DGS alerta: “é provável que Portugal importe sarampo no verão”

José Sena Goulão / Lusa

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas

A diretor-geral da Saúde alerta que a época de férias, com a movimentação de pessoas para Portugal, torna “provável” que o país “importe” a doença.

Cinco dias depois de ter anunciado que o surto de sarampo associado ao Hospital de Santo António, no Porto, estava controlado, Graça Freitas alerta que com o aumento do número de pessoas em circulação durante os meses de verão, a probabilidade de termos um novo surto de sarampo também aumenta.

Esta terça-feira, numa sessão de apresentação do plano de contingência para o verão, a Graça Freitas garantiu que a “importação de sarampo” é uma das preocupações da direção-geral da Saúde. “Podemos voltar a ter sarampo pois muito mais gente se vai estar a mexer de um lado para o outro, é provável que importemos sarampo”, afirmou.

Segundo a diretora-geral da Saúde, além da população sazonal, as temperaturas e os comportamentos de risco são os três fatores a ter mais em conta nesta altura do ano, já que são responsáveis por “doenças agudas, acidentes e doenças crónicas”, que influenciam os cuidados de saúde.

O plano de contingência saúde sazonal, módulo verão, entrou em vigor no dia 01 de maio e terminará a 30 de setembro, sendo possível a sua ativação em outros períodos “em função das condições meteorológicas”.

Cobertura vacinal em pessoas acima dos 65 anos

De acordo com o Público, a vacinação no Serviço Nacional de Saúde (SNS) resultou na maior taxa de cobertura vacinal contra a gripe em pessoas com 65 anos ou mais, afirmou Graça Freitas.

Durante a apresentação do módulo de verão, a diretora-geral fez um balanço do módulo de inverno do plano de contingência e indicou que foram administradas no SNS mais de 1,2 milhões de vacinas contra a gripe.

“Tivemos, de facto, o maior número de vacinas contra a gripe no SNS, mais de 1 milhão e 200 mil, mais 354 mil vacinas do que na época 2015/2016. Este número de vacinas resultou na maior cobertura vacinal de sempre contra a gripe em pessoas com 65 ou mais anos de idade”, disse.

Graça Freitas afirmou que o SNS “teve muitas vacinas” e que a população aderiu à vacinação, explicando que a atividade gripal foi “mais tardia do que na época anterior”, mas com maior duração.

“Nunca tivemos tão boa informação como no ano passado e é assim que entramos no Verão. Estamos em módulo Verão, temos três grandes eixos, o primeiro volta a ser a informação, depois as medidas de prevenção e controlo e a comunicação”, informou.

Segundo a diretora-geral da Saúde, a aplicação dos planos de contingência é feita a nível local, em articulação com vários parceiros, mantendo sempre o contacto com a população.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Eleições em Moçambique. Dirigente local da oposição e marido abatidos a tiro

Uma dirigente local da Resistência Nacional Moçambicana (Renamo), maior partido da oposição, e o seu marido foram abatidos a tiro por desconhecidos no interior de Moçambique, sendo o mais recente caso conhecido de homicídio de …

Johnson retira lote de pó de talco para bebé (mas insiste que é seguro)

A Johnson & Johnson decidiu mandar retirar um lote de pó de talco para bebé, vendido online nos Estados Unidos, depois de ter contestado várias vezes a existência de vestígios de amianto nos seus produtos. A …

Augusto Inácio abandona comando técnico do Desportivo das Aves

O treinador Augusto Inácio deixou hoje o comando técnico do Desportivo das Aves, informou em comunicado o 18.º e último classificado da I Liga de futebol. "Augusto Inácio já não é treinador do Clube Desportivo das …

"A Google sabe sempre onde são os primeiros surtos de gripe"

Hoje em dia, "há uma tendência para disponibilizar tudo na Internet", o que pode ser perigoso e ter consequências para toda a vida. O alerta é da presidente da Comissão Nacional de Protecção de Dados …

Queda de avião ligeiro causa três mortos no Brasil

Um avião ligeiro caiu hoje na cidade brasileira de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, deixando três mortos e três pessoas feridas, segundo informações do corpo de bombeiros divulgadas pela imprensa local. O acidente aconteceu em …

Austrália pressionada a restituir 5000 milhões de dólares a Timor-Leste

A Austrália deve devolver cinco mil milhões de dólares (4470 mil milhões de euros) a Timor-Leste, defenderam entidades que foram depor num inquérito no Parlamento australiano, responsável por examinar a conduta do país durante as …

Joacine deverá ter tolerância devido a gaguez

Uma fonte parlamentar disse ao Expresso que Joacina Katar Moreira, deputada eleita pelo Livre, deverá ter "flexibilidade" pela mesa da Assembleia da República durante o seu discurso. A entrada de novos partidos para no Parlamento traz …

"Gostaram da geringonça." Manuel Alegre diz que eleitores de esquerda estão "desiludidos"

Em entrevista à Rádio Renascença, Manuel Alegre disse que quem votou à esquerda pode sentir-se desiludido por não haver uma nova geringonça. Manuel Alegre considera que, para existir um novo acordo entre os partidos de esquerda, …

Em Portugal, há 153 idosos para cada 100 jovens

O retrato estatístico da Pordata revela que há em Portugal 153 idosos por cada 100 jovens, o que equivale ao terceiro maior rácio da União Europeia. São 10,2 milhões, mais velhos que novos, num país em …

Estamos a viver um "apartheid climático" (e quem tem menos dinheiro vai sofrer ainda mais)

O mundo está a viver um "apartheid climático" e no futuro, serão os mais pobres os que mais vão sofrer as consequências das alterações climáticas. O alerta é do cientista Alexandre Quintanilha. "Estamos a viver um …