Sporting vence Nacional e iguala FC Porto na liderança

Manuel de Almeida / Lusa

Fredy Montero comemora o golo do Sporting CP com o colega Adrien, no jogo contra o Nacional da Madeira, em Alvalade

Fredy Montero comemora o golo do Sporting CP com o colega Adrien, no jogo contra o Nacional da Madeira, em Alvalade

O Sporting igualou esta segunda-feira o FC Porto na liderança da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer em casa o Nacional, por 1-0, no jogo que encerrou a quinta jornada da competição.

Com mais um elemento desde os 32 minutos, quando Sequeira foi expulso, os leões chegaram ao triunfo aos 86 minutos, pelo colombiano Fredy Montero.

O Sporting passou a somar 13 pontos, os mesmos do FC Porto, que tem, contudo, melhor diferença de golos, enquanto o Nacional segue no 11º lugar, com seis pontos.

Bastou ao Nacional copiar a tática dos russos CSKA e Lokomotiv nas provas europeias para colocar o Sporting em grandes apuros para vencer em Alvalade.

Tivesse a equipa insular um avançado com a velocidade dos que os conjuntos russos apresentaram e provavelmente o Sporting estaria hoje a lamentar mais uma derrota em casa, a despeito de ter jogado cerca de uma hora em superioridade numérica por expulsão de Sequeira, devido a um erro de avaliação do árbitro Fábio Veríssimo.

O Nacional apresentou-se num 4x2x3x1, a defender com as linhas subidas, procurando pressionar o Sporting logo na primeira fase de construção, mas, depois da expulsão, Manuel Machado adotou a tática russa com duas linhas de quatro a defender bem em cima da sua área e com Soares lá na frente.

O Sporting denotou grandes dificuldades de penetração desde o início de jogo, não só quando o Nacional meteu o autocarro à frente da sua baliza, porque a equipa insistiu até à exaustão em romper pelo eixo do terreno, em toques curtos e tabelas, em vez de flanquear o jogo para abastecer os seus dois avançados.

De resto, tanto Téo Gutierrez como Slimani participaram nesse rendilhado constante que caracterizou o processo ofensivo do Sporting, de toque curto e tabela, condenado ao malogro face à aglomeração de jogadores do Nacional no corredor central, dando-se o absurdo do ponta de lança argelino vir constantemente à procura de receber a bola de costas para a baliza.

Por outro lado, o Sporting desenvolveu o seu jogo numa dinâmica baixa, de posse e troca de bola curta, sem profundidade e sem acelerações, a dar tempo sempre ao adversário de se recolocar e reorganizar nas raras situações em que ocorria algum desequilíbrio fruto de uma situação de um contra um.

O Sporting voltou a revelar a mesma vulnerabilidade que já tinha apresentado frente às duas formações de Moscovo, pois, quando perdia a bola a equipa, foi apanhada uma mão cheia de vezes em desequilíbrio, em situações de 2×2 ou 3×3.

O Sporting envolve habitualmente sete unidades no processo ofensivo, mas para jogar dessa forma tão arriscada a equipa tem de ter uma capacidade de posse e circulação de bola acima do normal, que (ainda) não tem, e defesas rápidos e capazes de ir buscar os adversários em situação de contragolpe, sendo que o único capaz de o fazer é Paulo Oliveira.

A agravar a situação dos leões na primeira parte, o rendimento de Bryan Ruiz foi dececionante, o lateral direito Esgaio esteve abaixo do esperado, com Gelson Martins a ser o jogador mais criativo e capaz de acelerar o jogo, mas está ainda verde e ainda não tem a maturidade para saber o timing para soltar a bola, para a segurar, para cruzar.

Na segunda parte, o Nacional manteve a mesma estratégia do último quarto de hora da primeira parte, com o autocarro à frente da baliza à espera do Sporting e a espreitar sempre o contragolpe.

