Na resposta a uma crise, ligações humanas podem piorar ainda mais as coisas

Um novo estudo sugere que a conexão humana nem sempre é uma coisa boa, sobretudo quando se trata de ultrapassar uma crise com sucesso.

De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 2480 voluntários e dividiram-nos em 108 equipas com vários tamanhos. A tarefa era simples: decidir quando evacuar durante um cenário de desastre. Apenas uma pessoa em cada grupo sabia a extensão da situação, e o resto tinha de perceber o que estava a acontecer conversando com os outros.

Embora a comunicação tenha ajudado a reduzir evacuações desnecessárias, no final, também interrompeu as ações mais necessárias. Mesmo quando alguém do grupo sabia que havia um desastre iminente, era menos provável que a equipa evacuasse.

Segundo o mesmo site, parte desta situação pode estar relacionada com as chamadas “fake news“. Às vezes, os factos não chegavam a todos os voluntários e, na falta de informação, os psicólogos descobriram que as pessoas começaram a inventar rumores.

Além disso, se esses rumores trouxessem boas notícias, as pessoas tinham muito mais probabilidade de acreditar neles. Ao longo do estudo, as mensagens ‘seguras’ sobrecarregaram frequentemente a difusão dos avisos, dizem os autores do estudo publicado, no final de maio, na revista científica Proceedings of the Royal Society A: Mathematical, Physical and Engineering Sciences.

Ou seja, mesmo em circunstâncias imaginárias, com custos sociais e financeiros simulados, as pessoas parecem preferir o status quo. Talvez porque estão com muito medo de agir, ou talvez porque os humanos em grupos são mais otimistas.

Durante uma crise, os psicólogos descobriram que as pessoas têm menos tendência para agir durante uma emergência, se houver outras pessoas à sua volta.

Muitas vezes, os membros de uma comunidade sofrem negação ou não acreditam que a ameaça é real para eles, deixando a opção de agir para a última. Enquanto isso, outros podem aceitar que a ameaça é real, mas sentem-se sem esperança para fazer algo.

No presente, temos algumas situações que demonstram precisamente este comportamento. A pandemia de covid-19 e a crise climática são exemplos de como chegar a um consenso em grandes grupos leva muito tempo, especialmente quando há um forte conflito de opiniões.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Halterofilista neozelandesa será a primeira atleta transgénero a competir nos Jogos Olímpicos

A neozelandesa Laurel Hubbard, de 43 anos, classificou-se para os Jogos Olímpicos de Tóquio na categoria acima de 87kg feminina (super pesadas) do levantamento de peso, tornando-se a primeira atleta transgénero a participar na competição. "Estou …

República Checa 0-1 Inglaterra | Serviços mínimos valem topo

A Inglaterra, que tinha assegurado o apuramento na segunda-feira, garantiu o primeiro lugar do Grupo D do Euro 2020, ao vencer a República Checa por 1-0, com um golo madrugador, no mítico estádio de Wembley. Num …

Croácia 3-1 Escócia | Croatas de trivela rumo aos oitavos

A Croácia, liderada pelos ‘craques’ Luka Modric e Ivan Perisic, qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer por 3-1 a Escócia, que eliminou, num Grupo D conquistado pela Inglaterra. Os …

Asteroide tem nome de astrofísico português Nuno Peixinho

O astrofísico português Nuno Peixinho dá nome a um asteroide, descoberto em 1998 e que tem pouco mais de 10 quilómetros de diâmetro, anunciou esta segunda-feira o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), …

"É inaceitável". Ana Mendes Godinho critica situações de trabalho temporário que "duram décadas"

A ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, insistiu esta terça-feira na relevância do combate à precariedade, sinalizando a intenção de restringir o trabalho temporário. "Tem de haver mecanismos mais fortes para combater a segmentação do mercado …

Hitler expulsou os soldados judeus há oito décadas. Agora, um rabino junta-se ao exército alemão

No início da Segunda Guerra Mundial, Hitler expulsou os judeus das Forças Armadas na década de 1930. Agora, Zsolt Balla irá assumir o cargo de rabino-chefe do exército alemão. Mais de 80 anos depois, aquilo que …

Rio critica Governo após "justa indignação" de Merkel

O presidente do PSD acusou esta terça-feira o Governo de estar a fazer Portugal passar “por uma vergonha desnecessária”, considerando que depois da “vexatória desconsideração” do Reino Unido, os portugueses têm que “ouvir a justa …

Amazon acusada de destruir milhões de itens não vendidos todos os anos

A Amazon foi acusada de destruir milhões de itens não vendidos todos os anos, segundo uma investigação da Newsweek, publicada na segunda-feira. "Uma investigação da ITV News num dos centros de distribuição da Amazon no Reino …

"Sou trans". Jovem português agredido em Inglaterra por ser transexual

"Sou trans". Foi o que bastou Ruan, um jovem português de 21 anos, dizer para ser agredido perto de casa, em Inglaterra. De acordo com o Público, Ruan Filipe, natural de Santa Maria da Feira, terá …

Enquanto o mundo lutava contra uma pandemia, a Guiné declarava o fim do segundo surto do Ébola

No passado sábado, a Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou o fim do segundo surto de Ébola na Guiné, que vitimou mortalmente 12 pessoas. "Tenho a honra de declarar o fim do Ébola" na Guiné, disse …