“Mais perigoso que bomba atómica”: testes de Pyongyang podem despertar vulcão

rodolfoaraiza.com / Flickr

Erupção do vulcão Fuego, na Guatemala

Ruínas de casas, ruas vazias e o sol coberto por cinzas: não é o resultado da guerra nuclear na península coreana, mas prováveis consequências da erupção do vulcão Baekdu, na fronteira entre a China e a Coreia do Norte.

A última vez que despertou foi há mais de mil anos, e nos próximos anos os cientistas avisam sobre a probabilidade de uma nova explosão fortíssima. Os permanentes testes nucleares da Coreia do Norte podem provocar essa erupção.

Quanto à potência, este vulcão só perde para supervulcões, cuja erupção acontece uma vez a cada 100 mil anos e são capazes de provocar mudanças climáticas em todo o planeta.

A força de efeito da montanha coreana é muito menor, contudo, pode superar em dez vezes a potência explosiva das maiores bombas de hidrogénio que já foram testadas pela humanidade. Durante os últimos 2 mil anos houve quatro erupções de tal força, mas a quinta pode estar prestes a acontecer.

De acordo com cientistas chineses, desde o início dos anos 2000, na área de Baekdu foram registados pequenos terramotos. As bordas da cratera vulcânica têm crescido, a temperatura das fontes térmicas próximas tem se elevado, assim como a concentração de hélio.

Esses fenómenos podem significar que o vulcão voltou à fase ativa e se prepara para a próxima erupção. Especialistas acreditam que 10 quilómetros abaixo da montanha há uma reserva de magma quente, que aos poucos se preenche através de reservas subjacentes e, mais cedo ou mais tarde, entrará em erupção.

Vulcões como o Baekdu entram em erupção uma vez a cada mil anos. Considerando que a última erupção ocorreu no ano 946 é provável que hoje o vulcão esteja a ganhar forças para mais uma erupção potente. Para dois milhões de chineses e norte-coreanos, as consequências podem ser catastróficas.

Desde a última erupção há mil anos, o ecossistema naquele local ainda não se recuperou completamente.

A nova erupção pode ser ainda mais destrutiva, já que dois mil milhões de toneladas de água que se formaram na cratera do lago Tianchi podem provocar inundações fortes, enchendo excessivamente os maiores rios fronteiriços Yalu e Tumen.

Além disso, a água provocará o surgimento de muitas cinzas, capazes de ofuscar o sol durante meses, acabando por causar um efeito semelhante ao do inverno nuclear.

Contudo, de acordo com cientistas, por enquanto é difícil avaliar a força da erupção. Durante a hibernação profunda, Baekdu já acordou várias vezes, limitando-se apenas a pequenas erupções.

A última dessas pequenas erupções ocorreu há cem anos, por isso, se as erupções forem até mesmo duas vezes menos potentes, as nuvens de cinza podem alcançar os países próximos. Porém, a principal discussão entre cientistas trata-se não da probabilidade de erupção, mas de quando vai acontecer.

A distância entre o polígono nuclear Punggye-ri, onde a Coreia do Norte realiza os testes, e o vulcão Baekdu é de apenas 115 quilómetros. No resultado do último teste, que provocou o terramoto artificial de magnitude 5,7 (ou 6,1, segundo outras estimativas), foram detetados mais um conjunto de terramotos pequenos, que de acordo com especialistas, já tinha acontecido devido ao desmoronamento parcial das rochas.

Assim, vários cientistas acreditam que caso a Coreia do Norte faça testes com potências ainda mais altas, pode resultar na erupção do vulcão Baekdu.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Do lado de lá temos um país e um governo do que de pior pode acontecer a um ser humano mas do lado de cá temos especuladores capazes de tudo inventarem para formarem um filme ainda mais negro, basta ver agora o caso Catalunha para observar-mos como funciona certa imprensa a defender os poderes instalados na Espanha e Europa.

RESPONDER

Finlândia 0-2 Bélgica | Diabos vermelhos picam o ponto

A Bélgica, que já estava apurada, completou o pleno de triunfos no seu grupo, com uma vitória por 2-0 frente à Finlândia, relegando os nórdicos para o terceiro lugar A Bélgica venceu hoje a Finlândia, por …

Rússia 1-4 Dinamarca | Muito coração, por Eriksen

A Dinamarca conquistou hoje um lugar nos oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao bater por 4-1 a Rússia, que eliminou, numa terceira jornada do Grupo B que originou a qualificação de mais cinco …

Netflix consegue acordo importante com produtora de filmes de Steven Spielberg

A Netflix anunciou, esta segunda-feira, que assinou um acordo para a realização de vários filmes com a produtora Amblin Partners, de Steven Spielberg. A plataforma streaming de filmes e séries Netflix conseguiu um acordo com a …

Abel Ferreira tem (mais) um problema no Palmeiras

Patrick de Paula, que Jorge Jesus gostaria de ter no Benfica, foi apanhado numa festa. O mesmo jogador protagonizou um episódio insólito contra o América Mineiro. Patrick de Paula envolveu-se em dois problemas no Palmeiras, no …

Bebé mais prematuro do mundo celebra primeiro aniversário. Tinha 0% de probabilidade de sobreviver

As probabilidades de sobrevivência eram nulas, mas Richard superou todas as expectativas e, passado um ano, celebrou o seu primeiro aniversário. Fica na história como o bebé mais prematuro de sempre a sobreviver, de acordo …

Lula da Silva absolvido em caso sobre alegados favorecimentos ao setor automóvel

A justiça brasileira absolveu esta segunda-feira o ex-presidente do Brasil Lula da Silva, o ex-ministro Gilberto Carvalho e outros cinco acusados numa das ações da operação Zelotes, que investigava alegados favorecimentos a empresas do setor …

Ucrânia 0 - 1 Áustria | Ambição de Foda garante segundo lugar

A Áustria qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, marcando encontro com a Itália, ao vencer a Ucrânia por 1-0 e conquistar o segundo lugar do Grupo C. Um golo de Christoph …

Macedónia N. 0-3 Países Baixos | Laranja garante pleno

A seleção da Macedónia do Norte ainda deu luta, na primeira parte, aos Países Baixos, na última jornada do grupo C do Euro2020 de futebol, mas perdeu naturalmente por 3-0, face à supremacia da seleção …

Imunidade do grupo com 70% de vacinados é ideia ultrapassada, defende investigador

O investigador Miguel Castanho afirmou esta segunda-feira que a ideia da imunidade do grupo com 70% da população vacinada contra a covid-19 está “completamente desatualizada” porque a vacina não protege contra a infeção e a …

Euro2020. Portugal já demonstrou "qualidade para ultrapassar todas as dificuldades"

O futebolista João Moutinho lembrou esta segunda-feira que Portugal já “demonstrou ter qualidade para ultrapassar todas as dificuldades” e acredita que diante da França, na derradeira jornada do Grupo F do Euro2020, o campeão europeu …