Portugal junta-se a “rebelião” por mudanças no cálculo do défice estrutural

Rodrigo Gatinho / Portugal.gov.pt

Mário Centeno, ministro das Finanças

Mário Centeno, ministro das Finanças

Oito ministros das Finanças pedem uma mudança na forma como a Comissão Europeia estima o défice estrutural, uma variável central para a avaliação do esforço orçamental de cada Estado-membro.

Mário Centeno está entre os oito ministros das Finanças europeus que escreveram uma carta, divulgada no jornal Expansión, datada de 18 de março e dirigida ao vice-presidente da Comissão, Valdis Dombrovskis, e o comissário Pierre Moscovici, com conhecimento de Jeroen Dijsselbloem, o ministro das Finanças holandês que preside ao Ecofin e ao Eurogrupo.

O Expansión refere-se ao pedido como uma “rebelião” liderada por Espanha e por Itália, seguidas por Portugal, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Eslovénia e Eslováquia, denunciando a “incoerência no atual sistema”.

Os ministros contestam a fórmula de cálculo do saldo estrutural – uma estimativa do desequilíbrio das contas públicas após excluir os efeitos das medidas extraordinárias e do ciclo económico – que serve de base à definição do esforço orçamental que os países têm de fazer todos os anos para cumprir os tratados europeus.

Atualmente, a Comissão Europeia estima o Produto Interno Bruto (PIB) potencial de cada país – uma variável central para o cálculo do saldo estrutural – com base na evolução esperada das economias nos dois anos seguintes, enquanto os Estados-membros consideram os quatro anos seguintes.

Na carta, “os ministros sugerem veementemente que a Comissão Europeia estenda o seu horizonte de projeção de dois para quatro anos, em linha com os horizontes de projeção dos Estados-membros”, de forma a harmonizar as estimativas.

Os oito ministros classificam este detalhe do cálculo do indicador como uma “inconsistência” metodológica que gera “diferenças significativas” entre diferentes Estados membros e “confusão” na avaliação dos saldos estruturais.

Os ministros consideram que o défice estrutural, calculado em função do PIB potencial – um indicador que “é desconhecido” -, gera estimativas com “um elevado grau de incerteza”.

Em Portugal, a elaboração do Orçamento do Estado para 2016 foi marcada por intensas negociações com a Comissão Europeia sobre o esforço de ajustamento orçamental necessário, com Bruxelas a impor mil milhões de euros de medidas adicionais com o argumento de que seria necessário reduzir o défice estrutural em linha com as regras europeias.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Missão difícil em Munique. Portugal pode carimbar passagem aos oitavos do Euro

A seleção portuguesa de futebol pode garantir hoje o apuramento para os oitavos de final do Euro2020, mas terá de vencer a poderosa e favorita Alemanha, ainda à procura dos primeiros pontos no Grupo F. A …

Especialista britânico diz que terceira vaga está a caminho do Reino Unido

Uma terceira onda de infeções por covid-19 está a caminho do Reino Unido, onde os contágios diários ultrapassam de novo os 10.000 casos, afirmou o assessor do Governo no Comité Conjunto de Vacinação e Imunização …

Equipa portuguesa faz descoberta que pode travar a doença de Alzheimer

Uma equipa de investigadores portugueses identificou um novo mecanismo associado aos neurónios envelhecidos que pode abrir uma nova via terapêutica para travar a doença de Alzheimer. Hoje em dia, há cada vez mais pessoas a viver …

“Abuso de funções”. BE acusa Centeno de estar a "condicionar" as negociações do OE

As recomendações do governador do Banco de Portugal sobre as políticas que o país deve seguir, nomeadamente a estabilidade da legislação laboral, não caíram bem à esquerda. Em declarações ao ECO, o Bloco de Esquerda não …

Aberto inquérito-crime ao atropelamento mortal com carro de Cabrita. Não há câmaras no local do acidente

A GNR já está a investigar as circunstâncias do atropelamento mortal com um carro onde seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita. Mas o inquérito-crime não poderá contar com imagens das câmaras de video-vigilância …

Nuno Mendes e João Félix fora do jogo com a Alemanha

Os jogadores Nuno Mendes e João Félix vão ficar fora do jogo deste sábado frente à Alemanha devido a uma mialgia muscular. Ambos vão assistir ao encontro na bancada e devem recuperar a tempo de defrontar …

Antigo governador civil desmente Medina (que explicou sem explicar o envio de dados a embaixadas)

O último governador civil de Lisboa, o socialista António Galamba, desmente Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa, no âmbito das conclusões da auditoria ao envio de dados de manifestantes para embaixadas estrangeiras. E há …

Portugueses burlados em Munique. PSP alerta para a venda de bilhetes falsos

No dia em que Portugal joga contra à Alemanha na capital da Baviera, a PSP alertou que vários portugueses estão a ser burlados com a venda de bilhetes falsos para a partida. O intendente Pedro Colaço …

Correos Express "passa a perna" aos CTT. Empresa quer conquistar Portugal para ter oferta ibérica na Ásia

A empresa espanhola concorrente dos CTT está a monopolizar as entregas ibéricas. Em 2019, comprou 51% da unidade de transporte expresso do grupo logístico Rangel e quer ter centros de distribuição em todo os distritos …

Autoridades passam 25 multas no primeiro dia de confinamento em Lisboa

As autoridades policiais passaram 25 autos de contraordenação no primeiro dia de confinamento da Área Metropolitana de Lisboa. Desde as 15h da tarde de ontem que é proibido entrar ou sair da AML, embora existam várias …