PS indignado com RTP por causa de Sócrates

José Sena Goulão / Wikimedia

Ex-primeiro-ministro e ex-líder do PS, José Sócrates

Ex-primeiro-ministro e ex-líder do PS, José Sócrates

O programa “Prós e Contras” da RTP1 vai voltar ao canal público nesta segunda-feira e já está a causar polémica. Isto porque o debate desta noite vai girar em torno da justiça, devendo José Sócrates ser o tema central. O PS protesta e pede a demissão do Director de Informação.

O mote para este regresso do “Prós e Contras”, após as férias de Verão, foi dado pela pergunta de Paulo Rangel feita na Universidade de Verão do PSD: “Alguém acredita que se o Partido Socialista estivesse no governo haveria um primeiro ministro sob investigação?“.

A ideia do programa dirigido por Fátima Campos Ferreira, que é irmã de um elemento deste governo, o Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Luís Campos Ferreira, é discutir se há ou não interferência dos partidos políticos no sistema judicial.

Face à ideia de que a discussão irá ter o caso José Sócrates como tema central, o PS está indignado, particularmente num período de campanha pré-eleitoral.

Várias figuras socialistas se manifestam pedindo a demissão do Director de Informação da RTP, como é o caso de João Galamba, da direcção nacional do PS.

“O director de informação da RTP, Paulo Dentinho, só tem uma alternativa: demitir-se”, considera este elemento citado pelo jornal i.

A RTP é prostituída disfarçando um ataque parcial a uma campanha eleitoral que se quer isenta e o director de informação vai continuar em funções?”, acrescenta por seu turno a deputada socialista Isabel Moreira, citada pelo mesmo diário.

Edite Estrela fala no jornal de uma “piada de mau gosto” e Francisco Seixas da Costa refere que o “Prós e Contras” desta segunda-feira à noite será “um óbvio frete político contra o maior partido da oposição”.

Entretanto, o ex-director de campanha do PS, Ascenso Simões, escreveu ao presidente da RTP e ao Director de Informação do canal a protestar e a reclamar “uma atitude”.

“Se ela não existir, através da reformulação do debate, mais não posso que considerar que a RTP fez uma opção partidária, que nestas eleições optou por atacar o PS, maltratar os seus militantes e provocar os seus votantes”, constata Ascenso Simões na missiva citada pelo jornal.

ZAP

PARTILHAR

62 COMENTÁRIOS

  1. A questão atual, não é se se trata da cor A ou B, fundamental é esclarecer o povo, melhor, deixar esclarecer, e não condicionar a comunicação social.
    Qual o medo de se falar em Justiça? Qual o medo de se falar em corrupção?
    Clarifiquem o que querem para este país, ou melhor deixem clarificar….
    Na pré-campanha ninguém esclarece nada! A.Costa teve oportunidade de ouro para dizer o que quer fazer quanto à corrupção. Nada diz!
    Vamos continuar alimentar esta cambada…. a deixar roubar e nós a pagar…
    A mim não me interessa as cores políticas, quero é ouvir falar disto…. e tentar perceber quem alimenta este estado de situações ou quem combate a esta invasão corrupta…..

  2. Quando o JS foi p/ comentador da RTP contra a indignação de vários portugueses o PS não fez a escandaleira que está fazer. Quem não deve não teme… não é ASSIM?
    Ou tem algo a esconder? Estes programas existem não p/ esclarecer os portugueses independentemente da cor partidária que esteja no governo. Não houve já temas debatidos neste mesmo programa que puseram em causa outros partidos? O PS manifestou-se? Nessas alturas também se devia manifestar contra!!! Isto é democracia? Onde é que ela anda? Nunca a vi…

  3. Não está, nem nunca estará em causa, falar do lastimoso estado da Justiça
    O que está em causa é, que numa fase de “plena campanha eleitoral, se aproveite o tema para abordar de forma ardilosa, direi religiosamente ardilosa, o tema em questão.
    Todos sabemos o que com isso pretende a dita coligação.
    Ora, compete ao sr diretor de informação ser suficientemente inteligente para ver o que se pretende. Não o sendo deve demitir-se.

