Rachel descobriu que tinha uma ténia bebé no cérebro. E ficou feliz

(dr) baycrest.org

Quando Rachel Palma começou a esquecer as palavras e acidentalmente deixou cair canecas no chão, sabia que algo estava terrivelmente errado.

Depois da visita de um médico e da subsequente ressonância magnética, pareceu que tinha um tumor no cérebro. Pelo menos, isso foi o que os médicos pensaram até a cirurgia começar: uma ténia foi descoberta a deslizar ao redor do seu cérebro.

De acordo com o The Daily Mail, a nova-iorquina de 42 anos experimentou tremores em janeiro de 2018. Palma visitou vários médicos depois de ter dificuldade em completar frases completas e perder a coordenação.



O WCYB News 5 relatou que os sintomas de Palma eram tão graves que sentiu alucinações, insónia e teve “pesadelos terríveis” quando conseguia dormir. A sua mão direita, de repente, parou de funcionar.

“Os incidentes estavam a ficar cada vez mais bizarros”, disse Rachel. “Houve dias em que eu não sabia onde estava.” Inicialmente, os médicos não podiam ajudar Palma, mesmo depois de fazer vários scans do seu cérebro. Apenas quando foi a uma consulta com especialistas no Monte Sinai – sete meses após o início dos sintomas – é que alguém conseguiu ajudar.

Rachel foi diagnosticada erradamente com um tumor cerebral maligno. Mas, quando os cirurgiões do Monte Sinai finalmente abriram o crânio durante uma operação de três horas, descobriram o verdadeiro culpado.

Em vez de um tumor no lobo esquerdo, como era esperado, o médico Jonathan Rasouli descobriu um verme longo a sair do cérebro de Rachel. Normalmente, tal descoberta é motivo de preocupação – mas como o diagnóstico inicial era um tumor cerebral fatal, uma ténia bebé justificava motivo para comemoração.

“Ficamos muito felizes”, disse Rasouli, chefe residente em neurocirurgia no Monte Sinai. “Estávamos a aplaudir. Ficamos tão felizes. Quando chegamos lá e vimos que era uma ténia, ficamos: “SIM!” Ficamos tão felizes!”. Também Rachel ficou muito feliz com os resultados finais. “A boa notícia é que eu não tenho cancro”, disse.

Rachel sofria de uma condição conhecida como neurocisticercose, que na verdade é uma das principais causas de epilepsia em adultos em todo o mundo. Nos EUA, cerca de mil pessoas são hospitalizadas pela condição por ano, com a maioria dos pacientes vindo de regiões como a América do Sul. Geralmente, o tratamento passa simplesmente por um ciclo de antibióticos. Para Rachel não foi o caso, pois a ténia tinha crescido demais.

As ténias são normalmente encontradas nos intestinos. A causa mais comum de uma infeção por ténia em humanos é o consumo de carne mal cozida. as pequenas criaturas podem crescer até 20 metros e sobreviver até 30 anos num hospedeiro. Rachel ainda não sabe exatamente como foi infetada por uma destas criaturas.

Ainda assim, Rachel acredita que recebeu uma segunda oportunidade. Além de estar feliz por estar viva, também começou a consciencializar e apoiar a educação sobre ténias. “Não há dúvida que salvaram minha vida”, disse. “E deram-me a minha vida de volta.”

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A luz solar pode tornar os sacos de plástico (ainda) mais perigosos para o ambiente

A exposição ao sol dos sacos plásticos cria dezenas de milhares de novos componentes químicos que se podem dissolver na água, num processo que é bastante rápido. Os danos dos sacos de plástico para o ambiente …

Afinal, as dietas detox não são tão milagrosas como prometem

As dietas detox ganharam muita popularidade nos últimos anos, mas os nutricionistas argumentam que as promessas feitas por estes regimes alimentares não têm bases científicas. Explodiram em popularidade nos últimos tempos, mas parece que as dietas …

Processo Príncipe André. Tribunal de Nova Iorque faz audição pré-julgamento

Os advogados da mulher que alega ter sido abusada por André argumentaram em tribunal que o Príncipe já foi informado do processo. Depois de ter sido processado por uma alegada vítima de abusos sexuais, o processo …

Mulheres podem vir a fazer parte da Guarda Suíça do Vaticano. Quartel adaptado já está a ser projetado

Apesar de ainda não haver permissão para a sua presença na Guarda Suíça do Vaticano, já está a ser projetado um quartel adaptado à acomodação de mulheres. Atualmente, o corpo de elite que protege o papa …

Projeto vai testar inteligência artificial no diagnóstico precoce do cancro gástrico

Investigadores da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) integram um projeto que visa desenvolver novos algoritmos para testar o uso da inteligência artificial no diagnóstico precoce do cancro gástrico, foi anunciado esta segunda-feira. Em …

Jerónimo pede "mais tento" a Costa nas críticas aos autarcas do PCP

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, sugeriu hoje a António Costa que tenha “mais tento” e “mais cuidado” nas críticas apontadas aos autarcas comunistas, considerando que é “inquestionável” o trabalho da CDU ao serviço …

China e Vietname devem "evitar aumento das disputas" no Mar do Sul da China

A China e o Vietname devem se abster de ações unilaterais em relação ao Mar do Sul da China para não potenciar as disputas já existentes, afirmou o conselheiro de estado chinês Wang Yi. Segundo o …

Covid-19: Governo convoca para quinta-feira reunião no Infarmed sobre situação epidemiológica

As reuniões sobre a evolução da situação epidemiológica da covid-19 em Portugal, juntando políticos e especialistas, vão ser retomadas esta quinta-feira no Infarmed, em Lisboa, disse à agência Lusa fonte do executivo. A reunião de quinta-feira, …

Portugal estreia-se no Mundial de Futsal com uma vitória por 4-1 frente à Tailândia

A selecção lusa estreou-se com uma goleada frente à Tailândia e garantiu o segundo lugar do grupo, estando apenas atrás de Marrocos devido à diferença de golos. Não havia melhor maneira de começar a campanha do …

Um novo nanomaterial continua seco submerso - e pode tornar o combustível mais eficiente

A nova criação distingue-se de descobertas anteriores semelhantes porque mantém-se completamente seca mesmo depois de estar submersa durante várias horas - e tem muito potencial. Parece coisa de ficção científica, mas tornou-se realidade. Uma equipa de …