“Rameiras” fizeram marcha em Jerusalém contra violência e assédio sexual

Abir Sultan / EPA

Marcha das Rameiras 2016 em Jerusalém

Marcha das Rameiras 2016 em Jerusalém

Cerca de 300 mulheres juntaram-se esta sexta-feira nas ruas de Jerusalém, em trajes menores, num movimento que apelidaram de “marcha das rameiras” – uma denominação forte que usaram para denunciar ofensas feitas às mulheres, informa a agência France-Presse.

Organizada desde 2012, em Jerusalém, este ano a polícia exigiu que as mulheres que tencionassem participar na marcha o fizessem sem estar nuas da cintura para cima, disseram as organizadoras, pelo que muitas desfilaram de sutiã ou de ligas.

“A polícia autorizou a marcha mas foram-nos impostas várias restrições”, explicou Tamar Ben David, uma das organizadoras.

“Explicaram-nos que era proibido andar na rua com os seios à mostra e nós não queríamos chocar ninguém,” acrescentou.

Ao contrário de Telavive, considerada uma das cidades mais liberais do mundo, Jerusalém é uma cidade conservadora com uma numerosa população religiosa, seja judaica, ortodoxa, muçulmana ou cristã.

Em 2015, uma jovem foi morta e seis outras pessoas foram feridas por um judeu ultraortodoxo, durante a Gay Pride, marcha pelos direitos dos homossexuais, bissexuais e transgéneros.

As organizadoras da “marcha das rameiras” apelaram à Associação dos Direitos Cívicos em Israel que se se certificasse de que a polícia não proibiria o desfile, disse Yaron Kelner, porta-voz da organização.

Uma das manifestantes, Orr Hod, que participou no encontro exibindo roupa interior muito sugestiva, explicou que já não suporta o assédio sexual e que as mulheres violadas sejam consideradas culpadas.

No desfile, algumas participantes levavam cartazes nos quais se lia “Recusamos ser vítimas” ou “27 mulheres mortas anualmente”.

A marcha começou perto de um bairro ultra-ortodoxo judeu, no qual as mulheres apenas podem mostrar a cara e as mãos.

Iniciativas semelhantes foram organizadas em dezenas de grandes cidades, como Toronto, Auckland, Wellington, Nova Deli, Filadélfia, Seul, Sidney, Washington, Paris e Berlim.

Este tipo de marchas nasceu em 2011, em Toronto, onde centenas de homens e mulheres desfilaram para protestar contra as palavras proferidas por um agente da polícia que considerou que “as mulheres deveriam evitar vestirem-se como umas rameiras para evitar serem vítimas de agressões”.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Para trajes menores, não estiveram mal. Mais ousadia verifica-se nas marchas do “orgulho gay”.

RESPONDER

Escola na China transformou-se num "edifício andante" para evitar a demolição

Os residentes da cidade chinesa de Xangai que, no início deste mês, passaram pelo distrito de Huangpu podem ter encontrado uma visão incomum: um "edifício andante". De acordo com a cadeia de televisão CNN, uma escola primária …

Joke Boon, a chef holandesa que não tem olfato nem paladar

Joke Boon perdeu o paladar e o olfato quando ainda era criança, mas isso não a impediu de viver da culinária, área na qual estes requisitos são, à partida, essenciais.  "Como seria a minha vida se …

Portugal com mais 39 mortos, mais 4007 casos e recorde de internamentos graves

Portugal registou hoje 39 mortos e mais 4.007 casos de novas infeções pelo novo coronavírus, tendo alcançado um novo recorde de 286 doentes internados nos cuidados intensivos por covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde. Registou-se este …

Leiloada carta de Nobel antissemita a desprezar Einstein e os judeus

Uma carta escrita em 1927 pelo Prémio Nobel Philipp Lenard a um colega a reclamar das conquistas de Einstein e do suposto domínio judaico da ciência foi a leilão no Nate D. Sanders Auctions, em …

Sue, o T-rex, terá tido uma forte dor de dentes devido a uma infeção

Sue, o T-rex cujo esqueleto é um dos mais completos já descobertos até aos dias de hoje, terá sofrido uma forte dor de dentes durante a sua existência. "Dois dentes estão realmente fundidos e um terceiro …

Câmara com IA confundiu careca do bandeirinha com a bola (e arruinou o jogo de futebol)

Os adeptos da equipa de futebol escocesa Inverness Caledonian Thistle FC experimentaram uma hilariante falha tecnológica durante um jogo no fim de semana passado. De acordo com o IFLScience, o clube escocês anunciou há algumas semanas …

"Francisco Louçã fez bullying para precipitar ruptura do Bloco com o PS"

O PS acredita que foi a postura de "bullying" de Francisco Louçã que forçou o Bloco de Esquerda a precipitar uma "ruptura com o PS", conforme avança o deputado João Paulo Correia, vice-presidente da bancada …

Remdesivir: de droga milagrosa a negócio milionário com "muito, muito mau aspeto"

Apresentado como único medicamento anti-viral eficaz no combate à covid-19, foi o primeiro medicamento aprovado pela FDA, regulador farmacêutico americano, no tratamento da doença. Agora, a sua eficácia é contestada — e os negócios milionários …

"Imagine there is no corruption". Há uma campanha contra a corrupção em Portugal nas ruas de Nova Iorque

Um professor português da Universidade de Columbia, nos EUA, tem em marcha uma campanha contra a corrupção em Portugal, com várias acções nas ruas de Nova Iorque. De guitarra em punho e a cantar "Imagine there …

Morreu Sean Connery, Sir James Bond

O actor escocês Sean Connery morreu, neste sábado, aos 90 anos de idade, conforme avança a BBC. As causas da morte não são ainda conhecidas. Sean Connery tornou-se conhecido como "James Bond", tendo sido o primeiro …