PSD/Açores não quer saída da Ryanair da Terceira

O líder do PSD/Açores considerou não ser “virtuoso” para a Terceira, em termos turísticos, um eventual abandono da operação para aquela ilha por parte da Ryanair e defendeu uma “reforma significativa” da acessibilidade aérea.

À saída de um encontro com a direção dos Açores da UMAR – Associação para a Igualdade e Direitos das Mulheres, em Ponta Delgada, ilha de São Miguel, José Manuel Bolieiro disse aos jornalistas que o mercado privado “não pode ser controlado pelas soluções e políticas públicas”, mas salvaguardou não ser “virtuoso” para a Terceira, em termos turísticos, um eventual abandono da operação para aquela ilha por parte da operadora aérea de baixo custo.

Nos Açores, a Ryanair opera, além da ilha Terceira, para São Miguel, tendo vindo a público notícias que apontam para a concentração da operação em Ponta Delgada.

“O ideal seria ter uma reforma significativa da acessibilidade aérea de passageiros, para os Açores serem cada vez mais atrativos e acessíveis, independentemente de quem faz o transporte aéreo”, observou José Manuel Bolieiro.

Questionada pela agência Lusa sobre um eventual fim da rota para a Terceira, fonte oficial da Ryanair respondeu: “Como resultado da atual pandemia provocada pela covid-19 e das numerosas restrições de viagem impostas pelos governos, estamos atualmente a rever os nossos horários de inverno 2020”.

O líder do PSD/Açores referiu que se vive num mercado aberto e vê como positivo o surgimento no concurso de obrigações de serviço público de transporte aéreo interilhas de outros operadores além da SATA Air Açores, assumindo-se o “interesse público da região, e da boa circulação e acessibilidade a todas as ilhas, não podendo ficar nenhuma para trás”.

“A proposta que melhor servir os interesses dos açorianos é a que deve ser escolhida no concurso de obrigações de serviço público de transporte aéreo interilhas”, concluiu José Manuel Bolieiro.

A SATA Air Açores assegura as ligações aéreas interilhas ao abrigo das obrigações de serviço público de transporte aéreo. Em 20 de junho, na oitava edição do Congresso da Sociedade, dedicada à ilha do Pico, o líder da estrutura regional social-democrata declarou que “a existência de preços diferentes nas ligações interilhas invalida a ideia de um mercado regional e de conhecimento dos Açores pelos açorianos”.

José Manuel Bolieiro defendeu na ocasião que, “com uma tarifa única de 60 euros, o passageiro residente escolherá a ilha de destino com base no seu interesse e não no preço”, referindo que “este é o mesmo princípio consagrado nas ligações entre os Açores e o continente”, em que é aplicado um sistema de reembolso, para os residentes no arquipélago, da diferença do bilhete comprado e o valor máximo de 134 euros, por viagem de ida e volta.

O dirigente considerou ainda haver suporte financeiro, não apenas para o período da pandemia da covid-19, mas para, ao abrigo de uma reforma das obrigações de serviço público de transporte aéreo interilhas, haver um modelo “capaz de gerar retorno económico”.

O líder do PSD/Açores lamentou, igualmente, o “atraso registado” na elaboração do caderno de encargos para a revisão das obrigações de serviço público de transporte aéreo interilhas, que “todos os parceiros consideram indesculpável”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Antártida tem quase mais 20% de colónias de pinguins-imperador do que se pensava

Imagens de satélite revelam que há quase mais 20% de colónias de pinguins-imperador na Antártida do que se pensava anteriormente, totalizando 61, divulgou esta quarta-feira a Agência Espacial Europeia (ESA). Dados obtidos por dois satélites europeus …

De taxista a bombeiro. EHang lança drone para combater incêndios em arranha-céus

A chinesa EHang tem concentrado os seus esforços em serviços de táxi ou turismo aéreo. Agora, a empresa de mobilidade quer provar a versatilidade da sua plataforma de veículos autónomos com o lançamento de uma …

Netflix lidera mercado de streaming em Portugal e ranking do IMDb

A Netflix junta, neste momento, o melhor de dois mundos. Tem um catálogo maior, e por isso com mais produções bem cotadas no IMDb, e é também o serviço de streaming com maior número de …

"Estou cansada de ter medo". Candidata da oposição faz tremer presidenciais na Bielorrússia

Na Bielorrússia, Svetlana Tikhanovskaya, candidata da oposição de apenas 37 anos, está a fazer frente ao mais antigo líder da europa, na corrida as eleições presidenciais. Tikhanovskaya mantém-se firme na luta pelo poder contra o presidente …

Fauci revela que recebeu ameaças de morte e que as suas filhas foram assediadas

Anthony Fauci, um dos principais peritos em doenças infecciosas da Casa Branca, revelou esta quarta-feira que recebeu ameaças de morte e que as suas filhas foram assediadas por causa das suas declarações sobre a covid-19. "Receber …

Califórnia já tem uma estrada pavimentada com plástico

O que parece uma estrada comum é agora a mais recente novidade na cidade de Oroville, na Califórnia. A nova construção junta uma tecnologia que mistura garrafas de plástico com asfalto. Por cada quilómetro de …

Mais de mil operacionais combatem cinco grandes fogos em Portugal

Mais de 1100 operacionais e 16 meios aéreos estão a combater, esta quinta-feira, os cinco maiores incêndios rurais em território continental, concentrados sobretudo na região Centro, de acordo com dados da Proteção Civil. Segundo o site …

Coca-Cola financiou estudos científicos que minimizaram o papel das bebidas açucaradas na obesidade, revela investigação

A Coca-Cola terá financiado com milhões de dólares vários estudos científicos que minimizaram o impacto das bebidas açucaradas na obesidade. A conclusão é de uma investigação publicada na revista médica Public Health Nutrition, que conta …

André Ventura vai pedir suspensão temporária do mandato no Parlamento

O deputado do Chega vai pedir, em setembro, a suspensão do mandato parlamentar até fevereiro do próximo ano para se dedicar às campanhas eleitorais da região dos Açores e das Presidenciais. Em declarações à agência Lusa, …

Governo abre concursos para 800 novos técnicos especializados nas escolas

As escolas vão poder contratar mais de 800 novos técnicos especializados, um reforço de recursos humanos "englobado nas medidas excecionais de organização e funcionamento das escolas para o próximo ano letivo". "As escolas vão poder contratar …