Trump ataca voto por correspondência. Resultados podem não ser “determinados de forma precisa”

O Presidente dos EUA, Donald Trump, reforçou na quinta-feira no Twitter os ataques ao voto por correspondência nas eleições de novembro, ao que a rede social reagiu ligando duas das suas mensagens a informação verificada que contradiz o candidato.

“Devido à nova e sem precedentes quantidade massiva de boletins não solicitados que serão enviados a eleitores, o resultado da eleição de 3 de novembro pode nunca ser determinado de forma precisa, que é o que alguns desejam. Parem com o caos dos boletins”, escreveu Donald Trump.

Segundo dados divulgados pelo canal de televisão CNN, há nove estados que enviarão boletins de voto por correio aos eleitores registados para votar nas eleições de novembro (Colorado, Oregon, Utah, Havai, Washington, Califórnia, Vermont, Nevada e Nova Jérsia, além do distrito de Columbia), ainda que os cinco primeiros o fizessem mesmo antes da pandemia.

Noutra publicação, Trump incentivou esses estados a não prosseguirem com os seus planos de votação por correio e para pedirem “às pessoas para irem às urnas”.

Ainda assim, para o presidente, o envio de boletins solicitados por eleitores é uma medida positiva.

Um total de 35 estados permitem aos eleitores votar por correspondência, segundo o que diz a CNN. Quer seja devido ao novo coronavírus ou sem apresentar uma justificação, enquanto em seis estados os eleitores devem fornecer “uma justificação plausível”, que não inclui a pandemia, para votar por correio.

Nas suas mensagens no Twitter, Trump assegurou que “os boletins não solicitados são incontroláveis, completamente vulneráveis a interferência eleitoral por parte de países estrangeiros e conduzirão a um caos e confusão massivos”.

A rede social etiquetou dois dos ‘tweets’ do Presidente norte-americano com uma mensagem que dizia “Descubra como votar por correio é seguro”, que, ao ser clicada, abria uma série de publicações com artigos de meios de comunicação que citam especialistas e dados que afirmam que esta modalidade de sufrágio é legal e segura.

Perante esta ação, Trump respondeu na mesma rede social que o “Twitter assegura-se” de que as tendências nesta rede “sejam qualquer coisa má, falsa ou não, sobre o Presidente Trump”.

Trump mantém aberta uma ofensiva contra o voto por correio, que muitos estados estão a alargar devido à pandemia e que Trump considera que pode facilitar a fraude, apesar de numerosos estudos demonstrarem que isso é extremamente improvável.

Entretanto, um juiz bloqueou hoje as polémicas mudanças do Serviço Postal, que desaceleraram o correio em todo o país, considerando que são “um ataque com motivação política à eficiência” deste serviço em véspera das eleições de novembro.

O juiz Stanley Bastian, de Yakima, Washington, explicou estar a emitir uma liminar (uma ordem judicial provisória decorrente daquilo que se denomina na jurisprudência de “perplexidade da lei” para todo o país, solicitada por 14 estados que processaram a administração do Presidente, Donald Trump, e os Correios dos EUA.

Os estados desafiaram a chamada política de “deixar correspondência para trás” do Serviço Postal, que implica que as carrinhas de distribuição saiam a horas das instalações dos Correios, haja ou não mais correspondência para carregar.

Além disso, os estados também querem forçar os Correios a tratar a correspondência eleitoral como prioritária.

A ação judicial apresentada exige que as alterações efetuadas no serviço de correio pelo diretor-geral, Louis DeJoy, sejam anuladas por “serem ilegais”.

A coligação responsável pela ação alega que a USPS, agência do Governo federal, começou a reduzir as operações sob a tutela de DeJoy, um dos principais doadores da campanha de Trump para as eleições presidenciais de 2016.

LUSA // Zap

PARTILHAR

RESPONDER

Aminoácido produzido no cérebro pode prevenir ataques epiléticos

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade da Florida descobriu que um aminoácido produzido pelo cérebro pode desempenhar um papel crucial na prevenção de um tipo de ataque epilético. As crises epiléticas do …

Ir à escola, viajar e assistir a espetáculos. As exceções à proibição de circulação entre concelhos

No final do último Conselho de Ministros, na semana passada, o Governo anunciou a proibição de circulação entre concelhos entre as 0h de 30 de outubro e as 6h de 3 de novembro, englobando o …

País Basco em confinamento, Bélgica quer transferir doentes para os Países Baixos e França "perdeu o controlo"

Numa altura em que a Europa volta a ser epicentro da pandemia de covid-19, o País Basco decretou o confinamento da população e França considera impor a mesma medida. Com falta de camas, Bélgica pediu …

"Dia histórico". Senado confirma nomeação de Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos EUA

O Senado norte-americano confirmou segunda-feira à noite a juíza Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, o que representa uma vitória política para o Presidente Donald Trump a poucos dias das eleições …

Os olhos das corujas podem ter uma "lente" que melhora a visão noturna

As corujas capturam as suas presas durante a noite. Uma nova investigação sugere que há algo de especial na forma como as moléculas de ADN nos olhos das corujas estão acondicionadas, uma característica que lhes …

Os extraterrestres podem estar a observar-nos à distância (em mais de 1.000 estrelas diferentes)

Da mesma forma que nós, da Terra, já detetámos vários milhares de planetas ao redor de outras estrelas, uma hipotética civilização alienígena poderia ter detetado a nossa presença. Mas de que posições no Espaço isso seria …

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …