Manchester United: novo treinador confirmado pelo… treinador do Bayern

Ralf Rangnick será mesmo o sucessor de Ole Gunnar Solskjær. E Nagelsmann quer vê-lo em Old Trafford durante muito tempo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O Manchester United ainda não anunciou o sucessor de Ole Gunnar Solskjær. Continua com Michael Carrick no comando técnico, provavelmente de forma temporária, mas a escolha já terá sido feita: Ralf Rangnick, até ao final da época actual.

A notícia apareceu no portal The Athletic nesta quinta-feira mas não foi confirmada pelo clube. No entanto, mesmo que indirectamente, já foi confirmada pelo treinador do Bayern Munique.

Nesta sexta-feira, em conferência de imprensa de antevisão à recepção ao Arminia Bielefeld, Julian Nagelsmann foi questionado sobre o assunto e disse que já falou com o seu compatriota.

“Mandei uma mensagem para Rangnick e disse que é óptimo vê-lo no Manchester United. Ele vai fazer muito bem ao futebol do United, na forma de jogar futebol. Espero que Rangnick não fique só até ao final desta temporada, espero que permaneça lá como treinador durante mais tempo”, afirmou o técnico.

Cristiano Ronaldo, Bruno Fernandes e Diogo Dalot vão assim contar o actual director-desportivo do Lokomotiv Moscovo.

Um treinador que, provavelmente, não é conhecido por muita gente. Apesar de já ter iniciado a sua carreira de técnico em 1983 e apesar de já ter orientado 12 equipas, entre elas o Schalke 04 e, recentemente, o Leipzig – a última passagem foi em 2018/19.

Mas o seu percurso enquanto treinador de futebol tem sido intermitente. Nos últimos 10 anos só foi treinador durante duas épocas, ambas no Leipzig, embora espaçadas. Passou mais tempo como director na Red Bull do que como treinador (o Leipzig pertence à Red Bull).

Muitos adeptos não conhecem muito bem Ralf Rangnick mas conhecem muito bem jogadores que o treinador de 63 anos tirou do “anonimato”.

O jornal The Sun elaborou um 11 inicial com jogadores que começaram a sua carreira a grande nível graças a Rangnick: Neuer, Kimmich, Konaté, Upamecano, Alaba, Keita, Smith Rowe, Werner, Firmino, Mané e Haaland

Para já, Michael Carrick continua sentado no banco em Old Trafford: “O meu foco é preparar a equipa, o melhor que sei. Isto é uma responsabilidade enorme e tenho dado tudo. Não estou a pensar no que pode acontecer depois do próximo jogo”, assegurou o antigo internacional inglês.

  Nuno Teixeira, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.