Cientistas encontram evidências de transmissão de covid-19 entre gatos e humanos

Uma equipa de investigadores da Escócia descobriu dois casos em que os gatos foram infetados com covid-19 pelos donos.

Os dois casos de transmissão de covid-19 entre gatos e humanos foram identificados por investigadores da Universidade de Glasgow, no Reino Unido, como parte de um programa de triagem da população de felinos.

A equipa de cientistas acredita que os animais de estimação – de raças diferentes e que viviam em casas separadas –  terão sido infetados pelos respetivos donos, que apresentavam sintomas de covid-19 antes de os gatos adoecerem, com problemas respiratórios.

O estudo, publicado na revista científica Veterinary Record, diz que não há evidência de transmissão de gato para humano.

No entanto, os cientistas explicaram que há a possibilidade de os animais domésticos atuarem como um “reservatório viral”, permitindo a transmissão contínua, e disseram que é importante entender se podem desempenhar um papel na infeção de humanos.

“Estes dois casos de transmissão de homem para animal, encontrados na população de felinos no Reino Unido, demonstram por que é importante que melhoremos o nosso conhecimento sobre a infeção animal por Sars-CoV-2″, disse Margaret Hosie, do centro de pesquisa de vírus da MRC-University of Glasgow e principal autora do estudo.

“Atualmente, a transmissão de animais para pessoas representa um risco relativamente baixo para a saúde pública em áreas onde a transmissão de pessoa para pessoa permanece alta. No entanto, à medida que os casos humanos diminuem, a perspetiva de transmissão entre animais torna-se cada vez mais importante como uma fonte potencial de reintrodução de Sars-CoV-2 em humanos”, explicou Hosie ao The Guardian.

Assim, a investigadora considera importante perceber “se os animais expostos podem desempenhar algum papel na transmissão” para humanos.

A equipa daquele centro de pesquisa trabalhou em conjunto com o Serviço de Diagnóstico Veterinário (VDS) da Escola de Medicina Veterinária da mesma universidade.

O primeiro animal identificado foi Ragdoll, uma gata bebé, com apenas quatro meses de idade, cujo dono desenvolveu sintomas consistentes com infeção por Sars-CoV-2 no final de março de 2020, embora não tenha sido testado.

Ragdoll foi levada ao veterinário com dificuldades respiratórias em abril de 2020, mas o seu estado piorou e teve de ser abatida. As amostras de pulmão pós-morte revelaram danos consistentes com pneumonia viral e evidências de infeção por Sars-CoV-2.

O segundo caso foi de uma gata siamesa com seis anos, cujo dono testou positivo para a covid-19. A gata foi levada ao veterinário com secreção nasal e conjuntivite, mas os seus sintomas foram apenas leves e, por isso, conseguiu recuperar.

A infeção por covid-19 foi confirmada e os cientistas acreditam que a verdadeira frequência da transmissão entre humanos e animais é subestimada, já que os testes em animais são limitados.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Jogador admite: "Escrevi uma frase racista"

Danilo Avelar está fora dos relvados há muito tempo, começou a jogar mais online e foi expulso. Corinthians também deverá castigar o atleta. Danilo Avelar não joga desde outubro de 2020 mas, mesmo longe dos jogos, …

Morreu o ex-Presidente das Filipinas Benigno Aquino III

O ex-Presidente das Filipinas Benigno Aquino III morreu hoje, aos 61 anos, depois de ter sido hospitalizado em Manila, disseram familiares aos meios de comunicação social locais. O ex-presidente das Filipinas Benigno "Noynoy" Aquino, herdeiro de …

Turista morre durante caminhada pelo Grand Canyon (e o calor excessivo poderá ser o culpado)

Uma mulher residente no estado de Ohio morreu enquanto fazia uma caminhada pelo Grand Canyon. De acordo com as autoridades, a morte estará relacionada com as temperaturas extremas que se faziam sentir. Michelle Meder, de 53 …

"Não temos condições de avançar". Calamidade prorrogada, Portugal recua no desconfinamento

Portugal vai travar o processo de desconfinamento em todo o território nacional, anunciou o Governo em conferência de imprensa, no final do Conselho de Ministros desta quinta-feira. O conselho de ministros aprovou a prorrogação da Situação …

Túneis nazis em vulcão inativo da Polónia poderão esconder arquivo da Gestapo

Um grupo de exploradores polaco acredita que estes túneis nazis, construídos durante a II Guerra Mundial num vulcão inativo da Polónia, poderão esconder um arquivo da Gestapo. Uma rede de túneis feita pelos nazis num vulcão …

Portugal com duas mortes, 1.556 casos e menos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas duas mortes associadas à covid-19, 1.556 novos casos de infeções confirmadas, a maioria em Lisboa e Vale do Tejo, uma diminuição nos internamentos em enfermaria e um aumento nos …

Cristiano sai? Juventus tem sete alternativas

Juventus já terá uma lista restrita de possíveis reforços, caso o português deixe Turim durante este verão. Cristiano Ronaldo pode não voltar a jogar pela Juventus e, por isso, o clube de Turim já estuda alternativas …

UNESCO recomenda incluir Veneza na lista de património mundial em perigo

A UNESCO publicou estas recomendações a um mês da próxima sessão do seu comité de património mundial, que se vai realizar na China, de 16 a 31 de julho. Em Veneza, o impacto do turismo de …

No One Britain One Nation Day, (quase) todas as crianças britânicas vão cantar uma canção patriótica

O Governo britânico está a encorajar todas as crianças em idade escolar a cantar uma música patriótica, muito criticada nas redes sociais. O Departamento de Educação do Reino Unido quer que as escolas participem no One …

Descoberta a causa da extinção em massa mais severa dos últimos 540 milhões de anos

A extinção em massa mais dramática nos últimos 540 milhões de anos eliminou mais de 90% das espécies marinhas e 75% das espécies terrestres da Terra. Mas qual foi a sua causa? Embora os cientistas tenham …