“Se o Irão quiser lutar, será o seu fim. Nunca mais ameacem os EUA”

O Presidente norte-americano, Donald Trump, avisou esta segunda-feira o Irão para “nunca mais” ameaçar os EUA, e advertiu Teerão que, se quiser lutar, será o seu “fim oficial”.

“Se o Irão quiser lutar, será o fim oficial do Irão. Nunca mais ameacem os Estados Unidos!”, publicou o chefe de estado na sua conta oficial na rede social Twitter, numa altura de crescente tensão entre Washington e Teerão.

Donald Trump publicou a declaração horas depois de o líder dos Guardiães da Revolução, Hossein Salami, ter dito que o Irão não teme uma guerra, ao contrário dos Estados Unidos, advertindo que o Médio Oriente pode converter-se “num paiol” para Washington.

“Não procuramos a guerra nem a tememos. É a diferença em relação a eles [Estados Unidos], que têm medo da guerra”, afirmou num discurso durante uma cerimónia militar, que foi difundido pela televisão estatal iraniana. Salami avisou que, quando a ameaça é remota, as forças iranianas apenas planeiam uma resposta estratégica, mas que, quando a ameaça se aproxima, também entram em ação “em termos operativos”.

A tensão na região do Golfo tem aumentado e os Estados Unidos decidiram enviar para o Golfo Pérsico um navio de assalto anfíbio, um porta-aviões e caças-bombardeiros e designaram em abril os Guardiães da Revolução, uma força militar de elite, como grupo terrorista.

Na última semana agravou-se após a sabotagem de quatro petroleiros num porto dos Emirados Árabes Unidos e os ataques com drones a um oleoduto saudita, com Riade a acusar o Irão de ter ordenado esta ação contra os rebeldes Huthis do Iémen.

A maioria das autoridades iranianas, como o líder supremo, Ali Khamenei, e o ministro dos Negócios Estrangeiros, Mohammad Javad Zarif Khonsari, descartou uma guerra com os Estados Unidos. “Nem nós nem eles procuramos uma guerra”, assegurou Ali Khamenei, insistindo que o confronto não é de natureza militar, mas “um choque de vontades”.

Por sua vez, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem referido que está disposto a negociar com os líderes iranianos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Que valente, este imbecil!
    Queres trocar o armamento dos EUA pelo do Irão, palhaço? Assim é que se viam os heróis como tu…
    Mas o problema não é existirem idiotas (sempre os houve e sempre os haverá). O problema é tentarmos perceber como chegam a liderar o país mais poderoso do mundo e como milhões de pessoas ficam à mercê da loucura de psicopatas proto-nazis sem classe para liderar sequer uma junta de freguesia!!!

  2. Este Trampa ameaça tudo e todos e coitado, pensa que o Irão são uns tontos como ele!…
    Nem os talibãs conseguiram “limpar”, quanto mais o Irão!…
    Felizmente, boa parte dos militares americanos tem perfeita noção que o Irão não é para brincadeiras…

Responder a Eu! Cancelar resposta

Covid-19. Presidente chinês diz que há “progresso visível”, mas número de mortos ultrapassa os 2.000

O Presidente da China defendeu esta quarta-feira que as medidas aplicadas pelas autoridades chinesas para travar a propagação do novo coronavírus, estão a alcançar um "progresso visível", num "momento crucial" da crise que paralisou o …

Tomás Correia foi pessoalmente ao Banco de Portugal buscar a nova condenação

Esta segunda-feira, Tomás Correia foi pessoalmente ao Banco de Portugal buscar a nova condenação de que foi alvo, por violação das regras de controlo e branqueamento de capitais. A notícia é avançada esta quarta-feira pelo Público, …

Alunos do ensino profissional vão poder entrar no ensino superior sem exames nacionais

Os estudantes que terminem um curso profissional ou artístico terão melhores condições de acesso ao ensino superior já no próximo ano. O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, anunciou esta quarta-feira que os …

Trump indulta ex-governador que tentou "vender" lugar de Obama no Senado

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, indultou na terça-feira o ex-governador de Illinois Rod Blagojevich, preso por corrupção após ser considerado culpado de tentar "vender" o lugar de Barack Obama no Senado, depois …

"Toca a reunir" no PS para aprovar eutanásia (e 6 médicos admitem que já a praticaram)

O PS está a mobilizar os seus deputados no sentido de garantir que, desta feita, a eutanásia passará no Parlamento. Tudo indica que venha a ser aprovada numa altura em que os médicos estão divididos …

CP está a escapar à multas por falhas nos serviços

A CP - Comboios de Portugal está a escapar às multas por falhas nos serviços, como atrasos e supressões de comboios, porque ainda não entrou em vigor o contrato de serviço público assinado com o …

Alegadas agressões a Taarabt valem processos a Marega e Pepe

A Comissão de Disciplina da FPF abriu processos disciplinares a Moussa Marega e Pepe devido a alegadas agressões sobre Taarabt, no jogo com o Benfica. Os jogadores do FC Porto Moussa Marega e Pepe vão ser …

Costa arrasa proposta "forreta" de orçamento europeu

A proposta de quadro financeiro plurianual para 2021-2027 do presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, vai morrer na praia. António Costa diz que os líderes europeus não devem ceder à pressão dos quatro países “forretas”. "Esta …

Malásia suspeita que desaparecimento do voo MH370 foi ataque suicida

O ex-primeiro ministro australiano Tony Abbott disse que altos responsáveis do governo da Malásia suspeitam há muito tempo que o desaparecimento do avião da Malasian Airlines, há quase seis anos, tenha sido um ataque suicida …

Champions. O viking norueguês, a revolta de Neymar e a lição tática do "Cholismo"

Haaland foi a estrela da noite ao marcar os dois golos da vitória do Dortmund frente ao PSG. O Atlético de Madrid conseguiu ainda quebrar a invencibilidade do Liverpool. A Liga dos Campeões está de volta …