  4. Com debates, sem debates, com ou sem Sócrates, o PS está longe de ganhar as eleições e sabe disso. Os BES , os Professores etc. só servem para tornar o governo vítima e seja este ou qualquer outro, terá sempre o beneficio. O Costa a dizer que o PS não chamou a Troika é a cereja

  5. Carlos Lima Couto, o problema é se os professores de que fala, os reformados, os desempregados, os excluídos, para não dizer marginalizados, pela sociedade, os médicos, os enfermeiros, os advogados, os Juízes, os polícias, os Guarda Republicanos, os lesados pelo BES etc…, ou seja todos os descontentes com este governo votarem em consciência. Se tal vier a acontecer, então, este governo já era.

    • A extrapolar projeções delirantes? Olhe que há dados suficientes para concluir que metade não acredita no que diz e 1/3 dos indecisos pode decidir contrário ao que neste momento sonha!

  6. São todos uma cambada de ladrões mas eu não confio em quem fez mais treta e nunca assumiu o erro, errar é humano mas se Costa fosse sério diria que o governo onde era nº2 fez asneira da grossa, o governo que veio ficou com a batata quente mas que não fez o melhor trabalho, sendo assim se ele ganhasse faria as coisas da seguinte maneira ao invés do que o governo de Sócrates fez ou o que o corrente governo faz, em vez disso continua a dizer que não tem culpas de nada e que o governo é que foi incompetente, mais grave que isso é meter-se com promessas que não tem como cumprir.

    Em relação á politica vs corrupção independentemente da cor politica neste governo já caíram vários no visto gold do próprio partido, onde se via isto em Portugal? Governantes a serem julgados e presos? Só acontecia quando eram expulsos dos partidos por isso acho que muito melhorou embora saiba que assim que o PS ganhar o Sócrates vai ser ilibado, tudo o que é incrimina tório será destruído e que por acaso do destino irá assinar um autografo a qualquer um procurador num jantar, o pior que isso será a indemnização que os Portugueses lhe iram pagar.

  7. Acho bem! Demitam o director da TV pública e ponham o sócrates a comentar ao domingo. Não digam quanto ele ganha por ir lá defender-se e dizer umas quantas babuseiras que não é preciso. Ponham-no em horário nobre como fizeram da outra vez. Para pagar a TV pública cá estou eu sobrecarregadíssimo de impostos!!

  8. Aqui a questão é… Políticos honestos e não corruptos onde estão? Em Portugal não é de certeza…

    Este caso foi criado para derrubar o PS nas eleições que se avizinham, pois a coligação dos ratos não tinha hipótese se não fosse este caso… Corruptos e ladroes são todos, hoje foi o Sócrates a manhã será o P. Coelho… É tudo uma questão de que partidos são os magistrados do MP e que favores têm de pagar…
    Politica, Grandes grupos empresariais e Banqueiros são um tudo… O povo que se lixe…
    Eu não estou a defender partidos nem políticos pois para mim NÃO se aproveita um… mas em Portugal só conhecemos 3 partidos que até hoje governaram… Portanto de quem é a culpa do estado do país?
    Eu vejo pessoas que são rosa ou laranja ou outras cores mas, estas vêm a política como um jogo de futebol… os partidos como clubes… e são sócios do primeiro dia até a morte…
    Fiem-se na virgem e não corram… que vamos ter cá um futuro… ai vamos, vamos… toca a por estes ratos de lá para fora…

  9. Quando o debate é, se seria possivel o PS nao se meter no assunto Jose Socrates na justiça, e o PS tem posicoes de, se o director de informacao da RTP se meteu no assunto Jose Socrates entao deve demitir-se, acho que ficou respondida a questao

