Acabou o jejum: Ronaldo bisa e estreia-se a marcar pela Juve

Alessandro Di Marco / EPA

Cristiano Ronaldo estreia-se a marcar pela Juventus

Cristiano Ronaldo estreou-se este domingo a marcar em jogos oficiais pela Juventus, ao bisar na vitória frente ao Sassuolo (2-1). O internacional português reconheceu que estava ansioso.

O futebolista, que trocou o Real Madrid pela Juve neste verão – numa transferência que ascendou aos 112 milhões de euros – estava em ‘branco’ pela equipa de Turim, algo pouco habitual em Cristiano Ronaldo.

Nas três jornadas anteriores, em que a equipa treinada por Massimiliano Allegri venceu sempre, Cristiano jogou sempre os 90 minutos, mas faltava-lhe o golo.

“É futebol, o importante é que a equipa ganhe. Talvez estivesse um pouco ansioso. É normal, depois de sair de Madrid, de tudo o que se passou e que me deixou um pouco mais ansioso”, admitiu o português à cadeia italiana Sky Sport.

Neste domingo, com o resultado sem golos ao intervalo, Cristiano Ronaldo quebrou o ‘jejum’, aos 50 e 65 minutos.

“Estou muito contente, foi um jogo disputado, o Sassuolo jogou bem, há que dar mérito ao que fizemos, estivemos intensos, criámos muitas ocasiões. Óbvio que estou contente por marcar os meus primeiros golos, estava com vontade”, disse o português.

O futebolista, que agradeceu ainda aos companheiros pelo apoio que lhe têm dado, acrescentou que às vezes não se controla a ansiedade, mas que sabia que os golos acabariam por chegar. “Continuo a adaptar-me à Liga italiana”, acrescentou.

Na quarta-feira, Cristiano Ronaldo tentará estrear-se também a marcar pela Juventus na Liga dos Campeões, com a equipa de Turim a visitar o Valência, na primeira jornada da fase de grupos.

https://www.instagram.com/p/BnywOjBlEse/?utm_source=ig_embed

Com “bis” frente ao Sassuolo, Ronaldo chegou aos 400 golos em campeonatos, nota o Público. A maior fatia deste número foi alcançada, naturalmente, no Real Madrid (311), mais 84 no Manchester United e três no Sporting.

Cristiano Ronaldo já não marcava desde 19 de Maio, quando assinou um golo no empate do Real Madrid (2-2) frente ao Villarreal – naquele que foi o seu penúltimo jogo pelo Real Madrid, ficando a zeros no último, a final da Liga dos Campeões frente ao Liverpool.

Feitiço quebrado

A imprensa italiana não ficou indiferente aos primeiros golos de Cristiano Ronaldo pela Juve, dando a maioria dos desportivos italianos destaque ao internacional português.

Juventus em festa, finalmente CR7“, escreve o Corriere dello Sport, afirmando que o avançado  “quebrou o feitiço” e “marcou um dos golos mais fáceis da carreira para desbloquear 320 minutos de silêncio ofensivo” – numa referência ao primeiro golo, no qual só teve de empurrar a bola na pequena área.

“Uma mistura de alegria e libertação”, refere o desportivo Gazzetta dello Sport.

Já o Tuttosport, da cidade de Turim, faz manchete sob o título “Show de Ronaldo: faz dois golos e a Juve voa”, considerando que este golo vai entrar para o Museu do Funchal, por assinalar o primeiro golo oficial com a camisola da Vecchia Signora.

O jornal destaca ainda o português João Cancelo que “está a melhorar de forma impressionante”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Morreu um dos jovens infetados com peste negra na Mongólia

Morreu um dos jovens infetados com peste bubónica, também conhecida como peste negra, na Mongólia. O rapaz contraiu a doença depois de ter comido carne de marmota. Um jovem de 15 anos morreu, esta segunda-feira, vítima …

PCP quer Costa no Parlamento de 15 em 15 dias (e não vai contribuir para acabar com os debates quinzenais)

O PCP não concorda que será o fim da democracia caso os debate quinzenais passem a mensais. No entanto, não vai contribuir para acabar com este modelo. Ao Expresso, o deputado comunista António Filipe Duarte garantiu …

"Espero contar tudo o que sei". Cientista chinesa fugiu da China para alertar que "não temos muito tempo"

A virologista chinesa Li-Meng Yan, que fugiu para os Estados Unidos, deu uma segunda entrevista à Fox News, na qual alertou que "não temos muito tempo".   Li-Meng Yan, especialista em virologia e imunologia, era uma …

Galp perde 60 milhões de euros em negócios não autorizados

A Galp perdeu 60 milhões de euros em negócios não autorizados com licenças de CO2. A petrolífera já avançou com ações disciplinares e uma auditoria. A Galp informou que foram identificadas transações, não autorizadas pela empresa, …

"Bandeira vermelha". Tóquio em alerta máximo após aumento de novas infeções

A capital do Japão, Tóquio, com 14 milhões de habitantes, está no nível mais alto de alerta para o novo coronavírus após um aumento dos casos registados. “Os especialistas disseram-nos que a situação das infeções está …

Operação Saco Azul. Empresas "zombie" terão desviado 1,8 milhões do Benfica

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, e a SAD do clube lisboeta foram constituídos arguidos pelo crime de fraude fiscal, no âmbito da operação ‘saco azul’, confirmou esta terça-feira à agência Lusa fonte oficial …

Maçãs com preços em alta, menos vinho e cerveja a estragar-se (os efeitos da pandemia)

A pandemia de covid-19 está a levar milhares de litros de cerveja a estragar-se, enquanto os produtores de vinho temem uma quebra na produção e, logo, nos lucros. Enquanto isso há menos maçãs e mais …

TAD anula sanção de cinco jogos à porta fechada ao Benfica

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) deu provimento ao recurso do Benfica e revogou a sanção de cinco jogos à porta fechada imposta pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) ao clube, pelo apoio prestado a …

Costa vira à esquerda, mas Catarina Martins diz que "não pode ser só conversa"

Esta quarta-feira, António Costa lança as negociações para o Orçamento do Estado para 2021 com os partidos que, até aqui, foram seus aliados. O primeiro-ministro insiste que o caminho da sua governação passa por entendimentos à …

No novo ano letivo, a Educação Física continua a ser maior incógnita

No início de julho, o Ministério da Educação anunciou algumas orientações sobre o próximo ano letivo que não contemplavam a Educação Física e o futuro da disciplina continua a ser uma incógnita.  Nas escolas, a falta …