Trump (o homem que odeia fake news) acusado de conspirar com a Fox para falsear notícias

Olivier Douliery / EPA

O presidente dos EUA, Donald Trump

Um ex-detetive e ex-consultor da Fox News acusou Donald Trump de conspirar com o canal para falsificar notícias sobre a morte de Seth Rich, o democrata que, alegadamente, teria divulgado documentos secretos à Wikileaks.

A cadeia televisiva conservadora Fox News, apoiante de Donald Trump, foi processada por um dos seus consultores, que a acusa de ter publicado, de propósito, informações falsas desfavoráveis aos democratas, a pedido do Presidente norte americano.

Rod Wheeler, consultor para as questões de segurança, polícia e justiça, acusa a Fox News de ter montado uma história em torno do caso de Seth Rich, de 27 anos, funcionário do comité nacional do Partido Democrata, que foi assassinado com um tiro nas costas, durante a madrugada de 10 de julho de 2016, perto da sua casa, em Washington.

A história podia acabar aqui, se o assassinato do jovem democrata de Omaha, no Nebraska, não tivesse acontecido no mesmo dia em que a Wikileaks decidiu “vazar” milhares de emails dos mais elevados cargos do Partido Democrata norte americano, entre eles John Podesta, o gestor da campanha de Hillary Clinton.

O inquérito oficial tinha concluído pela ocorrência de um assalto à mão armada que correu mal, mas, logo desde a sua morte, vários meios de comunicação conservadores especulavam com a possibilidade de se ter tratado de um assassinato político.

Segundo a teoria, que não é suportada por qualquer prova formal, teria sido Seth Rich a comunicar à Wikileaks, a plataforma de publicação de documentos secretos, mensagens de correio eletrónicas internas do Partido Democrata, antes de ser descoberto e assassinado.

De acordo com a NPR, rádio norte-americana que teve acesso ao processo judicial em que o ex-detetive acusa a Fox News, a cadeia televisiva e o milionário Ed Butowsky, com o apoio da Casa Branca, de terem sido estes a “cozinhar” a história.

Por isso, diziam eles, os democratas estariam a tentar abafar o caso, obstruindo a investigação da polícia, o que acabava por retirar força à narrativa de que teriam sido russos a enviar os emails para a Wikileaks.

“Publicar imediatamente”

O ex-detetive terá sido contactado por Ed Butowsky para investigar o caso, com o milionário a assumir os encargos da investigação, argumentando que o fazia em nome dos pais da vítima. Durante a investigação e a criação da história, os dois tiveram uma reunião – confirmada pelo próprio – com Sean Spicer, então porta-voz da Casa Branca, para discutir o caso.

Em mensagens de texto e voice-mail deixadas pelo investidor pouco antes de a peça ser publicada, que constam do processo a que a AFP teve acesso, Ed Butowski terá pressionado o ex-detetive a avançar com a história, argumentando que o presidente Trump já teria lido o artigo e queria vê-lo “imediatamente publicado”.

Em meados de maio, a Fox News divulgou na internet o artigo que corroborava a tese, integrando citações de Rod Wheeler, que afirmava que Seth Rich tinha transmitido mensagens de correio eletrónico à Wikileaks e que um alto dirigente procurava bloquear o inquérito sobre este caso.

No entanto, segundo o próprio Rod Wheeler, que colocou a ação no tribunal federal de Manhattan, estas citações, que constituem a única forte do artigo, são inventadas. Afirmou também que nunca as proferiu, segundo a documentação da queixa consultada pela AFP.

(cv) Fox News

Rod Wheeler, ex-detetive e ex-consultor da Fox News para questões de segurança, polícia e justiça

Dias depois de ter publicado o artigo, a Fox News retirou-o, explicando que não o tinha submetido ao “exame editorial mais exigente” e não respeitava os “padrões” da cadeia em matéria de informação.

