Três polícias feridos numa operação para pôr fim a festa de rua em Lisboa

Tiago Petinga / Lusa

Três agentes da PSP ficaram feridos hoje de madrugada num bairro da freguesia do Parque das Nações, em Lisboa, após uma intervenção policial que visava pôr fim a uma festa na rua com cerca de 100 pessoas.

Além dos três polícias, que sofreram ferimentos ligeiros, a ação de reposição de ordem pública no Bairro Casal dos Machados, na freguesia do Parque das Nações, provocou também danos em algumas das viaturas policiais e ferimentos ligeiros num morador, que foi levado para o hospital e já teve alta, indica o Comando Metropolitano de Lisboa (Comtlis) da PSP, em comunicado.

Segundo a PSP, a polícia deslocou-se ao bairro, cerca das 00:15 de hoje, após moradores terem reclamado que cerca de 100 pessoas estavam juntas a consumir bebidas alcoólicas e a ouvir música, causando ruído.

A PSP precisa que teve que se deslocar ao bairro por três vezes para acabar com o aglomerado de pessoas, já que devido à pandemia de covid-19 não é permitido ajuntamento com mais de 10 pessoas, e para repor o cumprimento das medidas impostas pela situação de calamidade.

Quando se deslocaram ao bairro pela terceira vez com o objetivo de acabar novamente com a música proveniente de aparelhagem eletrónica, os agentes da PSP pediram mais uma vez às cerca de 100 pessoas que acabassem com barulho e regressassem às sua residências, adianta a polícia.

A PSP salienta que as ordens transmitidas não foram acatadas por algumas pessoas do grupo, que arremessaram vários objetos na direção dos polícias, nomeadamente pedras e garrafas de vidro.

De acordo com a PSP, moradores do bairro efetuaram vários disparos de arma de fogo durante a atuação policial, não tendo sido possível proceder à identificação dos autores.

A PSP frisa que foi necessário reforçar o efetivo policial no bairro com vários meios do Cometlis devido ao escalar de violência por parte dos moradores, tendo os polícias efetuado “disparos de munições de baixa potencialidade letal”. Só com esta intervenção foi possível, cerca das 04:15, garantir a reposição da ordem pública no bairro.

A PSP refere ainda que está a desenvolver diligências para proceder “à identificação dos autores dos ilícitos e vai continuar a fazer cumprir as normas sobre aglomeração de pessoas de acordo com o definido pela situação de calamidade, bem como garantir a ordem e tranquilidade pública naquele local”.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Culpa da polícia, nao pediu por favor. Para quando leis e justiça para acabar de vez com isto. Já agora porque nao identificam na notícia que tipo de cidadaos estava em causa, para nos protegermos.

    • Não se precisa de Identificação particular, trata-se simplesmente de “Tipo” Analfabrutos, Arruaceiros, Desordeiros, é só escolher !….. Se pensa em cores …pouco importa que sejam pretos , brancos, amarelos , ou mesmo cor de rosa as pintinhas !

RESPONDER

É a quantidade de alimento que determina quem se torna a abelha-rainha

Um novo estudo sugere que é a quantidade de alimento, e não a sua qualidade, como se pensava até agora, que determina quem se torna a abelha-rainha. Quais são os fatores que determinam qual é a …

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …