Porfírio Silva vê “papel positivo” na candidatura de Ana Gomes, mas critica farpas a Costa

Porfírio Silva / Facebook

O deputado socialista Porfírio Silva

O dirigente socialista Porfírio Silva considera que a candidatura presidencial de Ana Gomes pode ser positiva se não cair na “armadilha” de se centrar no ataque a António Costa e se não “atropelar” o Estado de Direito.

Porfírio Silva, membro do Secretariado Nacional do PS, defende que o espaço político do seu partido se deve fazer representar nas eleições presidenciais de 2021. A sua opinião foi revelada numa “carta aberta” que dirigiu a Ana Gomes e publicou no seu blogue Machina Speculatrix.

Neste texto, Porfírio Silva, também vice-presidente da bancada socialista, volta a criticar uma estratégia no sentido de o PS “declaradamente ou por não se posicionar” apoiar a eventual recandidatura presidencial de Marcelo Rebelo de Sousa e diz acreditar que a candidatura de Ana Gomes “pode ter um papel positivo” na representação do socialismo democrático nesse ato eleitoral.

O apoio do PS à candidatura de Marcelo Rebelo de Sousa “abriria um novo espaço à direita mais à direita. Ofereceria à extrema-direita o bónus de ser a principal novidade das eleições presidenciais, o palco da campanha”, sustenta Porfírio Silva no seu texto. “Já vimos noutros países o preço que se paga por pensar que a extrema-direita é útil para enfraquecer a direita democrática”.

Não podemos enganar-nos de adversários, nem enganar-nos de causas. Nem ceder ao facilitismo de saltar por cima do Estado de direito, barreira contra a incivilidade”, adverte, contudo, Porfírio Silva.

O membro do Secretariado Nacional do PS justifica depois à ex-eurodeputada o que o leva a traçar aquelas duas linhas vermelhas.

“Tudo isto me interessa, como socialista, pelas simples razão de não tencionar votar em qualquer candidato da direita – poderia fazê-lo se fosse necessário para travar um candidato neofascista, mas não creio que estejamos nessa contingência – e de não querer votar em candidatos que se apresentam contra o projeto europeu”, diz, aqui numa alusão às candidaturas do comunista João Ferreira e da bloquista Marisa Matias.

Na perspetiva do dirigente socialista, “Ana Gomes aparece, aos olhos de alguns, como uma candidata da esquerda do PS“.

“Mas não vejo que a sua candidatura possa ser aglutinadora se persistir numa tónica muito presente nestes primeiros dias da sua condição de candidata, que consiste em falar como se tivesse vindo principalmente para atacar o líder do PS e atual primeiro-ministro. Alguns apareceram publicamente a apoiá-la com a justificação de ser necessário fazer frente a António Costa”, refere.

Também de acordo com Porfírio Silva, entre os que manifestaram apoio à candidatura presidencial da ex-eurodeputada socialista, “até houve quem acrescentasse que o problema de Marcelo Rebelo de Sousa é ser demasiado próximo de António Costa, esperando que Ana Gomes corrigisse isso”.

“Espero que não se repita a tentação das últimas presidenciais quando alguns no PS viram a candidatura de Maria de Belém como uma oportunidade para atacar o PS e a sua direção, tentando manipular uma eleição presidencial para um mesquinho ajuste de contas. Seria conveniente que se tornasse claro que Ana Gomes não cai em armadilha semelhante”, salienta o membro da direção do PS.

Nesta carta, Porfírio Silva rejeita a acusação de que António Costa tenha mandado calar o PS em matéria de eleições presidenciais”.

“Uma coisa é solicitar aos membros do Governo que não confundam as suas funções com o debate pré-eleitoral; outra, bem diferente, seria solicitar aos socialistas que não se envolvam no debate, o que não aconteceu. Aliás, este debate já começou nos órgãos do PS, os quais, certamente, serão chamados a decidir oportuna e atempadamente sobre esta matéria importante para a nossa democracia”, argumenta.

Porfírio Silva reconhece depois que a presença de Ana Gomes no espaço público “tem bandeiras, bandeiras relevantes como a dos direitos humanos”.

“Mas precisamos conhecer melhor como traduz, para estes tempos, uma mensagem renovada do socialismo democrático aos portugueses. Coisa que, em minha opinião, não resulta daquilo que conhecemos da sua intervenção pública. Politicamente, as presidenciais não podem ser apenas um choque de paixões. Têm de ser um espaço de renovação da esquerda democrática”, defende o vice-presidente da bancada socialista.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …

Novo estudo diz que Remdesivir não tem "impacto significativo" nos doentes com covid-19

Ao contrário do que se pensava, o medicamento antiviral remdesivir não reduz as mortes entre os pacientes com covid-19, sobretudo quando comparado com o tratamento padrão, de acordo com os resultados de um estudo internacional. Em …