Um ano depois do colapso, a ponte de Génova começa a ganhar uma nova vida

(dr) The Big Picture / Renovatio Design / Stefano Boeri Architetti

O projeto do “Parco del Ponte”, em Génova, Itália

Génova está a reconstruir a ponte que, no ano passado, desabou e provocou 43 mortos. O novo projeto vai ter um caminho pedonal e um parque memorial para homenagear as vítimas deste desastre.

No dia 14 de agosto de 2018, um troço de cerca de cem metros da ponte Morandi, na cidade italiana de Génova, desabou, causando 43 mortos. Embora a causa do colapso ainda seja pouco clara, a cidade está atualmente a reconstruir esta estrutura, inaugurada em 1967, e planeia que a obra esteja finalmente concluída no próximo ano.

O trabalho está a ser feito pelo arquiteto Renzo Piano, de 82 anos, que nasceu em Génova e que, por isso, decidiu ficar responsável pelo projeto sem qualquer custo. Nas suas palavras, será “uma ponte bonita, tão bonita como a beleza de Génova” e “muito genovesa”, ou seja, “simples, mas sem ser banal”, cita o site Domus.

No entanto, de acordo o site Fast Company, esta ponte não vai ficar sozinha. Outra empresa italiana — Stefano Boeri Architecture — apresentou o seu projeto para construir um caminho pedonal que andará à volta da nova ponte de Piano.

O projeto, chamado “Red Circle” (“Círculo vermelho” na tradução para Português), é também uma forma de homenagear as pessoas que perderam a vida neste desastre. Trata-se de um impressionante anel de aço que dará acesso a um parque memorial que ficará debaixo da ponte.

Este parque vai ter uma instalação do artista genovês, Luca Vitone, chamada “Genova in the Wood” (“Génova no Bosque”). Trata-se de um espaço com 43 árvores — uma para cada vida perdida — onde as pessoas poderão caminhar, descansar, ler e estudar Botânica através dos livros disponíveis numa biblioteca que também vai ser lá construída.

Segundo o mesmo site, além de oferecer às pessoas um caminho pedonal, o percurso elevado também terá um outro propósito: ser uma fonte de energia para a cidade, não só através de painéis solares, mas também de pisos piezoelétricos e, mais impressionante ainda, uma torre eólica vermelha que se projeta no céu como uma chama.

Num comunicado, Boeri descreveu o projeto como uma forma de acolher as pessoas na cidade, acrescentando que Génova é “soberba, apesar de ser afetada por uma melancolia pungente e bonita, mesmo na dureza das suas contradições eternas”. “É uma cidade de aço e mar, esculpida pelo vento e pela tragédia, mas sempre capaz de permanecer alta”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Evento raro". Nasceu uma baleia-branca no maior aquário do mundo (e o momento foi gravado)

Whisper, uma baleia-branca de 20 anos, deu à luz uma cria saudável em 17 de maio após uma gravidez de 15 meses, marcando a chegada do mais novo cetáceo do Georgia Aquarium, numa altura em …

Telemóveis são uma ferramenta poderosa contra a desigualdade de género em África

Ao dar às mulheres acesso a informação que, de outra forma, era quase impossível de obter, os telemóveis estão a salvar e a transformar vidas. De acordo com o site IFLScience, o estudo responsável por esta …

Desde março, morreram mais de 100 elefantes no Botsuana. Ninguém sabe porquê

As autoridades do Botsuana estão a investigar a morte de 110 elefantes na região do Delta do Okavango desde março, anunciou esta semana o Ministério do Meio Ambiente, Conservação de Recursos Naturais e Turismo daquele …

Um robô aprendeu a fazer uma omelete. E ficou melhor do que o esperado

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, treinou um robô a preparar uma omelete. Para os investigadores, avaliar se um robô cozinhou uma refeição com sucesso é uma fonte interessante de …

Covid-19 já matou mais no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães da II Guerra

A pandemia de covid-19 já matou mais pessoas no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães durante a II Guerra Mundial. O novo coronavírus oriundo da China já matou cerca de 50.000 pessoas em território …

Estudo mostra que os cães querem mesmo resgatar os seus donos do perigo

Um novo estudo mostra que os nossos amigos de quatro patas querem realmente salvar-nos em momentos de aflição, mas desde que saibam como o fazer. De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 60 cães …

Derek Chauvin foi detido, mas os precedentes mostram que o polícia pode sair impune

Derek Chauvin, o polícia responsável pela morte de George Floyd, foi detido e aguarda a sua primeira audiência. No entanto, há precedentes que sugerem que o agente pode sair impune. Derek Chauvin tem a sua primeira …

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …