Trump reitera ameaça “iminente” de Soleimani. Mas “isso não importa verdadeiramente”

Jim Lo Scalzo / EPA

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump

O Presidente norte-americano, Donald Trump, defendeu na segunda-feira a sua decisão de ordenar a morte do general iraniano Qassem Soleimani, argumentando que este era uma ameaça iminente para os Estados Unidos (EUA). Afirmou, ainda, que isso não é importante tendo em conta o historial do líder militar.

“A comunicação social ‘fake news’ e os seus parceiros democratas estão a esforçar-se por determinar se o futuro ataque do terrorista Soleimani estava ou não ‘iminente’ e se a minha equipa estava de acordo [comigo]. A resposta a ambas [as perguntas] é um forte SIM, mas isso não importa verdadeiramente por causa do seu passado horrível!”, escreveu Trump no Twitter, noticiou o Expresso.

O Presidente norte-americano já tinha partilhado publicações de outros utilizadores contra a presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, como uma fotomontagem em que esta surge com um ‘hijab’ (véu islâmico) ao lado do líder democrata no Senado, Chuck Schumer, com um turbante, e com uma bandeira iraniana ao fundo.

Desde a confirmação da morte de Soleimani, Trump tem alegado que a operação contra o general iraniano surgiu devido a um risco iminente de ataques contra diplomatas americanos no Iraque e em toda a região, não tendo divulgado, contudo, provas que sustentassem as suas explicações. Democratas e republicanos questionaram a ação.

Na semana passada, Trump afirmou que o Irão se preparava para visar quatro embaixadas americanas antes do ataque fatal contra o general iraniano. No domingo, o Secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper, admitiu não ter visto provas específicas de que o país estava a planear ataques a embaixadas.

De acordo com a NBC News, Trump autorizara a morte de Soleimani em junho. Uma das condições é que seria o próprio a dar o aval final e que essa opção só seria usada se um norte-americano fosse morto pelas autoridades iranianas. A informação foi avançada com base nas declarações de cinco atuais e antigos funcionários da Administração.

A Câmara dos Representantes, controlada pelos democratas, aprovou na quinta-feira uma resolução não vinculativa que visa limitar a capacidade do Presidente de atacar o Irão no futuro sem aprovação do Congresso.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Veneno de tarântula pode ser benéfico no tratamento de dores viscerais

Uma equipa de investigadores australianos identificou dois peptídeos do veneno da tarântula, que podem ajudar a aliviar dores em órgãos do sistema digestivo. Há algum tempo que os cientistas investigam a funcionalidade do veneno em doenças, …

Cientistas propõem reciclar beatas de cigarro para fazer tijolos

Os cientistas afirmam que se apenas 2,5% dos tijolos produzidos em todo o mundo, anualmente, incluíssem 1% de beatas, seria possível reciclar todas as pontas de cigarro a nível global. Um grupo de investigadores da Escola …

Taxa de natalidade desce quase um terço em cidade chinesa

As autoridades chinesas reconheceram oficialmente que a taxa de nascimentos em Xinjiang, cidade situada no noroeste da China, desceu quase um terço em 2018, comparada com o ano anterior. De acordo com a CNN, o governo …

Dynetics revela o módulo lunar do programa Artemis (incluindo o interior)

A empresa norte-americana Dynetics revelou, no dia 15 de setembro, um modelo em escala real do módulo lunar especialmente projetado para levar os astronautas da NASA à Lua já em 2024, como parte do programa …

Polícia de Nova Iorque de origem tibetana acusado de espiar ao serviço da China

Um polícia nova-iorquino originário do Tibete foi acusado de espionagem pelas autoridades norte-americanas por, supostamente, ter recolhido para o Governo chinês informações sobre a comunidade tibetana em Nova Iorque. De acordo com a acusação das autoridades …

Football Leaks. PJ desconhecia acesso das autoridades francesas às provas

O inspetor da PJ, José Amador, revelou, esta terça-feira, que esta polícia não teve conhecimento do acesso das autoridades francesas às provas apreendidas a Rui Pinto durante a sua detenção na Hungria. Na quinta sessão do …

Aldeões ajudam tropas indianas que enfrentam militares chineses nos Himalaias

Cerca de 100 residentes da vila de Chushul atravessam o território indiano de Ladakh para chegar a um pico dos Himalaias conhecido como Black Top, a uma altitude de mais de 4500 metros, levando suprimentos …

Detido na Rússia líder religioso que diz ser a reencarnação de Jesus

O líder religioso, que diz ser a reencarnação de Jesus, foi detido, na Rússia, esta terça-feira, durante uma operação especial. De acordo com as imagens divulgadas pelo jornal The Guardian, vários agentes da polícia, armados e …

Covid-19: Universidade de Coimbra tem novo programa de rastreio aleatório para alunos e docentes

A Universidade de Coimbra (UC) preparou um Plano de Prevenção e Protocolo de Atuação para garantir o regresso às aulas em segurança para alunos, professores, docentes e comunidade. "Tendo em conta a situação pandémica que estamos …

Jogador substituído aos 14 segundos

Substituição insólita foi realizada na primeira divisão da Estónia. Jovem nem tocou na bola. Jogo da 21.ª jornada do campeonato nacional da Estónia, primeira divisão. O FCI Levadia recebe o JK Nõmme Kalju e vence por …