O pólo norte magnético da Terra está a “cair” para a Rússia a grande velocidade

O pólo magnético norte da Terra está a mover-se a grande velocidade do Canadá para a Rússia, mais precisamente em direção à Sibéria, revelaram os especialistas do Centro Nacional de Informações Ambientais dos Estados Unidos.

Em comunicado, os especialistas explicam que este rápido movimento de deslocação está relacionado com mudanças imprevistas na região do Ártico. “O movimento do pólo norte magnético é muito rápido”, afirma à Associated Press o geofísico Arnaud Chulliat, que liderou a atualização do Modelo Magnético Mundial (WMM).

Em causa está a turbulência do núcleo externo líquido da Terra, o ferro líquido no núcleo do planeta, explicam os especialistas. Essa movimentação coloca obstáculos às bússolas, artigos eletrónicos, nomeadamente smartphones, e navios, uma vez que o modelo do campo magnético suporta os seus sistemas de navegação.

“A localização do pólo norte magnético parece ser regulada por duas grandes zonas do campo magnético, uma sob o Canadá e outra sob a Sibéria, sendo que a área da Sibéria está a ganhar a competição”, disse o investigador Phil Livermore, da universidade britânica de Leeds, citado pela revista especializada Nature.

No momento, e de acordo com os cientistas, o pólo norte magnético da Terra move-se de norte para noroeste a uma velocidade de 55 quilómetros por ano. Dois anos antes, e depois de o WMM ter sido atualizado, parte do campo magnético, mais a sul, desviou-se temporariamente para o norte da América do Sul e o leste do Oceano Pacífico.

O movimento rápido obrigou os cientistas atualizar o WMM um ano antes do que estava previsto. Por norma, os especialistas atualizam o modelo a cada cinco anos, sendo que a última atualização foi feita em 2015. Contudo, e visando evitar erros de navegação, os cientistas adiantaram a atualização. No ano passado, peritos em geomagnetismo aperceberam-se que a margem de erro do modelo estava perto de ultrapassar o limite do aceitável para os erros de navegação.

Os pólos norte e sul magnéticos deslocam-se e não coincidem com os pólos norte e sul geográficos, apesar de serem próximos geograficamente. Na longa história do planeta, o pólo norte magnético nem sempre esteve no norte geográfico e até já chegou a estar a sul – a inversão dos pólos ocorreu já várias vezes, não tendo sido registada nos últimos 780 mil anos. A inversão é um fenómeno gradual, durando cerca de cem mil anos ou até mais.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Aprendi em física que a origem do campo magnético é devido a terra tem carga levemente negativa e com a rotação da mesma gera um campo magnético com o norte magnético na direção do norte de rotação. Então por esta explicação nunca seria possível a inversão dos polos, a não ser que a carga começasse a se tornar positiva. Como isto seria possível?

RESPONDER

Os portugueses dormem pouco e mal

Os portugueses estão a descansar poucas horas, dormindo em média menos de seis horas diárias, com reflexos negativos na vida ativa e social, disse esta sexta-feira o presidente da Associação Portuguesa do Sono (APS), Joaquim …

Vaticano destitui ex-cardeal dos Estados Unidos por acusações de abusos sexuais

A Congregação para a Doutrina da Fé expulsou do sacerdócio o ex-cardeal e arcebispo emérito de Washington Theodore McCarrick depois de este ser acusado de abusos sexuais de menores e seminaristas, anunciou o Vaticano. Num comunicado, …

Maré de água suja atingiu a já debilitada Grande Barreira de Coral

Um enorme manto de água poluída oriunda das recentes inundações que se registaram no nordeste da Austrália penetrou em partes da já debilitada Grande Barreira de Coral, o maior recife de coral do mundo. Estas camadas …

É oficial: Pedro Marques é o cabeça-de-lista socialista às europeias

O atual ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques, é o cabeça de lista dos socialistas às eleições europeias. Era uma notícia já avançada por vários órgãos de comunicação social e hoje António Costa confirmou-a. …

Governo espanhol aprova ordem de exumação de Franco

O Governo espanhol aprovou a ordem para exumar o ditador Francisco Franco do seu atual lugar de enterro, o monumento do Vale dos Caídos, medida à qual a família ainda se opõe. Os familiares de Franco …

Sonda da NASA aperta órbita em preparação para a missão Marte 2020

A missão MAVEN (Mars Atmosphere and Volatile Evolution) da agência espacial norte-americana, já com 4 anos, está a embarcar numa nova campanha para apertar a sua órbita em torno de Marte. A operação vai reduzir …

Trump precisa de oito milhões de dólares para o muro e a Casa Branca explica onde os vai buscar

A Casa Branca identificou esta sexta-feira os fundos federais que serão utilizados pela administração de Donald Trump para conseguir financiar a construção do muro na fronteira com o México. O Presidente norte-americano declarou esta sexta-feira estado …

Desativação de bomba da II Guerra Mundial paralisa e evacua Paris

Mais de mil moradores e trabalhadores evacuados, comboios urbanos, nacionais e internacionais cancelados, estradas fechadas, rotas de autocarro desviadas e pelo menos uma estação de metro encerrada em Paris. Também o bairro de porte de La …

Pouco se sabe sobre a morte de Khashoggi. Mas há um homem que diz ter muito para contar

Neste momento, as informações aparecem a conta-gotas. Foi a estratégia usada pelas autoridades turcas, desde o primeiro momento, para gerir a forma como revelaram informações sobre o assassinato de Jamal Khashoggi. Khashoggi morreu dentro do consulado …

Enfermeiros marcam greve nacional para 8 de março

A Associação Sindical Portuguesa dos Enfermeiros (ASPE) vai decretar greve nacional para dia 8 de março, para permitir a participação dos profissionais numa marcha em homenagem à enfermagem que está programada para Lisboa. O anúncio foi …