Reino Unido autoriza bebés de três pais

dontshoot.me! / Flickr

-

Os deputados britânicos autorizaram esta quarta-feira a conceção de bebés a partir do ADN de três pessoas, abrindo caminho para o Reino Unido se tornar o primeiro país do mundo a adotar este controverso procedimento.

Por 382 votos a favor e 128 contra, os deputados da Câmara dos comuns aprovaram a autorização para a concepção de bebés através da fertilização “in-vitro” com o ADN de três pessoas, duas mulheres e um homem, uma técnica denominada doação mitocondrial.

A decisão destina-se a evitar que doenças genéticas graves sejam transmitidas de mãe para filho, e a medida legislativa vai agora passar para a Câmara dos Lordes, considerada uma mera formalidade.

Caso seja aprovada, o Reino Unido será o primeiro país do mundo a legalizar a reprodução assistida com os genes de três pessoas.

Após a aprovação da legislação, as mulheres que quiserem praticar este ato deverão pedir autorização ao “Human Fertilisation and Embryology Authority” (Autoridade de Fertilização e Embriologia Humana, HFEA), o organismo britânico responsável em matéria de bioética.

Os primeiros bebés, nascidos desta técnica de combinação do ADN de duas mulheres e de um homem, poderão nascer a partir do outono de 2016.

Cerca de 125 bebés nascem anualmente no Reino Unido com uma disfunção mitocondrial, transmitida pela mãe. As mitocôndrias são estruturas especializadas presentes nas células que transformam a glucose em molécula energética. Defeituosas, podem provocar um défice energético para o organismo e são responsáveis por doenças degenerativas graves, como a diabetes ou miopatia.

A vice-ministra britânica da Saúde e Assistência Social, a conservadora Jane Ellison, argumentou na Câmara dos Comuns que a técnica significa “a luz ao fundo do túnel para muitas famílias afetadas”, como é o caso de Sharon Bernardi, uma habitante de Sunderland, no nordeste de Inglaterra, que perdeu sete filhos por doenças mitocondriais.

«Para o parlamento é um passo audaz, algo em que pensámos muito», adiantou Ellison.

Os especialistas calculam que cerca de 2.500 mulheres poderão beneficiar deste procedimento no Reino Unido.

A nova técnica, definida como um avanço significativo pelos seus apoiantes, não obtém unanimidade na comunidade científica.

David King, director do grupo de fiscalização independente Juman Genetis Alert, diz que esta é uma decisão de grande “significado histórico”, mas que não foi debatida de forma adequada e tem implicações “anti-éticas”.

“É a primeira vez que qualquer governo legaliza a modificação do genoma humano que pode ser herdado, algo que é proibido em todos os outros países europeus, e as técnicas não passaram pelos testes de segurança necessários”, afirma King.

ZAP // Lusa / BBC

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. A ignorância é algo terrível… Especialmente quando alguém comenta sem saber nada…
    Não conseguem perceber que a mulher fora do casal a única coisa que fornece é o Material Citoplasmático e Mitocôndrias (que pouco DNA tem e são a “fábrica” da energia da Célula)…
    Na essência o material genético no núcleo continua a ser o dos verdadeiros pais e que com esta técnica o que se evita é uma anomalia grave associada ao mal funcionamento das Mitocôndrias de origem materna…
    Mas depois vêm estes indivíduos que não têm mais nada que fazer que não seja empolar uma situação que nada mais tem que resolver um problema grave de saúde e reprodução de algumas pessoas… aproveitando-se a ignorância da população… era mais importante que se educassem e cultivassem mais antes de argumentar sobre o que não dominam…
    Mas da maneira como se desinveste em educação isto só tende a piorar ainda mais…

RESPONDER

Europeias: maior votação em 20 anos. PPE e socialistas juntos sem maioria

A taxa de participação nas eleições europeias, realizadas entre quinta-feira e hoje nos 28  Estados-membros da União Europeia, fixou-se nos 50,5%, a mais elevada dos últimos 20 anos e oito pontos acima do anterior sufrágio. Segundo …

Os anéis de Saturno estão a desaparecer (e a culpa é nossa)

Recentemente, um grupo de cientistas alertou que os anéis de Saturno podem vir a desaparecer devido às futuras explorações humanas.  Exploradores de asteróides e bilionários da tecnologia poderão roubar pedras preciosas do Espaço num futuro próximo, …

Forte tempestade faz reaparecer floresta pré-histórica no Reino Unido

A tempestade Hannah, que levou fortes marés e ventos ao Reino Unido, voltou a trazer à luz restos de árvores de uma floresta pré-histórica com cerca de 4.500 anos. Os vestígios estiveram escondidos durante anos …

PS vence Europeias. BE e PAN sorriem, CDS à espera de confirmar resultado catastrófico

As primeiras projeções aos resultados eleitorais geraram palmas e um ambiente efusivo por parte dos militantes do PS. O CDS é um dos grandes derrotados da noite e o PAN a surpresa. As eleições para …

Conan Osiris vence prémio de mais mal vestido em palco

Não é o prémio que Portugal esperava, mas é um prémio. Conan Osiris venceu o Barbara Dex Award, atribuído ao participante do Festival Eurovisão da Canção que veste a pior indumentária em palco. Conan Osiris é …

O exoesqueleto desta aranha parece o capacete de um minúsculo extraterrestre

No mundo animal, o acasalamento pode ser uma verdadeira batalha. As aranhas-pavão, por exemplo, deixam os seus capacetes para trás (literalmente).  Na hora do acasalamento, o macho da aranha-pavão (Maratus velutinus) deixa o seu exoesqueleto para …

Se chover durante a estadia, esta ilha italiana reembolsa os turistas

Há uma ilha italiana que reembolsa os turistas em aso de chuva. A iniciativa desafia as unidades hoteleiras a reembolsarem os clientes se chover mais de duras horas durante o dia. Se é daquelas pessoas que …

Prada deixa de usar peles a partir de fevereiro de 2020

A marca italiana dirigida por Miuccia Prada anunciou o fim da utilização de peles de animais a partir do próximo ano. A coleção apresentada em fevereiro de 2020, correspondente ao outono-inverno 2020/21, será a primeira …

Líderes falam em abstenção e apelam ao voto. Está "um dia maravilhoso para votar"

Cerca de 10,7 milhões de eleitores vão eleger os 21 deputados ao Parlamento Europeu. À boca das urnas, foram vários os líderes políticos que exerceram o seu direito de voto apelando à participação dos portugueses. A …

Se o mundo vivesse como os portugueses os recursos naturais acabavam hoje

Os recursos naturais da Terra chegavam este domingo ao fim se todas as pessoas do planeta consumissem como os portugueses. Na União Europeia, a Estónia e a Dinamarca já esgotaram os recursos em março passado.  Os …