Presidente ucraniano debate sozinho na televisão depois de adversário faltar ao frente-a-frente

Mikhail Palinchak / EPA

Petro Poroshenko, Presidente da Ucrânia

O Presidente ucraniano Petro Poroshenko, candidato à reeleição na segunda volta das presidenciais de 21 de abril, esteve este domingo no estádio olímpico de Kiev para um debate com o adversário, o comediante Volodymyr Zelenskiy, mas este não compareceu. O governante aproveitou e transformou o debate em comício.

Tendo em conta a ausência do oponente, Petro Poroshenko aproveitou para ficar quase uma hora no palco a responder às perguntas dos jornalistas e mandou abrir as portas aos seus apoiantes no final, tornando o debate numa espécie de comício, avançou no domingo o Observador.

A ausência de Volodymyr Zelenskiy deve-se ao facto de o comediante, que desafiou o atual Presidente para um debate no estádio olímpico, tenha preferido a data de 19 de abril, enquanto este último optou por 14 de abril.

Sem entendimento, Petro Poroshenko reservou na mesma o estádio de 70 mil lugares e mandou montar dois pódios para o debate. Segundo a BBC, o candidato esteve 45 minutos em cima do palco à “espera” do comediante, aproveitando para responder a perguntas e para atacar o adversário.

“Se ele se esconder das pessoas de novo, voltaremos a convidá-lo”, garantiu à chegada. “Não fui eu que propus este local para o evento, foi um tal homem”, afirmou o Presidente num dos pódios, com outro vazio ao lado, contou a Radio Free Europe (RFE). “Sei que estás a assistir”, acrescentou, dirigindo-se diretamente ao comediante.

Do lado de fora estariam cerca de duas mil pessoas a ouvir Petro Poroshenko, que foram autorizadas a entrar no final. De acordo com a mesma rádio, a decisão transformou o “debate” numa espécie de comício, com os participantes a cantarem o hino nacional, a gritarem “Glória à Ucrânia” e a tirarem ‘selfies’ com o Presidente.

O seu porta-voz, Svuatoslav Tseholko, garantiu à RFE que a decisão de deixar entrar os apoiantes terá sido tomada de improviso pelo próprio Presidente.

Análises ao sangue precede debate político

A ideia de um debate no estádio olímpico partiu, de facto, de Volodymyr Zelenskiy, que na quarta-feira passada divulgou um vídeo a entrar no estádio e a desafiar diretamente o Presidente para um debate ali.

“Achava que eu ia fugir… Não. Não vou fazer o mesmo que o senhor fez há quatro anos”, afirmou o candidato, referindo-se à campanha de 2014 em que Petro Poroshenko recusou debater com a adversária e veterana da política ucraniana Yulia Tymoshenko.

Mas as condições de Volodymyr Zelenskiy não se ficaram apenas pelo local inusitado para o debate. O comediante exigiu ainda que os dois fossem submetidos a análises sanguíneas antes do debate para provar que não são “viciados em drogas ou álcool”.

Petro Poroshenko reagiu no dia seguinte, com outro vídeo: “Isto não é uma piada”, declarou. “Mas se quer um estádio, que seja num estádio. Estarei à sua espera”.

Os dois fizeram as respetivas análises na sexta-feira, em locais diferentes, depois de o comediante não ter aceitado fazer os exames no mesmo local que o Presidente. Como contou a CNN, ambos foram filmados pelas televisões a tirar sangue.

Talvez por não estar à espera que Petro Poroshenko, de 53 anos, aceitasse o convite, Volodymyr Zelenskiy acabou por contestar a data e não aparecer este domingo. Contudo, não é de excluir a possibilidade que no dia que prefere, 19 de abril, possa haver outro debate no estádio olímpico que volte a ter apenas um participante, lê-se no Observador.

O comediante, que venceu a primeira volta das eleições com 30% dos votos (mais 14% do que Petro Poroshenko), continua à frente nas sondagens.

Volodymyr Zelenskiy tornou-se conhecido do grande público ucraniano pelo seu papel na série “Servos do Povo”, onde interpreta um professor de escola que se torna Presidente da Ucrânia quase por acidente. Agora, arrisca a sua sorte na vida real, podendo mesmo chegar ao poder no país que ainda vive uma guerra com milícias pró-russas no leste, sem participar em nenhum debate eleitoral com o adversário.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Biologia sintética pode levar a uma catástrofe global no futuro

Apesar dos aspetos positivos da evolução da biologia sintética, há certas preocupações que este avanço científico acarreta. Nas mãos erradas, a modificação genética de um vírus pode ser um problema de grandes dimensões. A cepa da …

Estamos mais propensos a devolver uma carteira perdida se ela estiver cheia de dinheiro

Os humanos podem ser mais bondosos do que aquilo que pensa. Quando encontramos uma carteira perdida, mais rapidamente a devolvemos ao dono se estiver cheia de dinheiro. Pode parecer um paradoxo, mas a verdade é que …

O T-Rex tem dois novos primos tailandeses

Duas novas espécies de dinossauros, que eram predadores eficientes e parentes distantes do Tiranossauro-Rex, foram identificadas em restos fósseis encontrados há 30 anos na Tailândia, revelou a Universidade de Bonn, na Alemanha. Há três décadas, …

Encontrados os corpos de sete alpinistas desaparecidos em maio nos Himalaias

Os corpos de sete alpinistas desaparecidos na Índia, nos Himalaias, foram encontrados no domingo por uma equipa de socorristas especializados em intervenções em alta montanha, anunciou a polícia. De acordo com o Expresso, os socorristas tinham …

Há uma "corrida brutal" por mega-centrais de energia solar (e pode aumentar a factura da luz)

A aposta do Governo português no sector das Energias Renováveis está a fomentar uma "corrida brutal" a projectos solares de grandes dimensões. Uma procura excessiva que preocupa a REN - Redes Energéticas Nacionais que avisa …

No adeus ao Prédio Coutinho, últimos 12 moradores recusam entregar chaves

Os últimos 12 moradores do prédio Coutinho em Viana do Castelo recusaram, nesta segunda-feira, 24 de junho, entregar a chave das habitações à VianaPolis no prazo fixado para aquela sociedade tomar posse administrativa das últimas …

Reino Unido. Boris Johnson em queda nas sondagens depois de discussão com namorada

A discussão de sexta-feira com a namorada está a afetar a campanha de Boris Johnson à liderança do Partido Conservador britânico. Desde quinta-feira, o ex-ministro caiu de uma vantagem de 27 pontos percentuais nas sondagens para …

NASA encontra nuvens de metano em Marte (e aguarda notícias de vida)

A sonda espacial Curiosity, da NASA, detectou elevado níveis de emissão de metano na superfície de Marte. A presença do gás, normalmente produzido por seres vivos, pode ser evidência de vida bacteriana no planeta vermelho. A descoberta, …

Factura do gás ainda cobra taxa "eliminada" em 2017

A taxa cobrada pelos municípios às empresas distribuidoras de gás natural, que estava previsto no Orçamento do Estado desde 2017 que deixaria de ser cobrada aos consumidores, continua a constar nas facturas das famílias. A medida …

Marques Mendes acredita que o SNS está pior do que no tempo da troika (e culpa Centeno)

Luís Marques Mendes afirmou que a situação que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) é tão má que, na atualidade, o panorama "é pior do que no tempo da troika". E tudo por causa de …