Sudão vai libertar cristã condenada à morte

d.r. Meriam Ishag

Meriam Yahia Ibrahim Ishag  e o marido, Daniel Wani, no dia do seu casamento

Meriam Yahia Ibrahim Ishag e o marido, Daniel Wani, no dia do seu casamento

Uma sudanesa cristã de 27 anos, condenada à morte por renegar o Islão, vai ser libertada “nos próximos dias”, anunciou este sábado o secretário-adjunto do ministério dos Negócios Estrangeiros do Sudão, Abdulahi Alzareg.

Abdulahi Alzareg declarou que o Sudão vai garantir a liberdade religiosa e os direitos da mulher, de acordo com vários meios de comunicação sudaneses.

O caso tornou-se conhecido a 15 de maio, quando Meriam Yahia Ibrahim Ishag foi condenada à morte, por enforcamento, por se ter convertido ao cristianismo, e desencadeou uma onda de indignação no estrangeiro em defesa da vida da cristã.

Em 1983, o regime islamita sudanês introduziu a lei islâmica (‘sharia’), que proíbe as conversões, mas os castigos extremos, além da aplicação de chicotadas, são raros.

Grávida na altura do julgamento, a filha de Meriam Ishag nasceu na terça-feira numa prisão sudanesa.

As declarações de Alzareg surgem algumas horas depois de o primeiro-ministro britânico, David Cameron, ter pedido ao governo de Cartum para revogar a sentença de morte a que foi condenada Meriam.

Numa série de mensagens na rede social “Twitter”, o líder conservador britânico sublinhou que “a liberdade religiosa é um direito” e pediu ao executivo sudanês para respeitar os direitos humanos.

“O tratamento dado a Meriam Ibrahim não tem lugar no mundo atual”, acrescentou Cameron, apelando a Cartum para “revogar a sentença e dar apoio a Meriam e aos filhos”.

A organização de defesa dos direitos humanos Amnistia Internacional tinha lançado uma petição internacional para pressionar o governo sudanês a libertar a jovem.

A justiça sudanesa ofereceu dois anos a Meriam para poder amamentar a recém-nascida antes de ser enforcada.

Meriam Yahia Ibrahim Ishag, de pai muçulmano e mãe cristã, foi condenada pela alegada conversão ao cristianismo, apesar de a jovem ter garantido que nunca professou o islamismo.

Casada com Daniel Wani, um sudanês cristão, de nacionalidade norte-americana, Meriam argumentou que o pai se divorciou da mãe quando tinha apenas seis meses, motivo pelo qual foi sempre cristã.

A tradição islâmica designa automaticamente os filhos varões muçulmanos como seguidores da religião.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Arqueólogos desenterram (acidentalmente) ossadas com 800 anos no Peru

Os restos mortais de oito pessoas, com aproximadamente 800 anos de idade e enterrados com alimentos e instrumentos musicais na mesma câmara funerária, foram encontrados ao sul de Lima, no Peru, durante a instalação de …

Marcelo apela ao voto "por memória deste ano e meio que não esqueceremos"

O Presidente da República considerou que votar nas eleições autárquicas é mais importante do que nunca para o país recomeçar a viver e a sair das crises sanitária, económica e social. Este apelo ao voto foi …

Onde e como? Um guia para votar nas eleições autárquicas

As mesas de voto das eleições autárquicas abriram hoje às 08:00 no continente e na Madeira para a escolha dos dirigentes dos municípios e das freguesias para os próximos quatro anos. Nos Açores, as urnas abrem …

Ensino Superior: 33% dos candidatos ficaram de fora. Veja se ficou entre os colocados

Mais de 49 mil novos estudantes entraram agora para o ensino superior, tendo ficado sem colocação 33% dos candidatos à primeira fase do concurso nacional de acesso, revelam dados divulgados hoje pelo Ministério do Ensino …

Pessoas mais pobres são vistas como menos suscetíveis à dor

Um novo estudo indica que os indivíduos de classe baixa são estereotipados como insensíveis à dor física, o que pode impactar os seus cuidados médicos. “As estatísticas de saúde indicam que as pessoas ricas recebem um …

As crianças têm dez vezes mais micro-plásticos nas fezes do que os adultos

Uma equipa de cientistas da Universidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos, usou espectrometria de massa para medir os níveis de micro-plásticos compostos de policarbonato (PC) e de polietileno tereftalato (PET) presentes nas fezes crianças …

MIT desenvolve mão robótica insuflável (que devolve o tato aos amputados)

Apesar de haver membros biónicos altamente articulados, concebidos para detetar os sinais musculares residuais e imitar roboticamente os seus movimentos pretendidos, a destreza de alta tecnologia tem um custo muito alto. Recentemente, engenheiros do Massachusetts Institute …

É agora possível os robôs mexerem-se sozinhos, graças a novos polímeros de alta energia

Através do uso de novos polímeros que armazenam mais energia e são depois aquecidos, investigadores da Universidade de Stanford conseguiram colocar manequins a mexer os braços sozinhos. Era ver robots a mexer os braços sozinhos, pelo …

"Poço do Inferno". Espeleólogos encontram serpentes, mas não demónios

No deserto da província de Al-Mahra, no leste do país, um buraco redondo e escuro de 30 metros de largura serve de entrada para uma caverna de cerca de 112 metros. Uma maravilha natural que …

Vitória SC 1-3 Benfica | “Águia” passa tranquila em Guimarães e continua a voar no topo

Naquele que era apontado como o mais duro teste à sua liderança até ao momento, o Benfica passou com relativa tranquilidade em Guimarães. Frente a um Vitória que tentou discutir o jogo de igual para igual …