  10. Já estamos ver a ver que isto é uma salgalhada. O doutor António Costa nunca se demarcou do governo de José Socrates e pelos vistos se for eleito vai continuar a mesma politica do facilitismo e do “´dá tudo”, enfim.
    Estou mesmo a ver com o António Costa a Troika volta cã daqui a nada.
    Segundo o doutor António Costa “palavra dada, promessa honrada”, bem … Será que ele tem memória curta? Então ele não prometeu cumprir ate ao fim o mandato na Câmara de Lisboa? Então onde está a promessa honrada?
    Depois o doutor António Costa traiu, alegadamente, de forma magistral o doutor António Seguro…. Não será que nos vai fazer igual? ou pior?

  11. Aqui na Africa do Sul nos dizemos que o problema do nosso governo e que e Preto no entanto o problema ai em Portugal deve ser por serem Pretos brancos

  12. Um 1ºMinistro? Se a premissa da investigação tivesse origem em escutas ordenadas por “qualquer magistrado”… Provavelmente não! Talvez fossem condenadas à destruição pelos dois mais altos órgãos do poder judicial do estado de direito democrático logo a seguir ao Tribunal constitucional! E aí terminará qualquer investigação!?! Isto é. Suponhamos que o concidadão Armando Vara ou qualquer compadre sob investigação – escutas legitimadas – e numa daquelas conversetas despudoradas aparece o presidente da república a por a boca no trombone… Bem, o Carmo e a Trindade rolavam até à floresta tropical do museu do traje que é na alta! Atenção. Como a interseção eventualmente rica de conteúdo criminal resulta de uma escuta autorizada sim mas não pelo supremo… Olha pá, manda destruir isso pá! E ainda que processualmente não se possa executar a ordem, fica em banho maria meses a fio e, finalmente… Fim da história de um potencial processo “despido de legitimidade”.
    Mas depois, depois sempre há a tv paga na factura da luz, e não é porque a EDP seja chinesa ou a RTP canal público! Talvez capoeira de galos a fingir que marcham contra a concorrência apesar do “cavalo trojano” conhecido por futeboladas e outras caxas de conteúdos mais que duvidosos para um canal público de televisão!
    – Abaixo toda e qualquer “futebolada” nos canais públicos. Melhor, privatize-se todo e qualquer órgão de comunicação social do estado – Hesito com a Agência de notícias.

  13. Há ou não interferência dos partidos políticos na televisão pública? Essa é a pergunta que se deveria discutir a seguir…
    À Fátima Campos Ferreira – uma jornalista tão respeitada – até lhe fica mal moderar um debate a propósito de uma pergunta que gente de todos os partidos, incluindo do PSD, considerou um momento infeliz do Paulo Rangel.

  14. Muito me admira, além disso, que o tema do 1º programa não seja o que de mais importante se passa na atualidade e que afeta não só Portugal mas a Europa inteira: a crise dos migrantes, causas e consequências.

  15. Isto é uma vergonha que se perca tempo com quem nunca quiz perder tempo de quem precisava.
    Trabalhadores a trabalharem 50 anos e mais nunca tiveram dinheiro para comprar uma casa de tijolo e vai um individuo destes para a politica está uma duzia de anos já tem dinheiro para comprar palácios, eu pergunto donde vem o dinheiro?
    É de ter duvidas?
    Por favor usem a inteligencia

  16. Branquear a Historia, nunca, esconder a o que se passa olhando para outro lado, nunca, esquecer o que se passou, nunca ( temos que ter sempre presente na nossa memoria para não se passar de novo) a impunidade só para alguns, nunca, a justiça sempre e para todos. ate parece que não se passou nada estes anos que se passaram, a culpa é sempre dos outros, nunca mais. Responsabilidade e mão dura, não é só para o zé povinho. num estado democrático é para todos, atenção todos são mesmo todos. quem é que diz ” à estão a prejudicarmos com a posição do Sr. Sócrates ” os mesmos que prejudicaram todos nós PORTUGUSES durante alguns anos. VERIFIQUEM a Historia de Portugal

