Quercus na ONU: “A ameaça ao nosso território é real”

(dv) Quercus

foto: divulgação / Quercus

A Quercus defendeu hoje que os países têm de mostrar coragem e avançar com decisões “difíceis mas necessárias” para enfrentar as alterações climáticas, apontando a subida do nível do mar como a maios preocupação para Portugal.

A Quercus vai participar na Conferência das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas, que hoje começa em Varsóvia, com o objetivo de preparar uma nova tentativa de acordo global, a alcançar em 2015.

A ameaça ao nosso território é real, dramática e poderá ter fortes implicações económicas e sociais, pelo que os portugueses deverão estar na primeira linha de defesa de uma política climática ambiciosa a nível mundial”, alerta a Quercus num comunicado sobre a presença na convenção.

Segundo vários estudos, “a subida do nível do mar é uma das maiores preocupações para Portugal“, realça a Quercus, explicando que os impactes ambientais estão a acelerar, nomeadamente nas camadas de gelo, que estão a derreter muito mais rapidamente, ou no aumento do nível do mar, que está a acelerar.

A subida do nível do mar, causada pela expansão dos oceanos devido ao aumento da temperatura e do degelo, poderá vir a destruir 67% das zonas costeiras portuguesas, acrescenta.

A presença da Quercus na conferência pode ser acompanhada através do blog criado pela associação para o evento.

O termómetro do mundo

Para a associação ambientalista, a 19.ª Conferência das Partes (COP19) da Convenção das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas, que se prolonga até dia 22, “deve ter como meta trabalhar com vista a um plano climático justo, ambicioso e vinculativo aplicado a todo o mundo” e a prioridade é o aumento da ambição de redução de emissões a curto prazo e de financiamento das medidas.

Os países presentes na conferência em Varsóvia devem assumir os compromissos necessários para garantir um aumento da temperatura global abaixo dos 2,0 a 1,5 graus Celsius (ºC).

Apesar de todas as resoluções internacionais dos últimos anos, falta passar à ação e as emissões globais de gases com efeito de estufa continuam a “empurrar o mundo para um aumento de temperatura de quatro graus Celsius até ao final deste século, em relação aos níveis de temperatura pré-industrial”, considera.

Os efeitos das mudanças do clima já se registam em vários pontos do mundo através de tempestades, cheias, secas e cada vez mais fenómenos climáticos extremos, com custos para os países. Se tem dúvidas sobre o assunto, consulte o site da Conferência das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas para aprender mais.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Primeiro-ministro da Irlanda renuncia (mas aguarda novo governo)

O primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, anunciou na noite desta quinta-feira a sua renúncia, mas continuará no cargo até a formação de um novo governo, após os resultados das recentes eleições legislativas. "Leo Varadkar apresentou esta …

Conselho da Europa contra extradição de Assange para os Estados Unidos

A extradição de Julian Assange para os Estados Unidos, onde é acusado de espionagem, terá um “efeito paralisador na liberdade de imprensa”, alertou esta quinta-feira a comissária para os direitos humanos do Conselho da Europa, …

O vulcão "Garganta de Fogo" do Equador pode entrar em colapso

O vulcão Tungurahua do Equador, um dos mais ativos e perigosos da América do Sul, está a mostrar sinais precoces de um potencial colapso parcial. A atividade recente do vulcão levou a uma rápida e significativa …

Astrónomos detetaram oxigénio fora da Via Láctea pela primeira vez

Os astrónomos detetaram oxigénio numa galáxia a mais de 500 milhões de anos-luz da Via Láctea. Esta é terceira deteção deste género fora do Sistema Solar - e a primeira fora da nossa galáxia. O oxigénio …

Robô transpira para regular a própria temperatura

As peles robóticas acabam de ficar ainda mais parecidas com as peles humanas: agora, conseguem regular a sua própria temperatura. Para a grande maioria dos robôs, funcionar durante longos períodos de tempo sem correr o risco …

Sim, as pessoas ficam mais bonitas quando estamos bêbados

Uma investigação acaba de provar a teoria dos "óculos de cerveja": depois de ingerirmos álcool, as outras pessoas tornam-se mais atraentes para nós. Uma equipa de investigadores da Edge Hill University, no Reino Unido, resolveu investigar …

Leverkusen 2-1 vs FC Porto | Luis Díaz mantém “dragão” à tona

  O FC Porto perdeu na Alemanha, na visita ao Bayer Leverkusen, por 2-1, e tem tudo em aberto na perspetiva de chegar aos oitavos-de-final da Liga Europa. Após uma primeira parte difícil, na qual praticamente não …

Ex-presidente do Tribunal da Relação Vaz das Neves arguido na Operação Lex

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa foi constituído arguido no processo Operação Lex, em que também são arguidos o desembargador Rui Rangel e a sua ex-mulher e juíza Fátima Galante. A fonte adiantou à …

Rangers 3-2 Braga | "Braveheart" romeno estraga noite "guerreira"

O Sporting de Braga perdeu em casa dos escoceses do Rangers por 3-2, esta quinta-feira, em jogo da primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa de futebol em que esteve a vencer …

Morreu Joaquim Pina Moura, antigo ministro da Economia e das Finanças

O ex-ministro da Economia e das Finanças morreu em casa, em Lisboa, aos 67 anos, devido a doença neurodegenerativa, disse à agência Lusa o filho, o fotojornalista João Pina. Natural de Loriga, Seia (distrito da Guarda), …