A família Rich, a polícia de Washington DC, o Partido Democrata e até alguns jornalistas da estação colocaram toda esta narrativa em causa. A peça, que citava um agente do FBI não identificado, argumentava que os emails teriam sido entregues à Wikileaks por democratas, que estariam envolvidos na morte de Seth Rich e que estes estariam a tentar obstruir a investigação das autoridades.

A maior parte da história era baseada na investigação de Rod Wheeler, mas o ex-detetive disputa parte do que é dito e admite que se arrependeu da peça assim que ela foi para o ar.

Segundo Rod Wheeler, a jornalista da Fox News autora do artigo, Malia Zimmerman, teria trabalhado em colaboração com Ed Butowsky, também visado na queixa.

O responsável da Fox News pelo dossier da informação, Jay Wallace, qualificou na terça-feira estas acusações como “completamente falsas“, conforme uma declaração escrita transmitida à agência noticiosa AFP.

O artigo em causa está ser objeto de um inquérito interno, disse Wallace, que acrescentou: “Não temos qualquer prova de que Rod Wheeler tenha sido citado de maneira errada” pela autora do artigo, apesar de ter

O advogado do ex-detetive e comentador da Fox News diz, segundo o Observador que cita a NPR, que Rod Wheeler foi “usado como um peão por Ed Butowsky, pela Fox News e pela administração Trump para tentar desviar as atenções que estavam centradas no roubo dos emails do Comité Nacional Democrata pelos russos”.

Ed Butowski, o milionário que terá tentado dar gás à história, refuta as acusações, alegando que o encontro com Sean Spicer aconteceu porque Rod Wheeler queria desesperadamente um trabalho na Casa Branca.

Sean Spicer diz que nunca se falou de qualquer cargo na reunião que tiveram – e que os comentários sobre Trump saber da história eram apenas brincadeiras com amigos. Sean Spicer disse também que não tinha conhecimento de que Trump estivesse a par da investigação.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Tudo isto para mascarar o facto dos supostos emails ,que estragaram a campanha da Clinton ,terem sido entregues À Wikileaks pelo Seth Rich e não hackeados pelos russos, como circula nos media. Estão-se a enterrar cada vez mais no buraco que eles próprios estão a escavar. É tão óbvio.

RESPONDER

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …

O único carro-avião do mundo vai ser vendido em leilão

O Taylor Aerocar, aquele que é o único carro-avião legalizado em todo o mundo, vai a leilão no início do próximo ano. Este modelo da marca data do ano de 1954. Se é um apaixonado por …

Marcha pelo Clima. Polícia espanhola deteve duas pessoas com facas e martelos

A Polícia Nacional de Espanha deteve, na sexta-feira, duas pessoas que pretendiam perturbar a manifestação pelo clima em Madrid, tendo apreendido vários materiais, como facas e martelos. Um homem e uma mulher foram detidos e enviados …

Reflexão, ritual ou mundo idealizado. Um Natal sem filmes, não é Natal

Se é daquelas pessoas que passa a noite da Natal com uma chávena na mão, meias nos pés e um filme na televisão, saiba que não está sozinho. Nesta altura do ano, os filmes tornam-se …

Musk ilibado depois de ter chamado "pedófilo" a mergulhador no resgate da gruta da Tailândia

O magnata fundador da Tesla, Elon Musk, foi absolvido na sexta-feira no processo por difamação movido pelo espeleólogo britânico Vernon Unsworth, que alegava ter sido chamado de pedófilo. Após cerca de uma hora de deliberações, o …

Luzes nas redes de pesca? Os golfinhos e as tartarugas agradecem

A implementação de luzes nas redes de pesca reduz a probabilidade de tartarugas marinhas e de golfinhos serem apanhados por acidente. Luzes LED nas redes de pesca eliminariam a "captura acidental" de tartarugas marinhas em mais …

Presidente da República passa o fim de ano na ilha do Corvo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai passar a noite de 31 de dezembro para 1 de janeiro na ilha do Corvo, nos Açores, de onde será transmitida a sua mensagem de Ano …