  17. Esperem pela resposta “editorial” de uma das privadas…
    A procissão ainda vai no ádro e o marketing político sabe o que povo consome. Isto não passa de “editorialismo político cor-de-rosa”

    • … quando todos sabemos que o que é bom é o “editorialismo político para calceteiros (sem ofensa à nobre profissão)” do CM …

  18. Acho muito bem que se faça justiça isenta seja de que cor for o partido, o que tenho pena é que se faça mais justiça para uma cor do que outra, (onde é que param as provas dos submarinos????) será que poderia atingir alguém do actual governo, tenho pena que no meu País não tenha sido ninguém condenado e no País de origem da compra (Alemanha) houvesse condenações, vergonha tenho eu do que se passa no meu País que muito prezo, e acho muita graça quando dizem que foi o PS a chamar a Troka, (não quiseram o PEC 4) levaram com a Troika, foi oportunismo politico com a mão do Presidente, acho que os Portugueses comem muito queijo. E já agora se disserem alguma coisa contra mim posso alegar que é irrevogável, mas essa passagem o presidente não viu.

  19. Estes gajos já se esqueceram,de quando Socrates no tempo desta coligação
    fazia comentários no mesmo canal publico,RTP e únicamente,passava o tempo a espancar verbalmente este governo.Isto para não falar no tratamento que queria fazer á comunicação social quando não lhe convinha.

  20. A tv “pública” subsidiada adopta expediente “CATCH-ALL viewers”
    – Esta noite em horário nobre, sem publicidade o tema é:
    O PRESO e a liberdade política de VOTO – JUSTIÇA e a DEMOCRACIA NA COREIA do NORTE

  21. Como cidadão gosto que falem de justiça! Agora a pergunta que se faz é: “Alguém acredita que se o Partido Socialista estivesse no governo haveria um primeiro ministro sob investigação?“.
    Isto quanto a mim é ofensa e provocação e demonstra uma tendência!
    O responsável da RTP está a confundir Governo com a Justiça, ou Política com Justiça!
    Não se faz e não é ético!
    Mas acredito que se o programa for para a frente haverá muita gente indignada!
    Sobretudo quem trabalha na Justiça!

  22. Meus amigos do Ps quem não quer ser lobo não lhe veste a pele,qual é o medo do PS,parece que está todo borradinho,não vale a pena,não tenham ilusões quem vai ganhar as Legislativas é o PSD/CDS-Ok.

  23. Meus amigos tenham cuidado porque quando a esmola é grande o pobre desconfia.(papel do BES)
    O António Costa promete tudo e mais algum coisa,eu pergunto onde vai descobrir o dinheiro?
    Cenários macro econômicos?
    O Zandinga já morreu.
    De que partido era o primeiro ministro de todas as vezes que pedimos ajuda ao FMI e ou a TROIKA?
    O Partido era o PARTIDO SOCIALISTA.
    Quem votou contra e vetou a lei do enriquecimento ilícito?
    O PS e os donos da democracia mais conhecidos por “TRIBUNAL CONSTITUCIONAL ”
    Amigos abram os olhos porque os anteriores procuradores da república fechavam os olhos porque as escutas eram ilegais mas verdadeiras.
    Um abraço.

    • “Econômicos ?”
      Deu-se ao trabalho de atravessar o Atlântico para vir criticar este país e as suas instituições ?
      PS – Quando regressar, leve o Duarte Lima. Também passamos bem sem ele …

  24. Oh pá não pode sair de casa vote por corespondencia.
    A Beata campos ferreira se fizesse um Pros e contras a discutir para que serve a taxa de radiodifusão + IVA (taxa x taxa) e porque ela e outros recebem cerca de 10.000 €/mês (num serviço dito público) aí é que eu gostava de ver…mas isso é TABU!

