Sobe para sete o número de vítimas mortais do mau tempo em Espanha

Miguel A. Lopes / Lusa

O cadáver de um holandês de 66 anos que desapareceu no domingo durante as inundações no sudeste de Espanha foi encontrado esta terça-feira, o que eleva para sete o número de mortes devido ao mau tempo.

“O corpo de um cidadão holandês desaparecido foi encontrado”, disse um porta-voz da autarquia de Alicante, a província mais afetada pelas inundações. Os serviços de emergência espanhóis estavam à procura do cidadão holandês desde domingo, quando foi levado pela água num canal no município de Dolores. O corpo foi encontrado na aldeia de San Fulgencio, “a seis quilómetros de onde tinha desaparecido”, segundo a mesma fonte.

Com esta nova vítima, o número de mortos das inundações que atingiram o sudeste de Espanha desde quarta-feira até domingo eleva-se para sete.

As chuvas torrenciais obrigaram a retirar de suas casas milhares de pessoas, isolaram aldeias inteiras e cortaram estradas e caminhos-de-ferro.

As regiões mais afetadas foram Valência, onde se situa a província de Alicante, e Múrcia (sudeste).

Em Font de la Figuera, a linha de comboio transformou-se num rio depois de terem caído 200 litros de água na região. A linha que liga Valência e Alicante foi arrastada pelas águas fluviais. Em Beniarrés, também em Valência, registaram-se 351 litros por metro quadrado.

Em Múrcia, 500 pessoas foram retiradas de casa e 40 estradas municipais foram cortadas ao trânsito na sequência da tempestade. As localidades de Torre Pacheco e San Javier estão a ser inundadas porque o Rio Segura transbordou. Isso obrigou o governo regional a ativar o estado de emergência e a pedir ajuda militar para combater o fenómeno meteorológico. Noventa operacionais estão em Múrcia para responder ao socorro.

Em Almería, onde se registou a terceira vítima mortal, 70 pessoas estão a ser retiradas de um parque de campismo na localidade de Pujaire. O aeroporto está fechado.

Em Dénia, um pequeno tornado provocou danos no pavilhão polidesportivo municipal e a queda de sinais de trânsito, árvores e telhados. O mesmo fenómeno atingiu Guardamar del Segura, afetando vários edifícios, incluindo um colégio. Não houve feridos. Ainda em Dénia, 853 pessoas ficaram sem gás, eletricidade ou luz, uma situação que também afetou os consumidores de Agullent.

Nas províncias de Alicante e Valência, 338 mil alunos ficaram sem aulas, em 191 municípios. Em Murcia, não se registaram até ao momento incidentes graves, mas as autoridades montaram um dispositivo de prevenção. Os serviços de meteorologia espanhóis estão a prever ondas de três metros para as ilhas de Ibiza e Formentera.

Andaluzia (sul), Castela-Mancha e Madrid (centro) foram menos afetadas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Estado de Nova Iorque com mais mortes por Covid-19 do que França ou Espanha

Os Estados Unidos registaram 1.252 mortos e 63.913 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins. Os últimos números de casos e óbitos registados devido a Covid-19 …

Turistas voltam a viajar, mas optam pelo low-cost

Mesmo num contexto de pandemia mundial o desejo de ir de férias continua vivo. Os turistas voltaram a procurar voos, contudo as opções recaem em percursos de curta distância e mais económicos. Ao longo dos últimos …

Ventura anuncia recandidatura ao Chega e só sai do parlamento quando “metade daquela esquerda" sair

André Ventura anunciou esta noite a recandidatura à liderança do Chega, numa cerimónia em Leiria em que disse que só vai sair do parlamento “quando metade daquela esquerda sair”. “Estamos a fazer uma revolução democrática e …

Esqueletos revelam que fosso entre ricos e pobres começou a abrir-se há 6.600 anos

A análise a ossos encontrados numa sepultura na Polónia mostram que o fosse entre ricos e pobres na Europa começou a abrir-se muito antes daquilo que se pensava. O desaparecimento da classe média é um problema …

Super-Terras quentes podem ter atmosferas metálicas brilhantes

Os cientistas querem perceber porque é que as super-Terras quentes possuem um brilho tão chamativo - e já há uma hipótese em cima da mesa. Os exoplanetas, chamados de super-Terras quentes, podem ser particularmente brilhantes e …

As larvas de peixe-sol são adoráveis (mas crescem e tornam-se gigantescos "nadadores")

Uma equipa de cientistas australianos e neozelandeses descobriram as fases iniciais da larva gigante de peixe-sol. Pela primeira vez, o sequenciamento de ADN identificou as larvas do peixe-sol (Mola alexandrini). O peixe-sol, conhecido cientificamente como Mola …

Telescópio Webb vai estudar Júpiter, os seus anéis e duas intrigantes luas

Júpiter, que tem o nome do rei dos antigos deuses romanos, comanda a sua própria miniversão do nosso Sistema Solar de satélites circundantes; os seus movimentos convenceram Galileu Galileu de que a Terra não era …

Turista danifica escultura do século XIX enquanto posa para fotografia (e é apanhado pelas câmaras de vigilância)

A polícia italiana identificou um austríaco de 50 anos que danificou uma estátua do século XIX num museu em Itália, enquanto posava para uma fotografia. O incidente ocorreu no passado dia 31 de junho, segundo …

Covid-19: Brasil supera as 100.000 mortes

O Brasil ultrapassou hoje a barreira das 100.000 mortes associadas à covid-19, quase cinco meses depois da confirmação do primeiro óbito no país, indicam dados oficiais divulgados pelas secretarias regionais de Saúde. Segundo os mais recentes …

As vacas leiteiras têm relações complexas (que se alteram quando mudam de grupo)

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Chile e dos Estados Unidos concluiu que as vacas leiteiras vivem em redes sociais complexas que se alteram quando estes animais são movidos para outros grupos.  Para …