Descoberta no Peru uma baleia ancestral com quatro pernas

As baleias de há 43 milhões de anos eram uma mistura entre um rinoceronte e uma lontra: tinham uma cabeça estreita, uma cauda longa e musculosa e quatro pernas com pés espalmados.

Investigadores desenterraram os ossos bem preservados de uma antiga baleia de quatro patas na costa do Peru e detalharam as suas descobertas num artigo publicado a 4 de abril na revista Current Biology.

“É uma das descobertas que mostram o quão pouco se sabe“, disse Jonathan Geisler, biólogo evolucionista e anatomista do Instituto de Tecnologia de Nova York, que não esteve envolvido no estudo. “Eu acho que é muito emocionante.”

A descoberta representa a primeira evidência indiscutível de uma baleia de quatro patas do Oceano Pacífico, disse o principal autor do estudo, Olivier Lambert, paleontólogo de vertebrados do Instituto Real de Ciências Naturais da Bélgica, em Bruxelas.

Durante mais de uma década, os paleontólogos têm escavado as regiões costeiras estéreis do Peru e extraído fósseis de mamíferos marinhos antigos. Lambert disse que não esperava que restasse muito para descobrir, até que a sua equipa encontrou um maxilar com dentes muito grandes. Encorajados, continuaram a cavar.

“Ver os primeiros elementos dos membros posteriores, o fémur, os ossos do tornozelo foi um momento extraordinário”, disse Lambert. “Estamos todos muito animados.”

Embora os ossos tenham vários milhões de anos e estejam divididos em vários pedaços, estão bem preservados e fáceis de localizar nos sedimentos que os cercam. “Isto tornou a escavação muito agradável, com ossos a aparecer um após o outro e movendo-nos de uma surpresa para a outra.”

Os cientistas descobriram que os dedos e dedos dos pés da baleia estavam inclinados com pequenos cascos. Quando o esqueleto foi montado, a estrutura do quadril e dos membros fez com que parecesse um animal que vivia na terra.

Mas os longos apêndices e os grandes ossos da cauda eram semelhantes aos de uma lontra, sugerindo que também devia ter sido um bom nadador. “Agora sabemos que eram capazes de se mover em terra e, ao mesmo tempo, começaram a usar o rabo mais predominantemente para nadar”, disse Lambert.

A equipe chamou à espécie de Perefocetus pacificus, que significa “a baleia viajante que alcançou o Pacífico”. “Como este é o primeiro registo de uma baleia quadrúpede em todo o Pacífico e o Hemisfério Sul, isso aumenta significativamente a distribuição destes primeiros cetáceos”, disse Lambert.

Até agora, os cientistas acreditavam que as baleias antigas tinham deixado a África para ir para a América do Norte antes de migrar para a América do Sul e o resto do mundo. Mas Lambert e os co-autores concluíram que a idade e a localização deste novo espécime sugerem que as baleias anfíbias atravessaram o Oceano Atlântico Sul primeiro até a América do Sul, antes de chegar à América do Norte e a qualquer outro lugar.

Geisler disse essa ideia fazia sentido, mas seria interessante procurar evidências dessas baleias antigas em toda a orla do Pacífico. “Nós não temos ideia qual era a capacidade dessas baleias de se moverem na água”, disse.

PARTILHAR

RESPONDER

Juízes exigem sindicância urgente ao sorteio na Relação de Lisboa

A Associação Sindical dos Juízes (ASJP) exigiu, esta sexta-feira, ao Conselho Superior da Magistratura (CSM) uma "sindicância urgente" aos procedimentos de distribuição de processos no Tribunal da Relação de Lisboa. A posição da Associação Sindical dos Juízes …

Deputado do PSD que avançou com proposta de referendo à eutanásia acabou a assumir alcoolismo

Pedro Rodrigues, deputado social-democrata e antigo líder da JSD, assumiu publicamente, através do Facebook, ter um problema de alcoolismo. Num texto publicado no Facebook, o social-democrata explica que faz esta revelação por estar a ser vítima …

Morreu doente que parou o Parlamento para pedir tratamento para a hepatite C

José Carlos Saldanha ficou conhecido, há cinco anos, por interromper o ministro da Saúde numa sessão do Parlamento para pedir tratamento para a hepatite C. A informação foi confirmada à agência Lusa por fonte oficial do …

Com dívidas ao Fisco, cavaleiro João Moura "sem dinheiro" para alimentar cães. Arrisca 2 anos de prisão

O cavaleiro João Moura está acusado do crime de maus-tratos e abandono de animais depois de lhe terem sido retirados 18 cães galgos, em aparente estado de subnutrição. Um dos animais acabou por morrer, pelo …

Desmantelada fábrica ilegal de tabaco. Funcionava num bunker

Uma operação levada a cabo pela Guardia Civil esta terça-feira desmantelou uma fábrica ilegal de tabaco, em Espanha, e deteve a organização clandestina que a geria: vinte pessoas foram detidas, de nacionalidades britânica, lituana e …

China diz que surto está "sob controlo" após 14 províncias não reportarem novos casos

O surto do coronavírus Covid-19 está "sob controlo", depois de a atualização diária mostrar que 14 das 34 províncias e regiões autónomas do país não detetaram novos casos, anunciaram esta sexta-feira as autoridades chinesas. O vice-diretor …

Após 2 anos preso, Pedro Dias assume três homicídios e diz-se arrependido

Pedro Dias, conhecido pelos homicídios de Aguiar da Beira, manifesta-se arrependido pelos crimes por que foi condenado a 25 anos de prisão, após cumprir dois anos da pena. Um arrependimento que é também um assumir …

Orçamento da UE. Proposta agrava corte de Portugal na coesão em 2 mil milhões

A proposta do presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, prevê um corte de 2 mil milhões de euros no envelope da coesão para Portugal. Os chefes de Estado e de Governo da União Europeia iniciaram esta …

Russos atormentam Estados Unidos outra vez. Presidenciais são o alvo

Os serviços secretos norte-americanos estão convencidos de que os russos estão, novamente, a tentar influenciar as presidenciais daquele país. Faltam nove meses para as eleições presidenciais norte-americanas, mas já há suspeitas de que os russos estão …

Processo obscuro e pouco transparente. Expansão do Metro do Porto cria mal-estar

O alargamento do Metro do Porto está a criar mal-estar entre algumas autarquias da área Metropolitana do Porto. Os autarcas falam num processo obscuro e pouco transparente. O protocolo para consolidação da expansão da rede de …