Portugal emerge como oásis de expatriados aos olhos da imprensa internacional

Enquanto muitas democracias liberais estão a fechar as portas, Portugal está a receber aposentados, investidores e imigrantes de outros países. A imprensa internacional está atenta ao caso português e enaltece o país pela sua hospitalidade a expatriados.

A OZY publicou, esta terça-feira, uma reportagem intitulada “Por que Portugal está a emergir como a nação ocidental mais atraente para expatriados“. O artigo começa com um exemplo específico de Eduardo Migliorelli, empresário que decidiu trocar São Paulo por Lisboa, à procura de um ambiente mais seguro.

O brasileiro diz que no Brasil era incapaz de caminhar as poucas centenas de metros entre um restaurante e o seu hotel sem medo de ser atacado. Portugal tem uma das taxas de criminalidade mais baixas da Europa, que levou milhares de imigrante brasileiros a procurarem refúgio em Portugal.

O jornal brasileiro “O Globo” já tinha referido a cidade portuguesa de Braga como “o novo el dorado” dos brasileiros. Desde isenções fiscais, a segurança e empreendedorismo, a cidade minhota tem feito milhares de brasileiros atravessar o Atlântico.

No entanto, o crucial em toda esta história é a abertura do país para receber estrangeiros, que aliada à estabilidade política e paz social torna-se num sítio atrativo para pessoas dos quatro cantos do mundo.

O ranking da Global Peace Index coloca Portugal como o terceiro país mais pacífico do mundo, logo atrás da Islândia e da Nova Zelândia. Economicamente, o World Economic Forum’s Global Competitiveness Report de 2018 deixou Portugal no 34º lugar da lista.

A imigração em Portugal revela-se crucial para manter um crescimento económico e, segundo o primeiro-ministro, António Costa, combater a “crise demográfica”. Os vistos gold têm sido um importante instrumento para atrair investidores estrangeiros, oferecendo benefícios fiscais — algo que o resto da União Europeia parece reticente em aceitar.

“Portugal é a sociedade mais aberta, tolerante e liberal em que já morei”, disse Chitra Stern, singapurense que se mudou para o Algarve em 2001 à procura de oportunidades de negócio. “As pessoas precisam de se sentir bem-vindas, especialmente no mundo de hoje, e os portugueses recebem pessoas de diferentes religiões, crenças e cores, de braços abertos”, acrescentou.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Finalmente surge uma notícia que nos deixa feliz e é verídica. Pena é que a população portuguesa tende a diminuir e assim num futuro próximo sejamos um povo de pessoas idosas.

RESPONDER

Violência policial é uma das principais causas de morte de jovens negros nos EUA

A violência policial é uma das principais causas de morte entre jovens nos Estados Unidos, com os negros a terem 2,5 vezes mais hipóteses de serem mortos do que os homens brancos. O estudo, publicado este …

A Volocopter apresenta o seu táxi voador mais potente (e já andou no ar)

https://vimeo.com/355573555 Desde 2013 a Volocopter tem vindo a aprimorar o seu projeto de táxi voador. Desta vez, o design é mais redondo, mais simples e mais potente. O Volocopter é uma aeronave 100% elétrica que os criadores …

Israel desenvolve terapia à base de ecstasy para tratar stress pós-traumático

O Ministério da Saúde israelita desenvolveu uma terapia à base de MDMA - o componente ativo da metanfetamina popularmente conhecida como 'ecstasy' - para tratar pessoas que sofrem de stress pós-traumático resistente. Num entrevista sobre a …

Quaresma de saída do Besiktas. "Presidente não me quer na equipa"

Revelação feita pelo jogador, no Instagram: "Acabei de ser informado pelo presidente do clube que ele não quer que eu continue a jogar na equipa. Estou a tentar encontrar solução para o meu futuro". O internacional …

O Dr. House português diz que 90% dos médicos só fazem "fantochadas"

É conhecido como o Dr. House português, numa referência à série televisiva norte-americana, pela forma como faz diagnósticos certeiros. E Vítor Brotas que trabalha no Hospital dos Capuchos, em Lisboa, admite que é "um médico …

Homem morre após ataque de vespas asiáticas. É a segunda morte por picadas de insecto em 2 dias

Um homem de 79 anos de idade morreu nesta sexta-feira em Oliveira do Bairro, Aveiro, após ter sido atacado por vespas asiáticas. Dois dias antes, outro homem de 50 anos faleceu na região da Beira …

Polícia antimotim dispersa manifestantes em Hong Kong com gás lacrimogéneo

A polícia antimotim de Hong Kong carregou hoje com gás lacrimogéneo sobre manifestantes que tinham erigido uma barricada no bairro de Kwun Tong, no Este da antiga colónia britânica. Embora os protestos tenham decorrido de forma …

Eleições. CDU vai manter campanha clássica, mas dispensa o "lombo assado"

O chefe do maior partido da Coligação Democrática Unitária (CDU), que junta comunistas e ecologistas, assumiu enfado com carne assada nas jornadas e ações de esclarecimento pelo país, mas garante uma campanha eleitoral nos cânones …

Bloco quer mais funcionários públicos e quotas por raça nas universidades

O BE afirma, no programa eleitoral disponibilizado hoje na íntegra, que "é o partido que quer e pode impedir uma maioria absoluta", um resultado nas eleições legislativas que faria Portugal "voltar ao passado da arrogância …

Balas com defeito que encravam armas. PSP confirma, mas diz que não é um problema

A Polícia de Segurança Pública (PSP) confirma que estão a ser utilizadas algumas balas com defeito que até encravam as armas, nos treinos dos candidatos a agentes na Escola Prática de Polícia. Mas garante que …