Rui Moreira quer usar video-vigilância para criminalizar consumo de droga no Porto

Fernando Veludo / Lusa

O problema da droga no Porto “está por todo lado”, não apenas nos bairros mais complicados da cidade. Quem o diz é o presidente da Câmara Rui Moreira que defende a criminalização do consumo na via pública, com recurso a novas câmaras de video-vigilância do tráfego que a autarquia vai instalar.

“Não é na proximidade do Aleixo apenas. É no Viso, é em Ramalde do Meio, é em Francos, é no Cerco, é no Centro Histórico, é em todo o lado”, lamenta Rui Moreira que se manifesta preocupado com o fenómeno do consumo de drogas no Porto.

O autarca defende a utilização do sistema de video-vigilância do tráfego da cidade para criminalizar o consumo e o tráfico de droga. Apesar das salas de consumo assistido auxiliarem a “inibir o consumo” de estupefacientes na via pública, é necessário “criminalizar” quem o faz, considera Rui Moreira.

O presidente da Câmara do Porto entende que a actual legislação “não protege, pura e simplesmente, a esmagadora maioria da população” e dá como exemplo as pessoas que, nas zonas mais problemáticas da cidade, “não conseguem ir à janela porque são ameaçadas”.

O autarca diz-se “um pouco cansado de ouvir falar apenas na dignidade do consumidor” e refere que esse direito “diminui o direito à liberdade” de quem vive “a portas meias com a face visível do consumo”.

Assim, Rui Moreira coloca à disposição do Ministério da Administração Interna (MAI) as 110 novas câmaras de video-vigilância do trânsito que a autarquia vai instalar, para que se proceda à criminalização do consumo e do tráfico de droga na via pública.

A instalação das novas Câmaras vai custar 210 mil euros e divide os partidos, com o PS e a CDU a manifestarem-se contra o que consideram ser uma dupla monitorização. Já o PSD está a favor do uso da video-vigilância para efeitos de criminalização.

“Se não fizermos nada, as portas das escolas são uma sala de consumo assistido ao ar livre, e eu não quero”, alertou Rui Moreira em reunião do executivo camarário. E o sistema de video-vigilância “está à distância de um clique e custa zero ao Estado português”, aponta o autarca, notando que “foi investimento municipal” e que “está à disposição do MAI”.

“Nós estamos absolutamente de acordo em tratar como doença, aquilo que é toxicodependência, mas, com todo o respeito, eu também estou preocupado com as outras pessoas”, atirou ainda o autarca que frisa que a Câmara está disposta a “pagar parte significativa do custo” para a instalação de salas de consumo no Porto.

No passado dia 4 de Setembro, a agência Lusa avançou que a Câmara do Porto e a Administração Regional de Saúde do Norte estavam a analisar a possibilidade de instalar salas de consumo protegido no município.

A actual situação do fenómeno das drogas no Porto preocupa vários residentes na cidade, com um crescente clima de insegurança, considerando-se que o desmantelamento do bairro do Aleixo levou à disseminação do tráfico e do consumo por outras zonas da cidade.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Veneno de cascavel pode ser o segredo para novo analgésico poderoso

Um composto do veneno da cascavel sul-americana pode ser usado para criar um analgésico poderoso. Os testes feitos em animais foram um sucesso. A crotoxina pode ser encontrada no veneno da cascavel sul-americana, Crotalus durissus terrificus, …

O falecido George Solitário, última tartaruga da sua espécie, pode ter parentes vivos

Uma expedição científica encontrou, em Galápagos, uma tartaruga com uma alta carga genética da espécie a que pertenceu o famoso George Solitário. Em 2012, uma tartaruga gigante, conhecida como George Solitário, faleceu com 100 anos. A …

Vídeo de criança vítima de bullying gera onda de apoio global

Internautas de todo o mundo, inclusive celebridades, uniram-se para dar apoio ao menino australiano, de nove anos, que sofre de bullying por causa da sua aparência. De acordo com a BBC, Yarraka Bayles partilhou o vídeo …

Descoberta nova quasipartícula: o π-ton

Foi descoberta uma nova quasipartícula no Instituto de Tecnologia de Viena. Os cientistas batizaram-na de π-ton, uma quasipartícula que contém dois eletrões e duas lacunas. Existem diferentes tipos de partículas. Um deles, as quasipartículas, são excitações …

É oficial. Friends está de volta para um episódio especial

As preces dos fãs foram finalmente ouvidas. O elenco de Friends vai reunir-se para um episódio especial exclusivo na HBO Max. Jennifer Aniston, Courteney Cox, Lisa Kudrow, Matt LeBlanc, Matthew Perry e David Schwimmer voltarão ao …

Dieta ocidental está a deixar as pessoas menos inteligentes

Uma dieta pouco saudável, à base de hambúrgueres e doces está literalmente a deixar as pessoas menos inteligentes apenas no espaço de uma semana. Esta foi a conclusão de um estudo de investigadores da Universidade …

Pedro Proença: Sociedade deve atuar no combate ao racismo

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) disse, esta sexta-feira, que a sociedade portuguesa deve atuar no combate ao racismo, violência, xenofobia e intolerância. A Liga vai lançar, durante este fim-de-semana, uma campanha com …

Na última década, Coreia do Norte gastou mais de meio milhão de dólares em cavalos russos

A Coreia do Norte gastou recentemente dezenas de milhares de dólares na aquisição de 12 cavalos provenientes da Rússia, de acordo com os dados alfandegários. A Coreia do Norte gastou quase meio milhão de dólares (584.302 …

O caranguejo "supervilão" do Canadá vai ser transformado em plástico biodegradável

Uma equipa de cientistas no Canadá desenvolveu um plano para transformar uma espécie invasora de crustáceo - conhecida como como caranguejo supervilão - em copos e talheres  de "plástico", usando as suas carapaças para criar …

Covid-19. Tripulante de navio japonês pode ser o primeiro português infetado

Um português que é tripulante do navio Princess Cruises, atracado no porto de Yokohama, no Japão, pode ter sido diagnosticado "positivo" com o novo coronavírus. Contactada pela agência Lusa, a diretora-geral de Saúde, Graça Freitas, afirma …