  25. Neste caso o PS está a ser vítima da sua própria atitude têm-se colado á politica e defesa de Sócrates, têm atacado a justiça como se não deve-se haver justiça para eles próprios, o senhor Soares entre outros tem-se portado como um ditador tentando forçar a justiça e o rumo dos acontecimentos, nunca se demarcaram desse passado de maneira que agora se o tema é justiça e tanto alarido se tem feito á volta deste homem só porque foi 1º ministro e parece que para alguns é um autêntico Deus é normal que o seu caso venha á baila.

  26. Tenham calma que a Dona Campos ferreira, para serenar os mais nervosos, fará o próximo prós e contras sobre os sxrs que levaram a massa toda do BPN. Então sim, vão lembrar este POVO dos sxrs que têm feito uma “vida de valor e de respeito”. (+- as palavras do sxr p.coelho na queijeira de Moimenta da Beira na presença do sxr … pai já sou ministro!..). Aquela dona também vai explicar aos contribuintes Portugueses porque leva cêrca de 15.000€ mensais de dinheiro que sai do bolso do sacrificado POVO. Realmente, nas bordas, muito há para explicar!…

    • SINERGIAS da POLÍTICA, do MEL, da IMPRENSA e NÓS AQUI.
      A eventual legitimidade de um de nós dar de garantia a um empréstimo do “bpn” um terrenosinho sobreavaliado que posteriormente se vende sobrevalorizado é tão legítimo como a indignação de alguns – Isso dependerá do estatuto moral e intelectual dos intervenientes.
      Ali tivemos uns comilões à volta de um bolo comercial privado – BPN anterior à nacionalização . Ao gangrenar da teta ou se envereda por onerosas cirurgias e tratamentos a fio (Nacionalização e todos pagam) ou remove-se o tecido mau e aproveita-se o tecido são e deixam-se os tecidos em cultura com todo o seu potencial biocelular – Novo Banco – e com suporte “glandular” garantido – Fundo Resolução Bancário…
      Depois temos, na vida pública, outro tipo de comilões que “em nome do povo” se banquetearam com entrada de “votos”, foram ao peixe, à carne, bem regados, doentes do poder, nem a louça deixaram, remeteram-na via correios próprios para “casa segura” no estrangeiro, para mais tarde outros banquetes de copos cheios… Empanturrados, mas doentes de votos. Sim. O voto pode ser portador de doença e não é das abelhas, nem do diâmetro do pote por maior que a mão seja é do mel que ele contenha.
      Num estado de direito democrático como o nosso o Presidente da República, Governo, Assembleia, Tribunais – órgãos de soberania – interagem verticalmente excepto os tribunais pela sua independência de qualquer poder, convém incluir outros que os cruzam. Desde logo os partidos, os sindicatos, organizações patronais ou cívicas… Para chegar aqui:
      Não se tratando de um órgão de soberania, ou de poder regulador do estado de direito (Tribunal Constitucional) porém tem portas abertas a cruzar – vertical e horizontal – transversalmente todos aqueles poderes e soberanias em Portugal assume arrogantemente a pele de “fazedores de opinião” graças aos baixos níveis de exigência a que diariamente se expõem os portugueses à generalidade do jornalismo praticado na imprensa que prefere amparo na ignorância democrática de mercado e não nas liberdades democráticas de cidadania responsável, e o mercado que decida… Daí o 5º poder!
      …Para aqueles que fora se picam por ‘nicks’ por aqui apenas se soltam pontas da actualidade num emaranhado novelo de opiniões livres ainda que enfunadas pela ventoínha que uns quantos para aqui trazem na ponta dos dedos… E eles por aí !

