Com Rio, PSD “morde os calcanhares” a Costa. Se Rangel for o líder, partido cai para mínimos

16

António Cotrim / Lusa

Rui Rio e Paulo Rangel

Uma sondagem divulgada pela TVI mostra que o PS deverá ganhar as eleições com 31%. Com Rio como candidato, o PSD poderia obter 27% dos votos. Já com Rangel não deverá ir além dos 19%.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A dois dias das eleições internas do PSD, uma sondagem mostra como seriam os resultados das eleições legislativas se estas ocorressem agora – quando ainda não se sabe quem será o futuro líder dos sociais-democratas.

De acordo com a sondagem da Pitagórica divulgada pela TVI, o PS teria mais hipóteses de ser o vencedor das eleições, obtendo entre 27,8% e 35,8% dos votos. Já o PSD teria um melhor resultado nas legislativas de janeiro se fosse Rui Rio o líder, sendo que o partido obteria entre 22,7% e 30,7%, enquanto com Paulo Rangel teria entre os 14,7% e os 22,7% dos votos.

Segundo a sondagem, o Chega tornar-se-ia, em ambos os cenários, a terceira força política com um resultado entre os 1,90% e os 9,90%. Seguia-se o BE, que obteria entre os 0,50% e os 8,50% dos votos, a CDU, que teria entre 0,30% a 8,30%, e o Iniciativa Liberal, que recolheria até 8% dos votos.

Em termos concretos, e tendo em conta a percentagem de indecisos e com Rui Rio no comando do PSD, o PS teria 31,8%, o PSD 26,7%, o Chega 5,9%, o BE 4,5%, a CDU 4,3%, o IL 3,5%, o PAN 1,6% e o CDS não ia além dos 0,6%.

Com Paulo Rangel à frente dos sociais-democratas e tendo em conta os indecisos, o PS piorava ligeiramente o resultado com 31%, mas o PSD teria um resultado histórico, não indo além dos 18,7%.

Assim, os maiores beneficiados seriam o Chega, que conseguia 6,6%, o Iniciativa Liberal, que chegava aos 4%, e o CDS-PP, que obteria 1,9% das intenções de votos. Nos restantes partidos à esquerda do hemiciclo tudo se mantinha igual, refere o Observador.

Se Rui Rio for eleito líder do PSD, haveria um cenário de bipolarização política, enquanto com Paulo Rangel assistir-se-ia a uma maior dispersão dos votos.

  ZAP //

16 Comments

  1. Mas é claro como a água, nem precisam de muitas sondagens, com o Rangel o PSD vai fazer companhia ao Chicão, o Rui Rio já deu provas de ser uma pessoa sensata e confiável, já o Rangel…..

  2. É óbvio que a população quer um futuro governo que saiba chegar a acordos e Rui Rio é o homem certo, para extremismo de opinião já bastou a geringonça.

    • Acordos ?? Rui Rio que acordos fez? só se for logo o primeiro, dispensa do governo de escrutinio quinzenal !!! Por amor de deus.
      Uma verdadeira negação na oposição.

  3. Então a TVI não é dominada pelo PS? Favores com favores se pagam. Com certeza que não passa pela cabeça de ninguém que o PS não esteja por trás da sondagem e também não passa pela cabeça de ninguém que o Costa para reinar prefere mil vezes o RIO que não passa de um manso cordeirinho disposto a digerir tudo o que lhe apresentem.

    • Isso… A TVI é do PS tal como a empresa de sondagens Pitagórica, e melhor ainda todas as pessoas sondadas eram do PS ou de lá perto, ou melhor ninguém foi sondado e este estudo não passa de uma folha excel.
      Claro que se o estudo desse o Rangel como o herói da paroquia este estudo seria do mais fidedigno que possa haver.

    • João+Martins, está completamente certo, só este Joe aqui, que sem duvida é do PS, é que tem uma absoluta ignorância de sondagens.
      Engraçado que em todas as leituras de opinião que eu já fiz, mais de 1500 pessoas, particularmente o Rio é considerado, infelizmente, um amorfo.

      • 1500 !! estranho aqui ainda ninguém considerou o Rio de amorfo….. Uma pergunta: nos milhares de artigos de opinião que visualiza que presumo diariamente conseguiu ler algum em que alguém do PSD defenda o Rio ??? é que tendo em conta a sua opinião todos os que o defendem são do PS.

  4. O Rui Rio vai ser o próximo Primeiro-ministro de Portugal. Para tal, tornar-se fundamental a estratégia da política à direita com uma “Governança” inclusiva de “geringonça à direita” de tipologia Alemã. Todavia, a missão do PSD é saber ser e saber derrotar o PS e a estratégia da “geringonça à esquerda”. Mais PS? Já chega de PS a Governar.

  5. Não se pode considerar Rangel na medida que é um passista . Passistas que não voltem mais , porque de sacrifícios os portugueses sabem o que já tiveram na pele. Po0líticas assentes no amadorismo e sem qualquer futuro.
    Rio é um homem com mais experiência que como líder do psd não incomodou muito Costa . Procedeu com diplomacia , tendo obtido ganhos nas autárquicas com destaque para a Câmara de Lisboa. Este feito elevou a sua classificação . Como mandatário da sua campanha destaca-se a figura de Salvador Malheiro que empunhará a bandeira da vitória e ninguém conseguirá derrotar. Com Malheiro Rio ganha . Malheiro é um estratega na preparação da vitória desta candidatura. É uma figura que merece um destaque especial e que o PSD tem que tomar em conta que é mesmo um dos melhores.

  6. Rangel é apenas um mero candidato. Primeiro ministro nunca será. Só se for no seu imaginário. Rio tem uma grande experiência política com um palmarés de vitórias . Como resultados teremos um Rangel derrotado e um Rio vencedor.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.