“Uniformes inteligentes” da China acordam alunos que adormecem nas aulas (e não só)

USP Imagens

Escolas na China criaram uniformes com chips GPS para monitorizar o paradeiro do aluno e impedi-lo de faltar às aulas sem razão.

Os chamados “uniformes inteligentes” registam a hora e a data em que o aluno entra na escola num curto vídeo ao qual os pais podem ter acesso através de uma app, de acordo com o The Independent.

Onze escolas na província de Guizhou, no sudoeste, apresentaram os uniformes desenvolvidos pela empresa de tecnologia local Guizhou Guanyu Technology.

Faltar a uma aula enquanto se está dentro do perímetro da escola aciona um alarme que notifica os professores e os pais sobre a ausência do aluno. Se o aluno sair da escola sem permissão é ativado um alarme automático de voz. O sistema de GPS também monitoriza os movimentos dos alunos mesmo depois de saírem da escola.

Se um aluno adormecer na aula, os alarmes soarão. Além disso, os pais poderão acompanhar as compras que o filho faz na escola e usar uma app para dispositivos móveis para definir os limites de gastos, de acordo com o site da empresa.

Yuan Bichang, gerente de projetos da empresa, disse que a escola só usaria a localização além do horário escolar se um aluno desaparecesse. Bichang referiu ainda que a assiduidade aumentou desde que os uniformes foram introduzidos.

Os dois chips, instalados nos ombros de cada uniforme, são capazes de suportar até 500 lavagens e 150ºC. O reconhecimento facial garante que cada uniforme seja usado pelo seu próprio proprietário para impedir que os alunos tentem enganar o sistema e troquem os uniformes.

A empresa divulgou uma declaração pública a dizer que os uniformes “concentram-se em questões de segurança” e fornecem um “método de gestão inteligente” que é vantajoso para alunos, pais e professores.

Os uniformes foram muito criticados nas redes sociais. “Se fosse criança, gostaria de ser monitorizado 24 horas por dia?” e “As crianças não têm direitos humanos e privacidade?” foram algumas das questões que surgiram.

Lin Zongwu, diretor da Escola Nº 11 de Renhuai, em Guizhou, disse que, apesar do facto de a escola ser capaz de monitorizar os alunos em todos os momentos, usavam a tecnologia com moderação. “Escolhemos não verificar a localização exata dos alunos depois da escola, mas quando um aluno está a faltar às aulas, os uniformes ajudam a localizá-lo”, disse Lin.

A Guanyu Technology defendeu-se das críticas, insistindo que a empresa “respeitou e protegeu os direitos humanos”. “O uniforme inteligente não acompanha cada movimento dos alunos o tempo todo”, disse a empresa.

A empresa de desenvolvimento disse que os uniformes foram projetados para “implementar integralmente a política do estado de construir ativamente escolas inteligentes e gestão educacional inteligente para o desenvolvimento da educação”.

Esta não é a primeira vez que a China usa tecnologia para monitorizar os estudantes na escola. Em maio, foi revelado que uma escola em Hangzhou instalou câmaras para medir a atenção dos alunos nas aulas.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Áustria reitera rejeição de acordo comercial UE-Mercosul

O Governo austríaco, numa carta enviada ao primeiro-ministro, António Costa, reiterou a sua rejeição do acordo comercial UE-Mercosul e apelou a que Portugal, enquanto presidência da União Europeia (UE), “assegure” que a sua votação seja …

Em Málaga, pode comer-se o pão mais caro do mundo. É feito com ouro e prata

É na padaria espanhola Pan Piña que se confeciona aquele que é, de momento, o pão mais caro de todo o mundo. Este é vendido por uma quantia que pode chegar até aos 3.700 euros …

Novas evidências apontam eventual localização dos destroços do MH370. Jornalista sugere que foi abatido

O chefe da busca fracassada pelo voo MH370 da Malaysia Airlines está a pedir um novo inquérito com base em novas evidências que podem finalmente resolver o mistério do desaparecimento da aeronave há sete anos. De …

Cidade nos EUA testou o rendimento básico universal. "Os números foram incríveis"

Além de a percentagem de pessoas que tinham um emprego a tempo inteiro ter subido, os participantes da iniciativa também relataram sentir-se menos ansiosos. De acordo com o estudo publicado esta quarta-feira, citado pela agência …

Belenenses 0-3 Benfica | Vendaval suíço após o descanso

O Benfica venceu o dérbi com a Belenenses SAD, em jogo a contar para 22ª jornada da Liga NOS, por 3-0. Uma partida que teve uma primeira parte mal jogada e com muitas dificuldades para as …

Investigador apresenta nova geração de drones minúsculos e ágeis. São inspirados em mosquitos

Os mosquitos são insetos incrivelmente acrobáticos e resistentes durante o voo, o que os ajuda a navegar entre rajadas de vento, obstáculos e incertezas. Agora, uma equipa de investigadores construiu um sistema que se aproxima …

OMS considera que a pandemia podia ter sido evitada se alguns países não tivessem sido lentos a reagir

O diretor-geral da OMS afirmou esta segunda-feira que alguns países reagiram lentamente à declaração de emergência sanitária global em janeiro de 2020, desperdiçando-se uma "janela de oportunidade" para evitar a pandemia de covid-19. "A 30 de …

Louvre recupera armadura do século XVI roubada há quase 40 anos

O peitoral e o capacete elaboradamente decorados, que estavam desaparecidos desde 1983, datam do século XVI e voltaram finalmente ao museu do Louvre, em França. Quase quatro décadas depois, um peitoral e um capacete do século …

Queixas por cibercrime disparam. Fraude com MB Way foi o crime mais denunciado

O Ministério Público (MP) da Comarca de Lisboa registou 6676 denúncias por crimes informáticos em 2020, um aumento de 15% (mais 998) face a 2019. MB Way é um dos sistemas onde estão associadas mais …

Centro Hospitalar Lisboa Norte vai alargar uso de medicamento para fibrose quística a mais cinco doentes

O diretor clínico do Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte (CHULN), Luís Pinheiro, disse hoje que a instituição já usa há cerca de um mês um novo medicamento para a fibrose quística, que poderá chegar em …