      • Tudo bem. Já todos percebemos que se tratou de tomar uma opção política. Porque raio é que tentam disfarçar os verdadeiros custos para o contribuinte e para os “lesados” dessa opção (10MM,20MM,quem sabe)?
        Até aomomento trágico, mas revelador: Um primeiro-ministro rodeado de seguranças a “dar a volta” com joguinhos de palavras, qual vendedor de carros usados, a um desgraçado dum velhote em pranto, que, se calhar, até tinha votado nele …

        • Desde logo não discorre da “opção política” os efeitos económicos e financeiros o que denuncia inclinações por duvidosa coerência no que toca aos “verdadeiros custos” e “lesados” pretensiosamente assente na vaga ideia (adoptada de coro) de uma tentativa de “disfarçar os verdadeiros” impactos. Em jeito de análise crítica bastar-lhe-á redireccionar o alvo da 2ª frase empurrada pela 1ª!
          Concluirá que o remanescente da prosa desapareceu do cardápio e certos “eruditos” que já nem sabem da receita a cumprir – nem ingredientes nem as porções. Mas os tais ‘certos’ sabem que o BES é semelhante em termos de risco para uns e outros enganados por criminosos de um banco privado, tal como o BPP, e não tendo sido nacionalizada, a parte “desintoxicada” é suportada pelo fundo de resolução (quotas partes do sistema bancário) com juros… Ah! Um dos bancos é a CGD, um banco comercial SA de capitais exclusivamente públicos que para se “safar” de evntuais efeitos sistémicos… Paga como os seus pares de mercado!
          Conclua que coisa tóxica é Costa dizer 2 vezes que foi o PSD o responsável pela troika nos ter ajudado (debate TV) ou PEDRO NUNO SANTOS do PS dizer “neste momento há 10 Milhões de lesados do BES” – 16.SET.15 SIC Notícias 8H35m

  27. Confesso que seria bastante interessante se de cada vez que alguém discordasse da minha opinião no local de trabalho, a solução ser exigir a demissão dessa pessoa… Dado não ter nem esse luxo, nem mentalidade vitoriana, tento viver com espírito aberto e adaptado ao ano 2015, preferindo uma abordagem de reflexão ao invés de acção sem pensamento.

    Digo isto porque este programa televisivo pode ser visto como um ataque mas igualmente como uma oportunidade. Decerto que qualquer politico já foi confrontado com acusações de desonestidade e acho curioso que ao invés de uma atitude de coragem e de “pegar no touro pelos cornos”, a atitude é de indignação sobre a mera ideia de existir coerção politica no sistema judicial.

    “O pessimista vê dificuldade em cada oportunidade; o optimista vê oportunidade em cada dificuldade.” – Winston Churchill

    Se aliarmos este pensamento ao chavão “Quem não deve, não teme.”, a posição PS da questão torna-se particularmente juvenil para uma entidade que tenciona governar este país. Não demonstra credibilidade, maturidade nem coragem. Se a atitude é esta relativamente a um programa de televisão, nem quero pensar como será quando surgirem os problemas realmente sérios.

        • Discordo consigo. O rumo do meu discurso é simples, Não clamo ter todas as respostas nem escrever respostas ocas em prosa, apenas toquei num ponto que ainda não tinha sido mencionado, pois não vejo interesse em ser redundante nem em “mandar postas”.

          • Discordar é exercício livre, tal como será o “rumo” de cada um indiferentemente do quê, onde e quantos lhe aprouver clamar, tal e qual para o que decidir entender como resposta ou julgar quem se deve subordinar aos pontos que decida por outros tanto por redundância ou, como sugere, por pregar aos 4 ventos agora que nem os peixinhos já vem à tona ouvir “santinhos”!
            Nb.- Não é pessoal… É exercício de prosa. Aqui tudo, até você mesmo, aqui é virtual. Um “abraço” de espécie e género.

      • O seu comentário não acrescenta nada ao ponto a que eu estava a chegar nem ao tema do artigo que todos estamos a comentar. Tentarei ser ainda mais explicito para a próxima.

  28. “Alguém acredita que se o Partido Socialista estivesse no governo haveria um primeiro ministro sob investigação?“ Dias Loureiro: diz-lhe alguma coisa?Já agora submarinos,também lhe fáz recordar alguém?Pois estão todos a ser julgados.Já me tinhas dito!

