Soldado que fugiu da Coreia do Norte tem “parasitas gigantes” no intestino

(dv) Kim In-cheol / Yonhap / EPA

O cirurgião sul-coreano Lee Cook-jong, em conferência de imprensa no hospital de Suwon, apresenta informações sobre o estado de saúde do soldado desertor

O soldado norte-coreano que conseguiu desertar para a Coreia do Sul, depois de ser ferido por vários disparos enquanto cruzava a zona desmilitarizada entre as duas Coreias, tem um número elevado de parasitas no intestino.

O soldado cruzou a zona desmilitarizada entre as duas Coreias, a chamada DMZ, na passada segunda-feira, mas foi ferido por pelo menos seis disparos do exército norte-coreano para que não conseguisse escapar.

O norte-coreano foi transportado para uma unidade hospitalar da Coreia do Sul e já se encontra estável, no entanto, segundo a BBC, os médicos encontraram um número elevado de parasitas no intestino, que estão a contaminar os ferimentos e a atrasar a sua recuperação.

“Nunca vi nada assim nos meus 20 anos enquanto médico”, afirmou Lee Cook-jong aos jornalistas, explicando que o maior verme retirado do corpo tinha 27 centímetros.

De acordo com a BBC, a condição deste desertor mostra-nos mais a fundo como é a vida na Coreia do Norte. Em declarações à emissora, o professor Andrei Lankov, da Kookmin University, em Seoul, diz que “é um país muito pobre e, tal como todos os outros países nesta situação, tem graves problemas a nível de saúde pública”.

“A Coreia do Norte não possui recursos para ter um sistema de saúde moderno. Os médicos são mal formados e têm de trabalhar com equipamento primitivo”, acrescenta.

Os parasitas podem entrar no corpo humano através de comida contaminada, pela picada de determinados insetos ou caso consigam passar pela pele. No caso do soldado norte-coreano, é provável que a explicação esteja na comida, uma vez que a Coreia do Norte continua a usar fezes humanas como fertilizantes.

À agência Reuters, Lee Min-bok, um especialista da agricultura deste país, conta que “os fertilizantes químicos eram fornecidos pelo Estado até 1970. Na década de 90, o regime não conseguiu mais manter esta prática, por isso os agricultores começaram a usar fezes”.

Se as fezes não forem tratadas e forem usadas para fertilizar legumes que são depois ingeridos crus, os parasitas entram na boca e intestinos das pessoas. Enquanto que uns vermes são inofensivos, outros podem ser uma grande ameaça, explica o professor da Escola de Ciências Biológicas da Universidade Tecnológica de Nanyang, em Singapura, Peter Preiser.

“O que eles fazem é retirar os nutrientes do corpo. Por isso, embora alguns deles passem despercebidos, todos indicam um mau estado de saúde. Noutras palavras: pessoas que têm parasitas não são saudáveis”, afirma.

As sanções internacionais, as secas e a gestão interna desastrosa fazem com que a escassez de alimentos seja um grande problema na Coreia do Norte. Até 70% da população vive com ajuda alimentar providenciada pelo regime e tem uma dieta perigosamente variável, com grandes deficiências de micronutrientes tais como ferro, zinco, vitamina A e iodo.

As duas Coreias permanecem tecnicamente em estado de guerra, desde o conflito de 1950-53, que terminou apenas com um armistício que nunca foi substituído por um tratado de paz definitivo.

ZAP // Ciberia

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O que lhes vale é serem constantemente alimentados de ideologia comunista, assim ficam todos a pensar por uma só cabeça a do Kim-Jong-un que no entanto anda bem gordinho e lustroso dando provas de que o tacho é outro bem diferente.

    • É bem clara a diferença, entre o desgraçado do soldado que fugiu, e a do “Adorado Lider”, que o diabo conserve o menos possível.
      Mas a situação das “lombrigas”, é facil de resolver. Alimenta-se o soldado, pelo recto, com umas belas bifanas com mostarda durante dois ou três dias. As lombrigas gulosas que são habituam-se ao piteu. Ao que se faz uma paragem no tratamento. Então o enfermeiro de serviço, mesmo que não seja especializado em lombrigas, espera que alguma se manifeste, pondo a cabeça de fora e pergunte pelas bifanas. Acto continuo, leva logo uma martelada, e adeus lombriga.

Fundação Champalimaud anuncia prémio de um milhão de euros para erradicar o cancro

A Fundação Champalimaud anunciou, esta segunda-feira, um prémio de um milhão de euros a atribuir anualmente, e sem limite temporal, vocacionado para a "erradicação do cancro". O prémio é atribuído em parceria com o casal de …

A maior lixeira da China ficou cheia 25 anos antes do previsto

O maior depósito de lixo da China, Jiangcungou, na cidade de Xi'an, já está cheio, 25 anos antes da altura prevista. O aterro tinha sido preparado para receber 2500 toneladas de resíduos por dia. Porém, de …

Cigarros eletrónicos podem prejudicar o coração mais do que os cigarros comuns

Há muito que está provado que fumar é uma das principais causas de mortes por doenças cardíacas. Agora, há evidências crescentes de que os cigarros eletrónicos podem causar danos ao coração. Em dois estudos que serão …

Sindicato dos Magistrados acusa Conselho Superior de fazer escolhas pessoais

O Sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP) acusou, esta segunda-feira, o Conselho Superior do Ministério Público de escolher os procuradores para os departamentos mais importantes da investigação criminal por preferências pessoais. Em comunicado, o Sindicato …

Esta empresa está a produzir "carne" feita de ar

Enquanto várias startups estão a vender "carne" feita de plantas, a Air Protein, uma empresa sediada na Califórnia, nos Estados Unidos, está a criar carne feita de ar. A ideia não é nova, uma vez que …

Autoridade da Concorrência faz buscas em cinco empresas de vigilância privada

A Autoridade da Concorrência (AdC) anunciou, esta segunda-feira, que realizou diligências de busca e apreensão em cinco empresas do setor da vigilância privada, no distrito de Lisboa, "por suspeitas de práticas anticoncorrenciais lesivas do normal …

"Breaking Bad" da vida real. Dois professores de Química acusados de produzir metanfetamina

Dois professores universitários de Química do estado do Arkansas, nos Estados Unidos, foram detidos no domingo por suspeitas de produzirem metanfetaminas. O caso tem atraído atenção mediática por se parecer inspirar no enredo da série …

TAP regista prejuízos de 111 milhões de euros até setembro

A TAP registou, nos primeiros nove meses deste ano, prejuízos acumulados de 111 milhões de euros que atribui a "variações cambiais sem impacto na tesouraria". "A TAP S.A. apurou um prejuízo acumulado, nos primeiros nove meses …

Coreia do Norte não está interessada em mais cimeiras com os EUA

A Coreia do Norte advertiu, esta segunda-feira, que "não está interessada" em mais cimeiras com os Estados Unidos, se Washington persistir na recusa em fazer concessões. A Coreia do Norte deu a Washington até ao final …

Refugiado detido que escreveu um livro pelo Whatsapp conquista a liberdade

O jornalista e escritor curdo-iraniano Behrouz Boochani, que estava detido há seis anos num centro de imigrantes na Austrália, conquistou a liberdade. Boochani escreveu, através de mensagens da rede social Whatsapp, o livro “No Friend But …