/

O primeiro satélite de madeira vai ser lançado no final deste ano

2

(dr) Wisa Plywood

O primeiro satélite de madeira do mundo

Três empresas finlandesas juntaram-se para construir o primeiro satélite de madeira do mundo, que será lançado no final de 2021.

No comunicado publicado a 12 de abril, a UPM Plywood, a Arctic Astronautics e a Huld anunciaram que vão lançar o seu satélite – o primeiro do mundo feito em madeira – no final deste ano.

“O WISA Woodsat vai onde nenhuma madeira alguma vez foi. A sua missão é recolher dados sobre o comportamento e a durabilidade deste material durante um longo período de tempo perante temperaturas extremas, vácuo e radiação do Espaço, a fim de avaliar o uso de materiais de madeira em estruturas espaciais”, pode ler-se.

Tal como explica a equipa, o WISA Woodsat é um nano-satélite em forma de quadrado (10 x 10 x 10 centímetros) e que pesa um quilograma. Para ser possível monitorizar todo o processo, foi equipado com um conjunto de sensores, incluindo duas câmaras, e será alimentado por nove pequenas células solares.

Segundo a mesma nota, este satélite terá a sua estreia, no final de 2021, a partir do Centro de Lançamento 1 da Rocket Lab, na Península de Mahia, na Nova Zelândia. Irá orbitar a Terra a uma altitude entre 500 a 550 quilómetros, completando uma órbita completa a cada hora e meia.

Se tudo correr como planeado, será uma forma de demonstrar que a madeira pode ser uma alternativa barata e facilmente disponível para ser utilizada em veículos espaciais.

No início do ano, também foi noticiado que a empresa japonesa Sumitomo Forestry e a Universidade de Quioto uniram forças para desenvolver, até 2023, um satélite de madeira.

  ZAP //

2 Comments

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.