    • Por princípio nunca fiz os tpc do puto e desculpar-me-á não o fazer consigo. De forma o mais adequada e tanto quanto possível proporcional, dir-lhe-ei que se aprende mais sabendo ouvir e é essa a minha aposta:
      Para se estar devidamente informado escolhe-se a fonte, o título lê-se de relance, e o corpo da informação esmiuçado se contiver muita acção – verbos – as ligações entre eles, os vários complementos e isso é até ao fim do txt.
      O que não resulta mesmo nada é o que lhe soprar ao ouvido… Então escolha a fonte! Procure na rede “comissão financeira submarinos” ou “Subono submarinos ferrostaal”; “Alemanha submarinos portugal”; “Tribunal ferrostaal Submarinos” escolha e não é pagode… Olhe, “escom submarinos” papinha feita. Não resisti! Mas ainda lhe direi que é por aquilo que já só poucos é que falam dos submarinos, claro! falar da ESCOM? Que interesse tem isso?! Não fosse assim só se ouviria falar daquilo e do Portas! Ou não acha? Por outro lado “vigarices” em negócios oportunistas de património e financiamentos que mudam de mãos entre cidadãos da sociedade civil por intermédio de bancos (entidades bancárias comerciais privadas), independentemente dos valores morais, carácter ou dignidade de uns, a perda de integridade é particular, pessoal, e os efeitos são de moldura penal e isso compete aos tribunais e não depende dos vínculos que possam ter tido no passado. Neste contexto, se as vigarices forem nacionalizadas… Seria outra busca na rede… e acertar na fonte!
      Bem. O sr. não pode saír “beliscado” pelo facto dum amigo seu de outrora ter no presente optado pela “bandidagem”!

  29. Proposta de “enriquecimento ilícito” elaborada pelo braço direito desse outro grande dirigente do PSD: O Dr.Vale e Azevedo.
    Não me façam rir. Ponham duma vez o próprio a elaborar a lei, assim não enganariam uns quantos incautos.

  30. Adoro este sítio. Apesar de eventuais excessos de linguagem, é neste momento o único lugar onde consigo encontrar “Laranjas” convictos.
    Não consigo encontrar nenhum “cá fora” (do blogue) para trocar ideias, pontos de vista ou mesmo opiniões.
    Viva a Internet e o AEIOU !

    • Olhe não se trata de gestão de imagem, por aqui não há fotos e por ventura palavras mil, mas parece que não reúne requisitos para “valet parking” do sítio e deve ser devido ao barco em que vem nunca mais chegar – Não há ventania por aqui! E depois, a vela enfunada pelas ventoínhas que trás nas mãos não lhe transmite tracção… É que nem sai do “blogue” porque não é isso que pensa que “aquilo” é!

      • Imagem ? Não há aqui imagens, só reflexos …
        Não precisa de ficar nervoso ! Ou será que precisa ?
        Lá por eu ter este pequeno vício de “espremer” umas “laranjinhas” de vez em quando, já que as deixei de encontrar nos “mercados”, não faz de mim nengum culpado, pois não ?
        Se está a ficar nervoso, beba descafeinado !
        PS – Um pouco mais de urbanidade e civilidade não lhe ficava nada mal !

        • Os vícios “pequenos ou gransdes(?!)” geralmente são reflexo de (?)… De facto tem razão! Não se admire com uma “maioria silenciosa” face ao caudal de espremedores.
          De resto, presunção com falta de água benta… nas pias decorativas de entrada que aqui não têm lugarr.
          NB.- Com toda a urbaidade e alguma ironia

      • … não se diz “trás nas mãos” mas sim “traz nas mãos” !
        Deve ser por isso que não somos “colegas” …
        O Sr. chumbou no curso de “arrumador” e nem para isso serve !

