Cientistas desenvolvem pacemaker alimentado por batimentos cardíacos

Lucien Monfils / Wikimedia

Radiografia de um paciente com um pacemaker

Uma equipa de investigadores desenvolveu um dispositivo que converte a energia mecânica do coração em energia elétrica. O pacemaker foi testado com sucesso em porcos.

Os cientistas afirmam que este avanço na medicina é um importante passo para o desenvolvimento de dispositivos médicos implantáveis sem bateria. As baterias atuais dos pacemakers têm uma duração de sete a dez anos e substituí-los implica uma cirurgia que não sai barata aos pacientes.

Este novo pacemaker consiste em três componentes: um gerador ligado ao coração que converte a energia mecânica do órgão em energia elétrica; uma unidade que gere a energia e a armazena; e o próprio pacemaker, que estimula e regula o músculo cardíaco.

Zhou Li, do Beijing Institute of Nanoenergy and Nanosystems, e Zhong Lin Wang, do Georgia Institute of Technology, implantaram o inovador dispositivo em dois porcos machos adultos. No primeiro animal, que tinha um coração saudável, a equipa de cientistas testou de que forma o gerador colheu a energia.

Os cientistas acionaram o dispositivo e foi gerada energia mais do que suficiente para alimentar uma versão humana do pacemaker, segundo o artigo científico publicado na Nature Communications. Quando o dispositivo – que havia sido carregado pelo coração do porco durante cerca de uma hora – estava ligado, os batimentos cardíacos do animal tornaram-se regulares e permaneceram assim, mesmo depois de ter sido desligado.

O tamanho, a segurança e a eficiência deste novo dispositivo ainda precisam de ser melhorados, pelo que o teste em seres humanos ainda não tem data marcada. ainda assim, para o engenheiro biomédico da Duke University, Patrick Wolf, esta é “uma conquista significativa“.

Ainda assim, segundo o Scientific American, os obstáculos de tamanho e eficiência são significativos, e a eficácia do pacemaker num coração menos dinâmico e doente ainda está por determinar.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas desmascaram teoria comum sobre canhotos

Desde sempre houve muitas alegações sobre o que significa ser canhoto e se muda o tipo de pessoa que alguém é — mas a verdade é quase um enigma. Mitos sobre a lateralidade aparecem ano após …

Arranca a greve na Ryanair. Empresa não descarta atrasos ou mudanças de voos

Os tripulantes da Ryanair começam esta quarta-feira uma greve de cinco dias, até domingo, convocada pelo Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) e que conta com serviços mínimos decretados pelo Governo. Nesta …

O navio Open Arms já atracou em Lampedusa

O navio Open Arms chegou ao porto da ilha de Lampedusa por volta da meia-noite, hora italiana, depois do procurador de Agrigento, Luigi Patronaggio, ter ordenado a apreensão do navio e o desembarque imediato dos …

Fernando Haddad condenado a quatro anos e meio de prisão

O ex-prefeito de São Paulo e antigo candidato às Presidenciais brasileiras foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão, em regime semiaberto, por recursos financeiros não declarados durante a eleição municipal de 2012. Fernando …

Reunião com motoristas termina sem acordo. Há troca de acusações e uma nova greve à vista

Falhou esta terça-feira o acordo para iniciar um processo de mediação entre Antram, que representa as empresas, e o Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP). A Antram acusou, esta terça-feira, o Sindicato dos Motoristas …

Alzheimer ataca regiões do cérebro que nos mantêm acordados durante o dia

Demasiadas sonecas durante o dia são um dos primeiros sinais externos do Alzheimer, embora seja difícil dizer por que isso acontece. Alguns cientistas sugeriram que a doença perturba as regiões do cérebro que promovem o …

Caminhar e correr torna-se agora mais fácil com estes novos calções robóticos

Cientistas da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, criaram uns calções robóticos que nos fazem sentir até sete quilos mais leves quando estamos a caminhar ou a correr. Esta invenção poderá ajudar pessoas que caminhem …

Imagens da NASA mostram que a Lua brilha mais do que o Sol

Se os nossos olhos pudessem ver radiação altamente energética chamada raios-gama, a Lua pareceria mais brilhante do que o Sol. É assim que o Telescópio Espacial de Raios-gama Fermi da NASA tem visto o nosso …

Novo estudo adensa mistério sobre "Lago dos Esqueletos" nos Himalaias

Esqueletos humanos encontrados no lago Roopkund, na Índia, pertenceram a pessoas de origens várias, algumas do Mediterrâneo, que morreram em eventos separados por mil anos. O lago Roopkund, na Índia, é famoso por terem sido descobertos …

Livro que pertencia à biblioteca particular de Fernando Pessoa vai a leilão

Um livro que pertenceu à biblioteca particular de Fernando Pessoa foi colocado à venda na leiloeira BestNet Leilões, que funciona apenas online. O leilão n.º 2291 só termina na segunda semana de setembro, mas o valor …