Professor de Harvard insiste que Oumuamua é uma sonda alienígena

ESA / M. Kornmesser / European Southern Observatory

Impressão de artista do primeiro asteróide interestelar: `Oumuamua

Avi Loeb, chefe do Departamento de Astronomia da Universidade de Harvard, defendeu novamente a sua hipótese de que o objeto interestelar Oumuamua pode ser uma sonda alienígena.

Numa nova entrevista ao Haaretz, o chefe do Departamento de Astronomia da Universidade de Harvard, Avi Loeb, defendeu a sua controversa hipótese de que o objeto interestelar Oumuamua pode ser uma sonda alienígena.

“Assim que sairmos do Sistema Solar, acredito que veremos muito tráfego”, afirmou. “Possivelmente receberemos uma mensagem a dizer: ‘Bem-vindo ao clube interestelar‘ ou descobriremos várias civilizações mortas – isto é, encontraremos os seus restos mortais.”

Depois de os astrónomos terem descoberto o objeto que, mais tarde, foi apelidado de Oumuamua (uma palavra havaiana que significa “mensageiro enviado do passado distante para nos alcançar”), Loeb e um colega especularam que o hipotético mecanismo de propulsão chamado vela solar poderia explica a estranha trajetória deste objeto.

O brilho também causava estranheza na comunidade científica, já que este mudou quando o objeto girou, indicando que o Oumuamua teria uma forma achatada parecida com um charuto – uma geometria incomum nos asteroides.

Veio à tona uma tentativa de escutar sinais de rádio do misterioso objeto, mas Loeb não abandona a ideia de que o Oumuamua é de origem inteligente. “Não temos como saber se é uma tecnologia ativa ou uma nave espacial que já não funciona mas que continua a flutuar no Espaço”, afirmou ao Haaretz.

“No entanto, se Oumuamua foi criado com uma população inteira de objetos similares que foram lançados aleatoriamente, o facto de descobrirmos isso mesmo significa que os seus criadores lançaram várias sondas como esta para todas as estrelas da Via Láctea”, defendeu o professor de Harvard.

Durante a entrevista, Avi Loeb sugeriu ainda que o Universo poderia estar repleto de sociedades alienígenas e que os cientistas deveriam concentrar-se em encontrar provas disso mesmo.

A nossa abordagem deve ser arqueológica. Da mesma forma que escavamos o solo para encontrar culturas que não já existem, é preciso cavar no Espaço para descobrir civilizações que existem fora da Terra”, defendeu.

A busca por vida extraterrestre não é especulação. É muito menos especulativo do que a suposição de que há matéria escura no Universo”, concluiu.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. “A busca por vida extraterrestre não é especulação. É muito menos especulativo do que a suposição de que há matéria escura no Universo”, concluiu.

    Como sabemos, existe vida no universo, somos a prova disso.
    O problema é que as pessoas julgam-se tão especiais, daí acharem que fomos feitos à imagem daquele ente, que acham que são os únicos seres vivos na imensidão infinita que é o espaço.
    E dizer que as pessoas se acham inteligentes faz-me arrepios.

  2. ## “Assim que sairmos do Sistema Solar, acredito que veremos muito tráfego”, afirmou. “Possivelmente receberemos uma mensagem a dizer: ‘Bem-vindo ao clube interestelar‘ ou descobriremos várias civilizações mortas – isto é, encontraremos os seus restos mortais.” ##

    Informação científica, real e provada….
    Perda de tempo.

RESPONDER

Roubo de dinheiro pode ser deduzido no IRC em casos excepcionais

O roubo de valores em dinheiro pode ser usado pela empresa afetada como uma dedução ao lucro tributável desde que este tenha ocorrido em condições muito excecionais, como o envolvimento de armas de fogo, esclarece …

Baleias usam "redes de bolhas" para caçar as suas presas (e um vídeo raro prova-o)

https://vimeo.com/367029392 Alguns cetáceos, como as baleias jubarte, usam "redes" para caçar as suas presas. Os animais mergulham e nadam em forma de anel em redor das suas presas, soprando bolhas à medida que avançam. O anel ascendente …

Assunção Cristas vai deixar o Parlamento

A líder demissionária do CDS-PP, Assunção Cristas, vai renunciar ao mandato de deputada, mas ficará na Assembleia da República até ao próximo congresso, em 25 e 26 de janeiro de 2020. O anúncio foi feito esta …

Carles Puigdemont apresenta-se às autoridades belgas, mas recusa entregar-se a Espanha

O ex-presidente da Generalitat Carles Puigdemont, fugido na Bélgica e perseguido pela justiça espanhola desde 2017 apresentou-se esta sexta-feira voluntariamente às autoridades belgas, mas recusa entregar-se. Carles Puigdemont, acusado de delitos de sedição e má gestão …

O muco tem a capacidade secreta de dominar germes

https://vimeo.com/366782239 O nosso corpo está repleto de muco, e isto não se explica apenas pela chegada do outono. Um estudo recente demonstrou uma das inesperadas propriedades benéficas do muco: contém açúcares que controlam os germes potencialmente …

Cientistas desenvolvem "corda de guitarra" que toca sozinha

Cientistas da Universidade de Lancaster e da Universidade de Oxford, no Reino Unido, desenvolveram um circuito nanoeletrónico que vibra sem nenhuma força externa. Usando um pequeno cabo suspenso, muito semelhante a uma corda de guitarra, a …

Hubble capta a imagem mais nítida do primeiro cometa interestelar confirmado

O Hubble conseguiu captar uma fotografia de 2I/Borisov, o primeiro cometa interestelar até agora detetado, avançou a NASA, que opera o telescópio espacial. De acordo com a nota divulgada pela agência espacial norte-americana, a fotografia …

Alverca 2-0 Sporting | Leões desinspirados afastados da Taça pelo Alverca

O Alverca surpreendeu hoje o Sporting com uma vitória por 2-0, na terceira eliminatória da Taça de Portugal, tornando-se no primeiro grande «tomba-gigantes» da competição ao afastar o atual detentor do troféu. Alex Apolinário, aos 10 …

A Barbie também arrenda casa no Airbnb

A boneca mais famosa do mundo celebra 60 anos. Agora, a empresa que produz a Barbie, a Matel, tornou a boneca uma anfitriã no Airbnb e vai arrendar uma mansão à beira-mar em Malibu, na …

Os primeiros bebés podem nascer no Espaço daqui a 12 anos

A empresa SpaceBorn United pretende realizar missões espaciais entre 24 e 36 horas para que algumas mulheres dêem à luz em órbita dentro de 12 anos. A notícia é avançada pelo fundador e CEO da empresa, …