O último (e mais avançado) submarino dos nazis foi encontrado na Dinamarca

(dv) Armada Argentina / EFE / EPA

Um raro submarino, que terá sido usado numa misteriosa operação de fuga de nazis de alto escalão, foi descoberto perto da Dinamarca.

Os restos de um raro submarino alemão, muito avançado para a tecnologia marítima daquele tempo, foram encontrados na área de Skagerrak, perto da costa da Dinamarca, como resultado do trabalho do Museu de Guerra Naval da Jutlândia para mapear, e eventualmente retirar, destroços marítimos no mar do Norte, reporta a TV2.

O submarino alemão U-3523 foi afundado por um bombardeiro britânico B-24 Liberator a 6 de maio de 1945, o dia em que as Forças Aliadas libertaram a Dinamarca da ocupação nazi. Todos os 58 tripulantes morreram.

“Este era um submarino muito especial. Foi o submarino mais avançado que os alemães construíram durante a Segunda Guerra Mundial. Elra muito moderno e estava muito à frente do seu tempo”, disse Gert Normann Andersen, curador do museu da Jutlândia.

Segundo o diretor, apenas dois dos 118 submarinos que foram encomendados pelo comando nazi entraram em serviço.

Atualmente existe apenas um exemplar preservado dessa classe de submarinos, que está em exposição no Museu Marítimo Alemão em Bremerhaven, na Alemanha, que foi uma das principais bases alemãs de submarinos durante a Segunda Guerra Mundial e que continua a ser um dos principais portos comerciais do país.

De acordo com Andersen, o submarino já tinha sido utilizado como navio de treino em Wilhelmshaven, outra importante base naval nazi, mas acredita-se que também tivesse sido usado numa missão secreta impedida pelo bombardeiro britânico.

O desaparecimento do U-3523 tem estado envolto em rumores sobre alguns dos principais personagens nazi que tentavam escapar para a América do Sul com fortunas que consistiam em ouro e preciosas obras de arte. Esses rumores continuam a circular ainda hoje por falta de provas conclusivas.

Apesar do U-3523 lançar alguma luz sobre esse enigma da fuga nazi, o Museu de Guerra Naval não tem planos para retirar o submarino que atualmente repousa em segurança a uma profundidade de 123 metros.

“Ninguém tem permissão para recuperar o submarino. Por isso, deveriam ser as próprias autoridades alemãs a dizer que gostariam que fosse recuperado e examinado“, afirma o curador.

O U-3523 diesel-elétrico foi encomendado em novembro de 1943, concluído em dezembro de 1944 e entrou em serviço em janeiro de 1945. Ttinha uma velocidade máxima à superfície de 30 quilómetros por hora e podia operar com motores silenciosos devido a técnicas inovadoras de engenharia. Com uma tripulação de cinco oficiais e cerca de 50 praças, poderia viajar de até 28.000 quilómetros.

Produzido prematuramente e com defeitos significativos, a série continha algumas soluções revolucionárias, sendo o primeiro submarino a operar sobretudo submerso. Apesar de nunca ter sido usado em combate real devido a falhas, o submarino podia passar vários dias submerso.

O Museu da Jutlândia está em processo de realizar uma grande varredura do fundo do mar à pocura de naufrágios no mar do Norte. Até agora, foram encontrados 450 destroços, dos quais 12 submarinos, três britânicos e nove alemães.

ZAP // Euronews / Sputnik

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

GNR obrigada a intervir no GP de Fórmula 1. Bastonário diz que evento foi um "insulto" aos profissionais de saúde

O circuito de Portimão teve de fechar algumas bancadas para garantir o distanciamento dos 27.500 espetadores autorizados pela Direção-Geral de Saúde (DGS). Pelo menos em duas foi necessária a intervenção da GNR. Em comunicado, a GNR …

Governo atira-se ao Bloco de Esquerda. Voto contra é "incompreensível"

Em conferência de imprensa, esta segunda-feira, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, afirmou que "o Governo considera incompreensível que não possa contar com o Bloco de Esquerda" para aprovar o Orçamento do …

Chilenos votam de forma esmagadora para substituir Constituição de Pinochet

Os chilenos votaram de forma esmagadora, este domingo, a favor de uma nova Constituição para substituir a herdada da era do ditador Pinochet, num referendo realizado um ano após uma revolta popular contra a desigualdade …

Parques eólicos instalados em terrenos baldios vão passar a pagar IMI

Os terrenos baldios onde sejam instalados parques eólicos destinados a produzir energia elétrica vão perder o direito à isenção de IMI que a lei previa anteriormente para este tipo de imóveis. O Jornal de Negócios adianta …

“Se Jesus tem dito que sim, não seria o Bruno Lage a substituir Rui Vitória”

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, revelou que o atual treinador das águias, Jorge Jesus, já era um nome pensado na altura em que Bruno Lage assumiu a cadeira deixada por Rui Vitória. "Disse …

LMM sugere divisão do país por zonas de risco. "Recolher obrigatório é inevitável. A situação é muito séria"

Como é habitual Luís Marques Mendes deixou o seu comentário semanal sobre o estado do país na SIC, e esta semana os temas quentes foram a Fórmula 1, que decorreu durante o fim de semana …

FC Porto-Olympiacos e Benfica-Standard Liège vão ter adeptos nas bancadas

Os encontros entre o FC Porto e o Olympiacos e o Benfica e o Standard Liège, para a Liga dos Campeões e a Liga Europa, vão poder ter adeptos nas bancadas. Este domingo, o FC …

Uma carta de desamor ao BE e uma geringonça despedaçada. OE passa, mas com margem mínima

O PCP vais abster-se e o Bloco de Esquerda vai votar contra. O Orçamento do Estado para 2021 deverá passar na generalidade, mas com uma margem estreita de três votos. O Orçamento do Estado para 2020 …

Monstros marinhos no deserto? Restos de ancestral do peixe-boi encontrados em deserto no Egito

De acordo com um novo estudo, há 40 milhões de anos, o Deserto Oriental Africano era o lar dos ancestrais dos peixes-boi e dos dugongos.  No ano passado, uma equipa de arqueólogos encontrou fósseis de um antigo …

Mourinho voltar a criticar o VAR (e lembra penálti do City frente ao FC Porto)

O treinador do Tottenham, o português José Mourinho, voltou a criticar o VAR, recordando o penálti assinalado contra o FC Porto no jogo frente ao Manchester City a contar para a fase de grupos da …