Os leões entraram para a segunda parte mais dinâmicos e a fazerem o que não tinham feito até aí, a flanquear o jogo, o que lhes permitiu criar duas situações de golo, aos 47 minutos, com Esgaio a cruzar para Bryan Ruiz falhar de cabeça na entrada da pequena área, e aos 57, com Jefferson a ir à linha oferecer o golo a Slimani, mas o cabeceamento deste saiu torto, numa situação de quase golo feito.

Jorge Jesus lançou mão de Montero e Mané para os lugares dos apagados Bryan Ruiz e Téo Rodriguez, mas o cariz do jogo não se alterou, com o Sporting a mastigar o jogo, incapaz de criar desequilíbrios na bem organizada defesa insular, sempre lento e previsível.

Valeu ao Sporting para evitar novo tropeção em Alvalade um momento de inspiração de Montero, que conseguiu abrir uma brecha na defesa insular, aos 86 minutos, com um passe de rutura – faltaram sempre ao ataque leonino – para a desmarcação de Mané, que teve o mérito e a perícia para o devolver para um espaço vazio onde surgiu o mesmo Montero a finalizar.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …

Dirigente da Huawei detida no Canadá pode voltar à China após acordo com EUA

A justiça dos EUA aceitou hoje o acordo entre o Departamento da Justiça e a Huawei, que vai permitir à filha do fundador e diretora financeira do conglomerado chinês de telecomunicações regressar à China. Uma juíza …

Depois do coro de críticas, brasões da Praça do Império passam do jardim para a calçada

Os brasões florais que representam as capitais de distrito e as ex-colónias portuguesas vão mesmo ser retirados da Praça do Império, em Lisboa, mas passarão a estar representados em pedra da calçada. É a solução …

Vulcão, La Palma

Aeroporto de Las Palmas inoperacional devido à acumulação de cinzas

O aeroporto de La Palma, na Ilha de Tenerife, nas Canárias, está inoperacional por acumulação de cinzas, resultante da erupção do vulcão Cumbre Vieja, informou hoje a empresa gestora dos aeroportos e do tráfego aéreo …

Siza Vieira reforça que é "trabalho" dos Bancos discutir com os clientes o reembolso das moratórias

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, reforça que cabe aos Bancos "discutir com os seus clientes que têm moratórias nos sectores mais afectados" pela pandemia o reembolso das dívidas após o fim destes mecanismos …

Domingos Soares de Oliveira de saída do Benfica

Além de João Varandas Fernandes e José Eduardo Moniz, o administrador Domingos Soares de Oliveira também não vai integrar a lista de Rui Costa para as próximas eleições. Rui Costa confirmou na terça-feira que é candidato …

Depois do Bayern, Barcelona também está atento a Luis Díaz

Luis Díaz continua a somar boas exibições e clubes interessados na sua contratação. Agora fala-se do desejo do Barcelona em contratar o colombiano em janeiro. Luis Díaz atravessa um momento de forma excecional ao serviço do …

Fuse Valley, Matosinhos

Está a nascer em Matosinhos a Silicon Valley portuguesa (e até Siza Vieira está "espantado")

O "Fuse Valley" promete ser a Silicon Valley portuguesa, em Matosinhos, num empreendimento inovador da Farfetch e da Castro Group que até deixa o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, "espantado". A abertura está prevista …

Portugal aguarda "luz verde" da EMA para avançar com terceira dose aos idosos

Portugal aguarda a autorização da Agência Europeia de Medicamentos para avançar com a administração da terceira dose da vacina contra a covid-19 a maiores de 65 anos. Com base nos resultados de dois grandes estudos científicos …

E depois de Merkel? Alemanha já sente falta da Chanceler que saiu da sombra para salvar o seu "delfim"

Angela Merkel tinha prometido ficar afastada das eleições legislativas deste domingo, na Alemanha, mas saiu da sombra para apoiar o seu "delfim", o candidato da CDU, Armin Laschet, que deverá disputar a vitória com o …