“Barato, económico e ecologicamente correto”. Startup suga carbono do ar (e transforma-o em pedra)

A tecnologia que permite retirar o carbono do ar existe há décadas, mas foi só nos últimos anos que multimilionários se juntaram às fileiras dos filantropos climáticos para financiá-la.

De acordo com o Interesting Engineering, uma startup na Islândia, a Carbfix, não está só a capturar o carbono do ar, mas também está a injetá-lo no solo, onde se transforma em pedra. Isso permite que o gás de efeito estufa seja contido com segurança em vez de escapar para a atmosfera e reter o calor.

A startup está a fazet parceria com a Climeworks AG, que constrói máquinas para capturar dióxido de carbono diretamente do ar. A equipa está a ampliar os seus projetos na central geotérmica de Hellisheidi para capturar as emissões de carbono à medida que são libertadas.

Cada um com aproximadamente o tamanho de um contentor de transporte, oito máquinas de capturar carbono estão a ser instalados na Islândia. De acordo com a agência Reuters, atualmente, estão a ser capturadas e armazenadas 50 toneladas de dióxido de carbono por ano, mas esta mudança aumentará a capacidade para quatro mil toneladas anuais.

Depois de o ar ser sugado pelos ventiladores e o dióxido de carbono ser extraído com filtros, o carbono é combinado com a água. Isso permite alcançar um ácido suave que é bombeado na rocha basáltica do subsolo.

Em entrevista à Bloomberg, Edda Sif Pind Aradottir, CEO da Carbfix, disse que “esta é uma tecnologia que pode ser escalada – é barata, económica e ecologicamente correta. Basicamente, estamos apenas a fazer o que a natureza tem feito há milhões de anos. Então, estamos a ajudar a natureza a ajudar-se”.

Segundo Aradottir, 95% do que era dióxido de carbono foi transformado em rocha em dois anos.

Uma das razões pelas quais a tecnologia de captura de carbono não alcançou o sucesso é porque pode ser cara. Porém, a central Hellisheidi consegue capturar carbono a um custo mais barato do que comprar créditos de carbono, que são criados quando um projeto verifica que reduziram, evitaram ou destruíram uma tonelada métrica de gases de efeito estufa.

Segundo o site da Carbfix, o processo custa cerca de 21 euros por tonelada, que é um preço muito menor do que o preço atual de cerca de 40 euros por tonelada no Sistema de Comércio de Emissões da União Europeia.

A Carbfix está a trabalhar com investigadores para fazer a tecnologia funcionar noutros tipos de rochas e pretende armazenar permanentemente mil milhões de toneladas métricas de dióxido de carbono em 2030.

“Nunca será a única solução”, disse Aradottir. “Somos ambiciosos e temos grandes esperanças de que possamos trazer a tecnologia em escala – e aí estou a falar sobre a escala de gigatonelada – e que possamos fazer isso rapidamente porque é disso que o mundo precisa.”

  Maria Campos, ZAP //

 

 

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

Football Leaks. Autoridades francesas suspeitam que Rui Pinto também pirateou Paris Saint-Germain

As autoridades francesas suspeitam que Rui Pinto pode ter estado na origem do ataque informático ao clube de futebol Paris Saint-Germain (PSG), que resultou na divulgação de alguns documentos internos. Segundo noticia o Público, a investigação …

"É o melhor depois de Napoleão." Para Cassano, Ronaldo não está entre os cinco melhores da história

O antigo jogador italiano António Cassano não coloca Cristiano Ronaldo no top cinco, depois de Jorge Mendes ter considerado o avançado português "o melhor da história".  Antonio Cassano, o antigo jogador italiano de 39 anos, foi …

O ministro das Finanças, João Leão

"Contas certas" de dentro para fora. Promessa feita a Bruxelas, no esboço orçamental para 2022

O Governo enviou um rascunho do Orçamento do Estado à Comissão Europeia, no qual sublinha a importância das "contas certas". O discurso das "contas certas" repete-se dentro e fora. Esta segunda-feira, o Executivo entregou em Bruxelas …

Ricardo Salgado já admite ser condenado - mas pede pena suspensa

A defesa de Salgado requereu a suspensão do julgamento que decorre no âmbito da Operação Marquês, argumentando que o antigo banqueiro é inimputável por sofrer de Alzheimer. Se o pedido não for atendido, a …

O esqui recentemente encontrado na Noruega

Foi encontrado o "par de esquis mais bem preservado da pré-história"

Dois esquis da Idade do Ferro puderam finalmente "reencontrar-se", depois de 1300 anos separados, após a descoberta do segundo par numa montanha na Noruega. Tudo começou em 2014, quando o grupo de arqueologia glaciar Secrets of …

Sismo de grande dimensão atinge costa da Grécia

Um sismo atingiu a costa do Mediterrâneo esta manhã. Acredita-se que o epicentro esteja próximo da ilha grega de Rodes. Segundo o Expresso, o terramoto atingiu a ilha grega de Karpathos esta terça-feira, mas os tremores …

E depois do adeus? Medina vai voltar ao trabalho como economista, mas sempre atento

Carlos Moedas tomou posse esta segunda-feira e Fernando Medina despediu-se da liderança do município com "tristeza pessoal", mas com "sentimento de missão cumprida". O futuro traça-se no exercício da sua profissão de formação. Esta segunda-feira, Fernando …

Sentido de voto do PAN "está em aberto" e depende do Governo

O sentido de voto do PAN na proposta Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) está em aberto. Tudo depende do Governo. A porta-voz do PAN – Pessoas-Animais-Natureza, Inês de Sousa Real disse esta segunda-feira “estar …

Afinal, a lua afecta ou não o nosso sono? Novo estudo dá mais pistas

A influência do ciclo lunar no sono já é uma hipótese há muito estudada e um novo estudo sugere que o seu efeito é diferente entre homens e mulheres. Há vários factores que tendem a deixar-nos …

O secretário-geral do PS e primeiro-ministro, António Costa

O maior susto do atual Governo? Em clima de tensão orçamental, Costa convoca reunião extraordinária no PS

As negociações decisivas para a aprovação do Orçamento do Estado decorrem esta semana, mas António Costa decidiu convocar um dos órgãos mais restritos do PS para uma reunião que não fazia parte do calendário. A …