PSD apresenta requerimento à ERSE sobre preços da energia e mecanismo ibérico

Pedido subscrito por Joaquim Miranda Sarmento tem como objetivo conhecer “que aumento da tarifa podem estimar”. 

Na sequência da declaração feita ontem por Miguel Pinto Luz, vice-presidente do PSD, os deputados do partido apresentaram um requirimento ao presidente da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), com caráter de urgência, que, segundo os deputados sociais-democratas, é representativa da preocupação do partido com o “aumento dramático do custo de vida” resultante da subida dos preços da energia. O resultado, dizem, é “o empobrecimento real dos portugueses”.

Os representantes parlamentares do partido querem saber “que aumento da tarifa podem estimar” os consumidores.

Como tal, solicitaram ao regulador “um estudo com análise dos aspetos relativamente ao mecanismo ibérico, explicando e fundamentando os respetivos pressupostos que quanto à evolução de preços e outros fatores devem basear-se nas melhores práticas e informação disponível e serem adequadas às condições e estrutura específicas do mercado português”. “O Governo faz pouco em geral, mas também no combate ao aumento dos preços da energia”, pode ler-se na nota subscrita por Joaquim Miranda Sarmento, presidente do grupo parlamentar social-democrata.

O partido realça ainda que, ao contrário dos espanhóis, que têm uma estruturação de preços bem diferente da portuguesa, o Governo português abdicou de encontrar uma solução que fizesse efetivamente a diferença para a maioria dos consumidores portugueses e restringiu.se a uma solução desenhada à medida do mercado espanhol“.

Ontem, em conferência de imprensa, Miguel Pinto Luz anunciou que o partido ia pedir à ERSE uma análise séria, robusta e transparente” do mecanismo ibérico de exceção dos preços.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.