Regresso aos voos do Boeing 737 MAX continua sem data marcada

Seis meses depois da imobilização no solo do Boeing 737 MAX, no seguimento de dois acidentes que provocaram 346 mortos, continua sem data marcada o regresso deste aparelho ao ar.

Mais de seis meses depois da imobilização no solo do Boeing 737 MAX, no seguimento de dois acidentes que provocaram 346 mortos, continua sem data o regresso deste aparelho ao ar, indicou esta terça-feira o regulador aéreo dos EUA.

A informação foi avançada pela Agência Federal da Aviação (FAA, na sigla em inglês), cujo presidente, Steve Dickson, indicou que o levantamento da proibição vai ser feito país a país. Esta possibilidade reflete as divergências entre as autoridades da aviação civil mundial.

Por outro lado, Dickson confirmou aos seus pares, durante uma reunião em Montreal, no Canadá, que ele próprio tencionava voar no 737 MAX modificado antes que este volte a ter voos comerciais, segundo o texto do seu discurso transmitido à AFP.

“A FAA continua a seguir um processo minucioso e não um calendário imposto, para recolocar o aparelho ao serviço”, declarou Dickson.

Acrescentou que o regulador continua a examinar as mudanças feitas pela Boeing ao programa informático MCAS, especialmente concebido para o MAX, que foi posto em causa durante inquéritos preliminares nos acidentes da Ethiopian Airlines, de 10 de março último, e da Lion Air, de 29 de outubro do ano passado. O 737 MAX está sem voar desde há mais de seis meses.

A FAA admitiu na segunda-feira que as suas divergências com outros reguladores, designadamente europeus e o canadiano, não iriam permitir que o 737 MAX modificado regressasse aos céus de maneira simultânea.

Cada governo vai tomar a sua própria decisão sobre o regresso do aparelho, fundada sobre o exame aprofundado sobre a segurança”, declarou a FAA, cuja proximidade com a Boeing tem sido criticada, de forma generalizada, desde há vários meses.

Entre as críticas que lhe são dirigidas está a de ter sido a última autoridade a impedir que o aparelho voasse e de ter confiado à própria Boeing a homologação de sistemas importantes do 737 MAX, entre os quais o MCAS.

Um painel de reguladores internacionais, criado pela FAA, deve entregar nas próximas semanas um relatório muito crítico sobre as relações entre a Boeing e o regulador.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientista descobre espécie extinta de ganso através de uma pintura egípcia

Uma famosa pintura que estava originalmente no túmulo do príncipe egípcio Nefermaat levou um cientista a descobrir uma espécie de ganso já extinta. A cena "gansos de Meidum", originalmente pintada no túmulo do príncipe Nefermaat, encontra-se …

Físico cria algoritmo de IA que pode provar que a realidade é uma simulação

Hong Qin, do Laboratório de Física de Plasma de Princeton (PPPL) do Departamento de Energia dos EUA, criou um algoritmo de Inteligência Artificial que pode provar que a realidade é, na verdade, uma simulação. O algoritmo …

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Em Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …

Índia abre centro de bem-estar para hóspedes abraçarem vacas e "esquecerem todos os problemas"

Animais de conforto e apoio emocional são cada vez mais populares em todo o mundo. Embora a maioria das pessoas use cães ou gatos, há também algumas escolhas mais bizarras, incluindo pavões, macacos e cobras. Os …

Abel Ferreira tentou levar jogador do Benfica para o Palmeiras

O treinador português Abel Ferreira, no comando técnico dos brasileiros do Palmeiras, pediu a contratação de Franco Cervi, que alinha pelo Benfica, mas acabou por ver a sua proposta recusada pelo jogador argentino. A notícia …