Platini vai demitir-se e dizer adeus ao futebol

Radek Pietruszka / EPA

Michel Platini, presidente da UEFA

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) reduziu para quatro anos a suspensão aplicada a Michel Platini, que se vai demitir da presidência da UEFA. É o fim de jogo para o ex-futebolista, que diz assim adeus ao futebol.

“Michel Platini anuncia que vai demitir-se da presidência da UEFA no próximo congresso do organismo”, refere o comunicado divulgado esta segunda-feira pelo grupo de advogados do antigo jogador francês.

Platini, que chegou a apresentar a candidatura à presidência da FIFA este ano, foi inicialmente condenado a oito anos de suspensão pela Comissão de Ética da FIFA, a 21 de dezembro de 2015, mas a pena foi depois reduzida para seis anos pela Comissão de Recurso.

Em causa está um pagamento de 1,8 milhões de euros feito em Fevereiro de 2011 a Platini pelo então presidente da FIFA, Joseph Blatter, que foi considerado efectuado à margem da Lei.

O ex-futebolista vê agora o Tribunal Arbitral do Desporto confirmar o castigo, embora reduzindo a suspensão para quatro anos, o que é um cenário de “catástrofe”, como dizem próximos de Platini ao jornal francês Le Monde.

“A sua carreira terminou”, afiança uma fonte não identificada pelo diário.

Da sucessão natural a Blatter à demissão da UEFA

A suspensão definitiva de Platini, de 60 anos, encerra o último capítulo de um annus horribilis para o líder da UEFA, tendo o prólogo começado a ser escrito a 27 de maio de 2015, com a detenção de vários altos responsáveis da FIFA em Zurique, a pedido da justiça norte-americana.

Nesta fase, a sua reputação ainda não tinha sido afetada e Platini pediu mesmo a Blatter que não se recandidatasse à presidência da FIFA nas eleições de 29 de maio de 2015, o que o suíço rejeitou, tendo sido eleito para um quinto mandato consecutivo, apenas para anunciar a demissão quatro dias mais tarde.

A 29 de julho, Platini assumiu a candidatura à liderança do organismo que rege o futebol mundial, marcadas para 26 de fevereiro de 2016, mas sofreu o primeiro revés menos de dois meses depois, a 25 de setembro, quando o Ministério Público suíço instaurou um processo criminal a Blatter.

Platini foi ouvido na qualidade de testemunha, mas acabou implicado no processo, pelo recebimento em 2011 de um pagamento por um trabalho de aconselhamento feito para Blatter em 2002, feito “em prejuízo da FIFA”, no valor de dois milhões de francos suíços (perto de 1,8 milhões de euros).

Tal como o suíço, o líder da UEFA foi suspenso provisoriamente por 90 dias a 8 de outubro e a sua candidatura à presidência da FIFA congelada até à conclusão do processo, no qual a câmara de instrução do organismo mundial pedia como pena a irradiação do futebol.

Ainda antes do fim ano, a 21 de dezembro, Platini foi condenado pela Comissão de Ética da FIFA a oito anos de suspensão de toda a atividade ligada ao futebol, por abuso de confiança, conflito de interesses e gestão danosa no caso do pagamento feito por Blatter, suspenso pelo mesmo período.

A pena de Platini, um dos melhores futebolistas franceses de sempre, foi depois reduzida para seis anos pela Comissão de Recurso da FIFA, antes de o TAS a limitar hoje a quatro anos, reconhecendo a “validade” do acordo verbal com Blatter, mas não se manifestando “convencido da sua legitimidade”.

ZAP / Futebol365

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Lá por ter sido um grande futebolista não quer dizer que actualmente não seja um grande ladrão, vigarista. Era bom que outros também ja tivessem abandonado, mas este tipo de gente quando se encontra no poder e a roubar dificilmente quer largar o posto.

RESPONDER

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete ativistas. “Os democratas devem ser muito …

43% das escolas no mundo sem condições de higiene para reabertura segura

Mais de 40% das escolas no mundo não têm acesso a condições básicas de higiene, como água para lavar as mãos e sabão, aumentando os riscos de reabertura no contexto da pandemia de covid-19, alertam …

Mais seis mortes, 325 novos casos e 237 recuperados

Portugal regista esta quinta-fira mais seis mortes por covid-19, 325 novos casos de infeção e mais 237 pessoas dadas como recuperadas em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo …

"Filme fantástico". Novo livro revela cartas entre Kim Jong-un e Donald Trump

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, qualificou o seu relacionamento com o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como um “filme fantástico”, segundo os editores de um livro a ser publicado, que revela a correspondência entre …

Grupo avisa Bruxelas que Portugal pode tornar-se ilha ferroviária na Europa

Um grupo de portugueses ligados ao setor ferroviário alertou a comissária europeia dos Transportes para a possibilidade de Portugal se tornar uma ilha ferroviária na Europa devido ao atraso em adotar "a bitola europeia" nas …

China encontra traços do coronavírus em asas de frango importadas do Brasil

Traços do novo coronavírus foram encontrados em asas de frango importadas do Brasil, na cidade de Shenzhen, no sul da China, noticiou, esta quinta-feira, um jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). Os traços foram detetados …

Denúncia de Rui Pinto leva a congelamento de conta bancária da Doyen

Oito milhões de euros que estavam numa conta bancária do fundo de investimento Doyen foram congelados pelas autoridades portuguesas. Uma denúncia do whistleblower português Rui Pinto levou o fundo a ser investigado por suspeitas de fraude …

Preocupado com a Bielorrúsia, Macron ligou a Putin (e aproveitaram para falar da vacina russa)

O Presidente francês, Emmanuel Macron, manifestou esta quarta-feira ao seu homólogo russo, Vladimir Putin, "uma preocupação muito grande" quanto à situação na Bielorrússia após a reeleição do chefe de Estado autoritário bielorrusso, Alexander Lukashenko. Segundo indicou …

Obras do Hospital Militar de Belém custaram mais do triplo do valor estimado

As obras no Hospital Militar de Belém, em Lisboa, custaram mais do valor inicialmente estimado, avançou o Diário de Notícias esta quarta-feira. De acordo com o jornal, estava inicialmente previsto que a reabilitação de três …

Autópsia a Valentina revela descolamento do crânio

A autópsia a Valentina, a menina de 9 anos encontrada morta na serra D’el Rei, em Peniche, distrito de Leiria, em meados de maio, revela descolamento do crânio, avança esta quinta-feira o Correio da Manhã. …