  31. CARAPUÇAS – Urbanidade e Política nas Sociedades
    Numa “sociedade” de verdadeiros onagros, lá para a Ásia selvagem, é fácil observar rotinas de “vivência, partilha e civilidade” logo pela manhã a começar pela “noção” do caminho e dos perímetros do prado. 1º em formatura e depois, cada um por si ao prado “que se faz tarde”. Não pisam nem espremem o espaço de cada um e depois, é que nem zurram e percebe-se porquê: A grande maioria é indiferente aos “bicos de cascos” dos outros. É certo que sempre se verificam alguns curtos sopros ruidosos que nem se chega a perceber de onde vêm, por ventura de algum inquietado mais susceptível…
    À noite, à parte aqueles sons monocórdicos e cheiros, após recolherem, não sei como será e isso é reserva de “intimidade” daqueles estábulos… Resta-me especular se é ali que se soltam para manter em ordem onagros que zurram – mais convencidos de “urbanidade” – ao pisar fruta que os alimenta!?!
    NB.- Ao universo dos nicks requeiro “absolvido trAnsitado em julgado”

Etiópia. Comissão de direitos humanos denuncia massacre de 600 civis na região de Tigré

A organização independente que investiga acusações de violência contra civis na Etiópia corroborou o relatório da Amnistia Internacional que denunciou a chacina de pelo menos 600 pessoas na região de Tigré, no Norte do país. Segundo …

A Torre de Londres foi palco de várias experiências estranhas com animais

Antigamente, os humanos tinham algumas teorias muito estranhas sobre vários animais e, infelizmente, nem um pouco do bom senso que os impediria de as testar. Segundo o site IFLScience, Plínio, o Velho, era um desses exemplos. …

Grupo hacker português reivindica ataque a 61 sites do Brasil este ano

O grupo do hacker português que assumiu publicamente o recente ataque cibernético ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) do Brasil admitiu ter invadido 61 sites brasileiros este ano, segundo o jornal O Estado de São Paulo. O …

PCP e PEV vão abster-se na votação final do Orçamento do Estado

O PCP e o PEV anunciaram, esta quarta-feira, que vão abster-se na votação final global do Orçamento do Estado para 2021 (OE2021), que está agendada para esta quinta-feira na Assembleia da República. O Partido Comunista vai …

Economia e tecnologia. Quem irá vencer a guerra comercial? EUA não facilitam, mas China já prepara plano para 2025

A atual guerra comercial entre a China e os Estados Unidos começou depois do atual presidente norte-americano, Donald Trump, anunciar a 22 de março de 2018 uma lista de tarifas superiores a 60 mil milhões …

Estudantes estrangeiros podem renovar autorização de residência online

Os estudantes estrangeiros que frequentam o ensino superior em Portugal podem renovar automaticamente 'online', desde esta semana, os títulos de autorização de residência, anunciou o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). A nova funcionalidade está disponível …

Nas pinturas de Van Gogh predomina a cor amarela (e isso tem uma explicação científica)

As obras do pintor Van Gogh encaixam-se na corrente artística do pós-impressionismo. Estas caraterizam-se por terem cores fortes com capacidade de atrair um público bastante diversificado. Mas por que razão predominavam quase sempre as mesmas …

ONU sem dinheiro para alimentar deslocados de Cabo Delgado. Portugal presta ajuda militar a "país irmão"

O Programa Alimentar Mundial diz que as verbas vão acabar para a semana depois de um ano inteiro de sub-financiamento. O conflito no Norte de Moçambique já fez pelo menos 500 mil deslocados. O Programa Alimentar …

Temido diz que risco de o país não estar pronto para receber vacina é "zero"

A ministra da Saúde garantiu, esta quarta-feira, que o risco de Portugal não estar preparado para vacinar contra a covid-19 quando a vacina for distribuída é "zero", referindo que "há muito" que o país se …

Encontrado misterioso monólito de metal no meio do deserto do Utah

A descoberta aconteceu quando funcionários do Departamento de Segurança Pública do Utah, nos Estados Unidos, estavam a bordo de um helicóptero a fazer uma contagem de ovelhas selvagens. De acordo com o canal estatal russo RT, …