Sétima Arte: Uma morte anunciada que está a azedar a relação entre distribuidoras e cinemas

A sétima arte foi uma das áreas culturais que mais sentiu o impacto da pandemia do novo coronavírus. Em todo o mundo, milhares de salas estiveram fechadas durante meses, e a relação entre cinemas e distribuidores tornou-se ainda mais amarga.

Segundo o The Conversation, depois do início da pandemia, a morte do cinema tem sido anunciada por muitos especialistas, mas esta parece tender a chegar de forma lenta (o que pode ser positivo, pois permite a possibilidade de reverter os efeitos negativos).

Os famosos cinemas Cineworld anunciaram que vão fechar temporariamente todas as suas salas no Reino Unido. Logo após comunicar esta decisão, também os grupo Odeon informou que iria começar a abrir as portas apenas durante os fins de semana.

De acordo com o British Film Institute (BFI), o Odeon e o Cineworld são detentores de quase metade (48,8%) das salas de cinema do Reino Unido, por isso as decisões que tomaram vão ter um impacto significativo no cultura do país.

O receio do público regressar às salas, e a ausência de grandes filmes – capazes de alcançarem verdadeiros sucessos de bilheteiras – são alguns os fatores que colocam os dois grupos britânicos em concordância na hora de tomar medidas mais drásticas.

Neste sentido, a relação entre distribuidores de filmes e cinemas pode complicar-se. As redes de cinemas e os grandes distribuidores são dependentes uns dos outros, uma vez que os cinemas precisam dos filmes para vender bilhetes, e os distribuidores precisam dos cinemas para mostrar os seus produtos. Esta dependência não tem sido fácil de gerir nos últimos anos, revela o The Conversation.

Os 50 filmes com maior sucesso nas bilheteiras do Reino Unido representam quase 90% da do número de bilhetes vendidos total. Com mais de 700 filmes a serem lançados todos os anos, este impacto das grandes produções deixa pouco espaço para filmes com menor destaque, cujas receitas não têm capacidade de sustentar todos os custos fixos elevados que o cinema exige.

Em 2019, três distribuidores de grande peso na sétima arte (Disney, Universal e Warner Bros) tinham uma participação de mercado de mais de 64% –  só a Disney arrecadava cerca de 38%. Nesse sentido, a pandemia pode abalar a produção e as receitas das distribuidoras mas não será o suficiente para as levar à falência. Há uma grande procura que não diminuiu, em certos tipo de filmes, e isso tranquiliza as grandes empresas.

O único grande filme a ser lançado desde a reabertura dos cinemas foi o Princípio de Christopher Nolan – que recebeu várias críticas pelo desempenho, e foi considerado “mau”. Outras grandes estreias viram as suas datas de lançamento adiadas para 2021 – como é o caso do novo filme de James Bond.

O adiamento de grandes filmes aumentou a tensão entre distribuidoras de filmes e cinemas. Por um lado os cinemas não gostaram da ideia, pois consideram que grandes cartazes podiam fazer com que “o público comece a voltar”. Por outro, as distribuidoras estavam com medo e não queriam lançar filmes que tiveram grande investimento, para depois não alcançarem receitas suficientes.

Contudo, e apesar do cenário se mostrar negro, a morte do cinema também foi anunciada muitas vezes por vários críticos em outros momentos, um desses casos foi quando surgiu a televisão.

Por isso pandemia de covid-19 pode ser apenas um obstáculo que poderá fazer com que a sétima arte se reinvente.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Mais de mil ovelhas e cabras tomaram conta das ruas de Madrid (por um bom motivo)

Mais de mil ovelhas e cabras encheram as ruas de Madrid, este domingo, a propósito do tradicional Festival da Transumância, que foi cancelado no ano passado devido à pandemia da covid-19. De acordo com a agência …

Crise de abastecimento provoca escassez de camisolas de Natal

Na próxima época natalícia, os Estados Unidos podem enfrentar uma escassez de Ugly Sweaters, causada pela crise mundial dos transportes marítimos. As Ugly Sweaters são as típicas camisolas de Natal - por norma, coloridas e com …

Erupção de La Palma. Cães salvos por um grupo misterioso

Um grupo misterioso - que se auto-denomina A-Team - afirma ter resgatado vários animais "presos" devido à erupção do vulcão Cumbre Vieja em La Palma, nas Canárias. De acordo com o jornal britânico The Guardian, as …

Alec Baldwin

Assistente que entregou arma a Alec Baldwin já teria tido práticas inseguras

Uma fabricante de adereços disse que, no passado, já tinha mostrado preocupação com o facto de o assistente de realização ter protagonizado situações inseguras. No fim-de-semana, um documento judicial obtido pela CNN mostrou que a arma …

Metade dos chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se em bloco

Uma dezena de chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se esta segunda-feira, em protesto contra a falta de condições de trabalho e o "desinvestimento" no Serviço Nacional de Saúde. Contactada pela agência Lusa, …

Primeiro-ministro da Polónia acusa UE de ter "arma apontada à cabeça" do país

O primeiro-ministro polaco acusou a União Europeia (UE), esta segunda-feira, de "ter uma arma pontada à cabeça" da Polónia, ao exigir que Varsóvia reveja as reformas judiciais, ameaçando-a com sanções. Numa entrevista publicada pelo Financial Times, …

Carlos César acusa BE e PCP de terem preferido "jogos de poder"

O presidente do PS acusou, esta segunda-feira, os partidos de esquerda de terem preferido "os jogos de poder", no seguimento do anúncio de ambos do voto contra o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "BE e …

O dirigente do PSD Paulo Mota Pinto

Mota Pinto aponta "irresponsabilidade" de marcar diretas. Rangel reforça importância de ter líder "fortemente legitimado"

O dirigente do PSD defendeu, esta segunda-feira, que o partido "está preparado" para legislativas antecipadas, defendendo que estas devem ocorrer "o mais rapidamente possível". Em declarações à agência Lusa, o presidente da Mesa do Congresso e …

EMA aprova terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) deu luz verde, esta segunda-feira, à administração da terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos. Em comunicado, a agência refere que os dados apontam que uma …

Câmara do Porto aprova sistema de videovigilância no centro histórico

Esta segunda-feira, na reunião do Executivo portuense, foi aprovado, com o voto contra da CDU e do BE, o protocolo a celebrar com a PSP para implementação da videovigilância na Baixa do Porto. O presidente da …