Parlamento chumba proibição do aborto depois de greve de mulheres na Polónia

Olivier Hoslet / EPA

O Parlamento polaco rejeitou esta quarta-feira a iniciativa popular que pedia a proibição quase total do aborto e penas de prisão para as mulheres que abortem, uma decisão que se seguiu a protestos generalizados sobre a medida.

A iniciativa popular – apoiada pelo partido conservador no poder na Polónia, Lei e Justiça (PiS) – foi admitida à discussão pelo Parlamento a 23 de setembro, precisamente pelo partido que apoia o Governo, que agora se demarcou da mesma, argumentando não estar de acordo com a defesa de penas de prisão para as mulheres que pratiquem a interrupção voluntária da gravidez.

De acordo com a AFP, a proposta de lei foi chumbada por 352 deputados da maioria conservadora que apoia o Governo e da oposição, enquanto 58 votaram a favor e 18 abstiveram-se.

Para Ewa Kopacz, ex-Primeira-ministra e atual deputada da oposição, o PiS “recuou porque ficou assustado com todas as mulheres que saíram à rua”.

Na passada segunda-feira, cerca de 100 mil polacas vestidas de negro protestaram em todo o país contra a possibilidade de endurecimento da lei em vigor para a Interrupção Voluntária da Gravidez (IVG), uma das mais restritivas da Europa.

A “Black Monday” paralisou escolas e serviços públicos em mais de 60 cidades polacas contra a proposta ultraconservadora apresentada por um grupo independente, apoiada pela igreja católica polaca, que recomendava penalizar as mulheres que fizessem abortos com penas até cinco anos de prisão.

O ministro polaco da Ciência e Ensino Superior já tinha dado a entender, esta quarta-feira, o provável recuo do partido nesta questão, ao dizer que as manifestações de segunda-feira “levaram-nos a refletir e ensinaram-nos a ser humildes”.

Atualmente, o aborto é permitido na Polónia em casos de violação, incesto, risco de vida para a mulher ou malformação irreversível do feto.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O mar interno da misteriosa Encélado "grita" habitabilidade

Uma equipa de especialistas desenvolveu um novo modelo geoquímico que revela que o dióxido de carbono do interior de Encélado, lua de Saturno que abriga um oceano, pode ser controlado através de reações químicas no …

Os Simpsons podem ter previsto o surto do novo coronavírus da China

A série de televisão animada "Os Simpsons" é conhecida por ter feito profecias que, com o passar do tempo, se tornaram mesmo realidade. Agora, os fãs do programa parecem ter encontrado um episódio que prediz …

Identificada nova espécie de dinossauro que viveu há mais de 150 milhões de anos

Paleontólogos identificaram, nos Estados Unidos, uma nova espécie de dinossauro do género dos alossauros, que viveu há mais de 150 milhões de anos. A espécie, que tem o nome de Allosaurus jimmadseni, foi identificada a partir …

Escorpião com 436 milhões de anos foi dos primeiros animais a pisar a Terra

Cientistas descobriram um escorpião com 436 milhões de anos que terá sido um dos primeiros animais da Terra a migrar dos habitats aquáticos para os terrestres. Foram encontrados dois fósseis da espécie num antigo mar tropical …

Bruno de Carvalho disposto a liderar SAD do Sporting com Varandas

O ex-presidente do Sporting admitiu, esta sexta-feira, estar disposto a liderar a SAD do clube, mesmo com Frederico Varandas como presidente. No seu comentário semanal na Rádio Estádio, Bruno de Carvalho disse estar disposto a regressar …

A Inteligência Artificial teria resolvido o mistério da fuga de Alcatraz

Um programa de Inteligência Artificial (IA) poderia ter resolvido o mistério da fuga dos irmãos irmãos John e Clarence Anglin e Frank Morris da prisão de Alcatraz, que foi considerada uma das mais seguras dos …

Mais de 30 militares dos EUA ficaram com lesões cerebrais após ataque iraniano

Mais de 30 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque iraniano na base militar de Ain al-Assad, no Iraque. 34 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque levado …

Homem que torturou suspeitos de planear o 11 de setembro diz que o voltaria a fazer

James Mitchell torturou os cinco suspeitos de terem planeado o ataque de 11 de setembro de 2001. Em tribunal, disse que não tem remorsos e que o voltaria a fazer. James Mitchell foi o psicólogo responsável …

Belenenses e Belenenses SAD chegam a acordo para suspender ações judiciais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta sexta-feira, que foi alcançada uma suspensão das ações judiciais entre o Belenenses e a Belenenses SAD. Em comunicado publicado na sua página oficial, a FPF informou que o …

Amazon quer que os clientes paguem com as mãos

A gigante tecnológica Amazon quer que os  clientes comprem e efetuem o pagamento com um aceno da mão em vez de passar um cartão numa máquina. De acordo com o Wall Street Journal, que cita fontes …