Papa Francisco admite nomear mulheres para cargos ‘só de homens’ na Igreja

1

(dr) Vatican News

O Papa Francisco com a freira Raffaella Petrini

O Papa Francisco com a freira Raffaella Petrini

O Papa Francisco afirmou que quer dar ao sexo feminino cargos mais importantes na Igreja Católica e, pela primeira vez, pode nomear uma mulher para o comité exclusivamente masculino que o ajuda a nomear bispos.

Como avançou esta quarta-feira a Reuters, citando uma entrevista que o Papa deu à agência a 02 de julho, Francisco afirmou que está “disposto a dar uma oportunidade às mulheres”.

Durante a mesma entrevista, o pontífice referiu ainda que, no último ano, já tinha nomeado uma mulher – a Freira Raffaella Petrini – como número dois do Governo da Cidade do Vaticano.

Acrescentou também que “duas mulheres vão ser nomeadas para o comité que elege os bispos”, uma decisão que ainda não foi anunciada oficialmente.

À mesma agência, Francisco também afirmou, recentemente, que a hipótese de renunciar não está em cima da mesa e que essa a possibilidade não lhe passou pela cabeça quando agendou a visita à cidade italiana de L’Aquila.

  ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.