Rússia promete 3 vacinas contra o Ébola em 6 meses

number10gov / Flickr

A ministra russa da Saúde, Veronika Skvortsova

A ministra russa da Saúde, Veronika Skvortsova

A Rússia espera produzir três vacinas contra o vírus do Ébola nos próximos seis meses, disse hoje a ministra da Saúde, Veronika Skvortsova, quando a epidemia já causou mais de 4.000 mortos, segundo a Organização Mundial de Saúde.

“Criámos três vacinas e pensamos que estarão prontas nos próximos seis meses”, declarou à televisão a ministra russa da Saúde, Veronika Skvortsova, ditada pela agência Ria Novosti.

“Uma já está pronta para um ensaio clínico”, adiantou, precisando que uma das vacinas tinha sido criada a partir de uma estirpe do vírus inactiva.

A epidemia da febre hemorrágica Ébola, com início na Guiné-Conacri no final de dezembro de 2013, causou até 8 de outubro 4.033 mortos, segundo o último balanço da Organização Mundial de Saúde (OMS). No total, 8.399 pessoas foram infetadas em sete países.

Enquanto crescem os medicamentos antivirais experimentais, a OMS deu conta de duas “vacinas promissoras”: uma desenvolvida pela empresa britânica GlaxoSmithKline (GSK) e a outra desenvolvida por uma agência de saúde pública do Canadá, em Winnipeg, cuja licença de comercialização pertence à norte-americana NewLink Genetics.

Ensaios clínicos da vacina da GSK começaram recentemente no Mali, país africano vizinho da Guiné-Conacri.

A OMS espera os primeiros resultados dos ensaios das duas vacinas em novembro-dezembro e o início dos ensaios de fase 2 (permitindo avaliar a eficácia da vacina) nos países afetados em janeiro-fevereiro.

O vírus Ébola, com uma taxa de mortalidade entre os 25 e os 90 por cento, transmite-se por contacto direto com o sangue, líquidos biológicos ou tecidos de pessoas ou animais infetados.

Não existe qualquer vacina homologada contra a doença, nem tratamento específico.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ateneu de Lisboa perdeu exemplar raro de "Os Lusíadas"

Um exemplar raro da obra "Os Lusíadas", avaliado em 100 mil euros, desapareceu do Ateneu Comercial de Lisboa. Segundo o Observador, que cita o jornal i, desapareceu do Ateneu Comercial de Lisboa um exemplar raro da …

Pais da bebé Matilde ajudaram Tomás a tratar cancro nos ossos

Tomás Leal, de 5 anos, tal como a irmã, Marta, de 9 anos, sofre de cancro nos ossos. Os pais recorreram à Clínica Universidad de Navarra, em Espanha, para uma solução médica que evite …

Já é conhecido o novo Governo. Há mais mulheres e cinco novos ministros

António Costa levou esta tarde os nomes do novo Governo que foram validados pelo Presidente da República. Costa quis deixar o assunto encerrado antes de partir para o Conselho Europeu de quinta e sexta-feira. A …

Relação de Lisboa reconhece insónias como motivo para indemnização

Uma empresa foi obrigada a indemnizar três funcionários que tinham sido despedidos e a reintegrá-los. A Relação de Lisboa considerou que os trabalhadores "passaram a andar deprimidos e ansiosos, dormindo mal" e por esse motivo …

Incêndio no Pinhal de Leiria terá originado de dois reacendimentos

O incêndio na Mata Nacional de Leiria, no dia 15 de outubro de 2017, resultou de dois reacendimentos de um incêndio após uma queimada e outro de um possível fogo posto, refere o despacho de …

Peste suína leva China a proibir carne de Timor-Leste

A China interditou a entrada de carne de porco proveniente de Timor-Leste devido ao surto de peste suína africana detetado no arquipélago. Segundo um edital publicado esta terça-feira pela Administração Geral da Alfândega da China, mas …

Lisboa está entre as cem cidades com os melhores hospitais do mundo

Lisboa figura na lista das cidades com os melhores hospitais do mundo segundo o estudo "Best Hospital Cities Ranking 2019", realizado pela primeira vez pela tecnológica da área da saúde Medbelle, uma startup baseada em …

Gaudêncio demite-se da liderança do PSD/Açores e pede eleições internas antecipadas

O líder do PSD/Açores, Alexandre Gaudêncio, demitiu-se esta terça-feira do cargo e vai pedir eleições internas diretas, não adiantando se se irá recandidatar ao cargo que assumiu há um ano. Alexandre Gaudêncio anunciou esta terça-feira, em …

Mortes causadas por agentes da polícia crescem 4,3% com Bolsonaro no poder

Agentes da polícia no Brasil causaram a morte de pelo menos 2.886 pessoas nos primeiros seis meses deste ano, mais 4,3% que os 2.766 registados no mesmo período do ano passado. Segundo um levantamento divulgado na …

Duarte Cordeiro, Alexandra Leitão e Ricardo Serrão Santos. Costa e Marcelo reunidos para falar sobre novo governo

O primeiro-ministro indigitado está esta tarde reunido com o Presidente da República, na habitual reunião semanal, que foi antecipada e que servirá para António Costa entregar a composição do novo governo a Marcelo Rebelo de …