao longo do ano e em atividades sazonais, explicou à agência Lusa Maria Quaresma, da associação.

Nos campos de férias sazonais, Bernardo Brochado convive com as crianças da instituição, o que coloca a sua vida sob perspetiva.

“É um ‘abre olhos’ para dizer ‘de facto eu sou um sortudo, por um lado, que sorte que eu tive’. Estou sempre a queixar-me dos meus problemas, mas os meus problemas são tão pequeninos ao pé do que estas crianças passam'”, refere o estudante de Economia.

À semelhança de Bernardo, Etianete Lopes escolheu ser voluntária em campos de férias para crianças. A estudante de Direito da Universidade Autónoma de Lisboa escolheu o ISU, Instituto de Solidariedade e Cooperação Universitária.

Criado em 1989, o ISU realiza projetos que visam o desenvolvimento das comunidades, desenvolvendo também iniciativas em Países Africanos de Língua Portuguesa (PALOP).

Esta é uma associação que conta hoje com “cerca de 100 a 150 voluntários”, explicou André Azevedo, responsável pelo Centro de Formação para o Voluntariado da instituição.

d.r. ISU.ONGD / Facebook

O ISU realiza projetos que visam o desenvolvimento das comunidades nos Países Africanos de Língua Portuguesa

O ISU realiza projetos que visam o desenvolvimento das comunidades nos Países Africanos de Língua Portuguesa

David Rocha frequenta o curso de Engenharia Mecânica no Instituto Superior de Engenharia de Lisboa e também encontrou no voluntariado uma ocupação que o preenche.

O estudante de Engenharia Mecânica procurava “experimentar coisas novas” quando se decidiu pelo voluntariado como uma forma de sair da sua zona de segurança. A LPCC, Liga Portuguesa Contra o Cancro, foi a sua escolha, onde participou na campanha de prevenção do cancro de pele realizada num campeonato de surf na Costa da Caparica, em Almada.

A LPCC desenvolve várias campanhas de sensibilização para a prevenção do cancro da pele e o trabalho voluntário revela-se fulcral, uma vez que permite “chegar a mais pessoas, a mais sítios e mais longe”, afirma Rita Teles Branco, membro da direção da Liga.

Da experiência enquanto voluntário, David Rocha destaca as competências que adquiriu: “Diria que sou mais tolerante a novas ideias e opiniões e tenho uma diferente sensibilidade para os problemas dos outros”.

“As coisas boas que a associação me traz mais do que compensam uma semana de férias no Algarve ou menos um dia de estudo para o teste, ou o que for. Compensa completamente”, resume.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Coloridos e selados. Descobertos no Egito sarcófagos com mais de 2.500 anos

As autoridades egípcias anunciaram esta segunda-feira a descoberta de uma coleção de sarcófagos datados de há mais de 2.500 anos, na zona arqueológica de Sakkara, a sul da cidade do Cairo. Em comunicado, citado pela agência …

Nokia vai criar para a NASA a primeira rede móvel operacional na Lua

O grupo finlandês Nokia vai fabricar para a NASA aquela que será a primeira rede móvel móvel na Lua, como parte de um projeto de base humana permanente da agência espacial norte-americana, foi esta segunda-feira …

Sarkozy acusado de "associação criminosa". Investigação sobre ligações à Líbia continua

Nicolas Sarkozy, o antigo Presidente francês, está a ser acusado de "associação criminosa" como parte de uma investigação sobre o financiamento da sua campanha presidencial de 2007, particularmente acerca dos seus alegados vínculos com o …

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em três milénios

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em quase três milénios, aponta uma nova investigação da Universidade de Massachusetts em Amherst, nos Estados Unidos, e da Universidade de Quebec, no Canadá. As …

NASA apresenta rover "transformer" que vai explorar os penhascos íngremes de Marte

A NASA acaba de apresentar um rover de quatro rodas, denominado DuAxel, que se pode dividir em dois rovers de duas rodas separados. O robô foi projetado para, um dia, explorar alguns dos terrenos mais …

Veneno de vespa pode ter muito "potencial" na composição de antibióticos

Com o passar dos anos, a população começa a ficar mais resistente a certos medicamentos e estes deixam de fazer efeito. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu novas moléculas anti-microbianas a partir do veneno de …

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …

Chega quer tornar voto obrigatório e sanções para quem não cumprir

O deputado único do Chega entregou uma nova proposta no âmbito do projeto de revisão constitucional do partido para tornar o voto obrigatório para todos os cidadãos que o possam exercer e sanções para quem …